Ramón Novarro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ramón Novarro
Fotografia de Ramón Novarro
Nome completo Juan Ramón Gil Samaniego
Nascimento 6 de Fevereiro de 1899
Victoria de Durango, Durango,  México
Morte 30 de outubro de 1968 (69 anos)
Hollywood, Califórnia,  Estados Unidos
Ocupação Ator, roteirista, produtor e diretor
Atividade 1917 - 1968
Página oficial
IMDb: (inglês)


Ramón Novarro, cujo nome verdadeiro era Juan Ramón Gil Samaniego, (Victoria de Durango, Durango, 6 de Fevereiro de 1899Hollywood, Califórnia; 30 de Outubro de 1968) foi um ator mexicano que participou de 55 filmes e também trabalhou como roteirista, produtor e diretor.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi um dos grandes latin lovers do cinema mudo. Nasceu no seio de uma família rica. Seu pai era um dentista que exilou-se em Los Angeles para escapar da Revolução Mexicana em 1913.[1] Primo de Dolores del Rio,[1] começou sua carreira cinematográfica em 1916 dirigido por Cecil B. DeMille e completava sua renda trabalhando como cantor e garçom. Sua mulher, a atriz Alice Terry e o diretor Rex Ingram começaram a promovê-lo como rival de Rudolph Valentino. Ingram sugeriu que ele mudasse seu nome para Novarro. Desde 1923 Ramón começou a atuar em papéis mais importantes. Seu papel em Scaramouche (1923) significou seu primeiro grande sucesso. Em 1925 alcançou o seu maior sucesso como protagonista em Ben-Hur, causando seu vestuário uma grande sensação. Foi aí que Novarro alcançou o estrelato da elite de Hollywood. Com a morte de Valentino em 1926, Novarro se tornou o ator latino mais importantes da mídia.

A mudança do cinema mudo para o sonoro não afetou seu sucesso, especializando-se em musicais. Estava muito interessado em negócios imobiliários e chegou a gastar 10.000 dólares por semana. Em 1934 protagonizou dentro do filme The Cat and the Fiddle a primeira cena de ação real da história do cinema rodada em Technicolor três tiras (já havia rodado algumas cenas no antigo Technicolor de duas tiras dentro de Ben-Hur). No término do seu contrato com a MGM, em 1935, seu cachê começou a cair, trabalhando esporadicamente em filmes de série B e também tentou a sorte na Broadway.

com Lupe Vélez em Laughing Boy (1934)

Novarro teve muitos conflitos egotistônicos por ser homossexual e por causa sua criação tradicional na fé católica.

Há rumores de que a MGM tentou conceder a Novarro um casamento de fachada, sendo que o mesmo recusou. No entato, há quem – incluindo o biógrafo de Novarro, André Soares – que nega que tenha existido tal coerção.

Morte[editar | editar código-fonte]

Ramón Novarro foi assassinado por dois irmãos, os quais havia convidado a uma festa em sua casa para manter relações sexuais, e que trataram de roubá-lo ao acreditarem que mantinha uma grande soma de dinheiro consigo. Depois de torturá-lo, asfixiaram-no e cortaram e o degolaram com uma pequena faca e saquearam sua casa, onde roubaram apenas US$ 20. Está enterrado no cemitério Calvary em Los Angeles.

Homenagens[editar | editar código-fonte]

Novarro tem sua estrela na Calçada da Fama em Hollywood, comemorando sua contribuição à indústria cinematográfica em 6350 Hollywood Boulevard. No final de 2005 o Wings Theatre na cidade de Nova York foi sede da estreia mundial de Through a Naked Lens por George Barthel. A obra combinou fatos e ficção para mostrar a ascensão à fama de Novarro e seu relacionamento com o jornalista hollywoodiano Herbert Howe.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • Joan The Woman, 1917
  • The Jaguar's Claws, 1917
  • The Little American, 1917
  • The Hostage, 1917
  • The Woman God Forgot, 1917
  • The Goat, 1918
  • The Small Town Idol, 1921
  • The Concert, 1921
  • The Four Horsemen Of The Apocalypse, 1921
  • Man-Woman-Marriage, 1921
  • Mr. Barnes of New York, 1922
  • El prisionero de Zenda, 1922
  • Trifling Women, 1922
  • Where the Pavement Ends, 1923
  • Scaramouche, 1923
  • Thy Name Is Woman, 1924
  • The Arab, 1924
  • The Red Lily, 1924
  • A Lover's Oath, 1925
  • The Midshipman, 1925
  • Ben-Hur, 1925
  • Lovers?, 1927
  • The Student Prince in Old Heidelberg, 1927
  • The Road to Romance, 1927
  • Across to Singapore, 1928
  • A Certain Young Man, 1928
  • Forbidden Hours, 1928
  • The Flying Fleet, 1929
  • The Pagan, 1929
  • Devil-May-Care, 1929
  • Le Chanteur de Séville, 1930
  • In Gay Madrid, 1930
  • Call of the Flesh, 1930
  • Sevilla de mis amores, 1930
  • Wir schalten um auf Hollywood, 1930
  • Daybreak, 1931
  • Son of India, 1931
  • Mata Hari, 1932
  • Huddle, 1932
  • 'The Son-Daughter, 1932
  • The Barbarian, 1933
  • The Cat and the Fiddle, 1934
  • Laughing Boy, 1934
  • The Night Is Young, 1935
  • The Sheik Steps Out, 1937
  • A Desperate Adventure, 1938
  • Ecco la felicità, 1940
  • La Comédie du bonheur, 1940
  • La Virgen que forjó una patria, 1942
  • We Were Strangers, 1949
  • The Big Steal, 1949
  • The Outriders, 1950
  • Crisis, 1950
  • Heller in Pink Tights, 1960

Referências

  1. a b Meier, Matt S.; Gutiérrez, Margo. The Mexican American Experience: An Encyclopedia. [S.l.]: Greenwood Publishing Group, 2003. 284 pp. ISBN 0-313-31643-0

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Ramón Novarro