Stephanie McMahon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Stephanie McMahon
Nome(s)
no ringue
Stephanie McMahon
Stephanie McMahon-Helmsley
Altura 1.72m
Peso 55kg
Nascimento 24 de Setembro de 1976 (37 anos)
Hartford, Connecticut
Residência Greenwich, Connecticut
Estreia 20 de setembro de 1999

Stephanie Marie McMahon-Levesque (nascida a 24 de Setembro de 1976 em Hartford, Connecticut) é a filha do dono da WWE Vince McMahon e da CEO da WWE Linda McMahon e irmã de Shane McMahon. Actualmente é a Vice-Presidente Sénior do Departamento Criativo da WWE. Ela é casada com um dos maiores lutadores da história Paul Levesque (Triple H) e com ele possui três filhas, Aurora Rose Levesque nascida a 24 de julho de 2006, Murphy Marie Levesque, nascida a 28 de julho de 2008, e Vaughn Evelyn Levesque, nascida a 24 de agosto de 2010.

McMahon-Levesque aparecia regularmente nas transmissões televisivas da WWE entre 1999 e 2003, tendo feito ainda algumas aparências após isso. Ela já foi a Campeã Feminina da WWE, General Manager da SmackDown e da Raw.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Stephanie McMahon nasceu a 24 de setembro de 1976, em Hartford, Connecticut. Filha de Vince McMahon e Linda McMahon, Stephanie começou a sua carreira na WWF aos 13 anos, onde trabalhou em catálogos de t-shirts, chapéus, etc. Foi para a Boston University, onde obteve um diploma em Comunicações. Após graduar-se em 1998, começou a trabalhar definitivamente na WWF.

Storylines[editar | editar código-fonte]

Rapto de Undertaker e relação amorosa com Test (1999)[editar | editar código-fonte]

Em 1999, por sugestão do escritor da WWE Vince Russo, Stephanie estreou-se na WWE, conhecida naqueles tempos por WWF, durante uma cena desenvolvida por Vince McMahon e The Undertaker. Undertaker perseguiu McMahon e tentou casar com ela no meio do ringue, mas não conseguiu devido à ajuda de Stone Cold Steve Austin. Depois, McMahon começou uma relação amorosa com Test, o que culminou numa rivalidade entre ele e o irmão mais velho de McMahon, Shane McMahon. Depois de Test ter derrotado Shane num "Love Her Or Leave Her Match" no SummerSlam, os dois juntaram-se para lutar num combate contra Jeff Jarrett e Debra a 20 de setembro de 1999. Durante a cerimónia de casamento entre McMahon e Test, Triple H interrompeu e mostrou um vídeo onde se via claramente que o "The Game" deu drogas a Stephanie e levou-a para Las Vegas, onde se casaram. McMahon parecia detestar Triple H no início, mas, eventualmente, revelou que ela havia-se aliado a ele e que o casamento era real - uma espécie de vingança contra o pai pelos sequestros mencionados - tornando "villain".

Era McMahon-Helmsley[editar | editar código-fonte]

Em 2000, devido à ausência de Vince McMahon depois do seu combate com Triple H no Armageddon 1999, Triple H e Stephanie tornaram-se os "donos" de tudo o que se passava no ecrâ. Este período ficou conhecido como a "Era McMahon-Helmsley" dominada pela McMahon-Helmsley Faction. Triple H manteve o WWF Championship enquanto que McMahon manteve o WWF Women's Championship depois de derrotar a campeã Jacqueline com a ajuda de Tori e D-Generation X na edição do SmackDown de 28 de março. McMahon reconciliou-se com Vince McMahon e Shane McMahon depois destes ajudarem Triple H a reter o WWF Championship contra The Rock na WrestleMania 2000, deixando Linda McMahon sozinha nos favoritos dos fãs na família McMahon. Stephanie perdeu o WWF Women's Championship para Lita no RAW de 21 de agosto de 2000.

In Wrestling[editar | editar código-fonte]

  • Nicknames
    • "The Billion Dollar Princess"[5]
    • "The Billionaire Princess"[6]
    • "Daddy's Little Girl"

Championships and accomplishments[editar | editar código-fonte]

Finishing Moves

    • Pedigree ( Kneeling Double Underhook Facebuster )
    • DDT

Signature Moves

    • Billion Dollar Slap

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Guttman, James. World Wrestling Insanity: The Decline and Fall of a Family Empire. [S.l.]: ECW Press, 2006. ISBN 1-55022-728-9
  • Keith, Scott. Wrestling's Made Men: Breaking the WWE's Glass Ceiling. [S.l.]: Citadel Press, 2006. ISBN 0-8065-2771-4
  • Keith, Scott. Wrestling's One Ring Circus: The Death of the World Wrestling Federation. [S.l.]: Citadel Press, 2004. ISBN 0-8065-2619-X
  • Oppliger, Patrice A.. Wrestling and Hypermasculinity. [S.l.]: McFarland, 2004. ISBN 0-7864-1692-0
  • Peterson Kaelberer, Angie. The McMahons: Vince McMahon and Family. [S.l.]: Capstone Press, 2003. ISBN 0-7368-2143-0

Links externos[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Stephanie McMahon
Portal A Wikipédia possui o portal:
  • Professional wrestling
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) lutador(a) profissional é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

  1. Schaefer, A. R.. Olympic Hero: Pro Wrestler Kurt Angle. [S.l.]: Capstone Press, 2002. p. 5. ISBN 0-7368-1310-1
  2. Keith, Scott. Wrestling's Made Men, 10
  3. Guttman, James. World Wrestling Insanity, 47
  4. Reynolds, R.D. and Randy Baer. WrestleCrap: The Very Worst of Pro Wrestling. [S.l.]: ECW Press, 2003. 257–259 p. ISBN 1-55022-584-7
  5. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas king
  6. Stephanie McMahon's WWE alumni profile. WWE. Página visitada em 2012-05-17.
  7. Wrestling Information Archive - Pro Wrestling Illustrated Award Winners - Woman of the Year. Pro Wrestling Illustrated. Página visitada em 2007-07-18. Cópia arquivada em January 3, 2011.
  8. Wrestling Information Archive - Pro Wrestling Illustrated Award Winners - Feud of the Year. Pro Wrestling Illustrated. Página visitada em 2007-07-19. Cópia arquivada em July 7, 2011.