R-Truth

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
R-Truth
Nome(s)
no ringue
K-Krush
K-Kwik
K. Malik Shabazz
Ron "The Truth" Killings
R-Truth
Altura 1,88 m
Peso 100 kg
Nascimento 19 de Janeiro de 1972 (42 anos)
Atlanta, Geórgia
Residência Charlotte, Carolina do Norte
Treinado por Manny Fernandez
Chris Hamrick
Italian Stallion
George South
Estreia 1997

Ronnie Aaron "Ron" Killings[1] (Atlanta, 19 de janeiro de 1972) é um rapper e lutador de wrestling profissional estadunidense que atualmente trabalha para a WWE sob o nome "R-Truth", lutando no programa Raw.

Desde que começou a trabalhar com a WWE, ele já ganhou o United States Championship uma vez, e duas vezes o Hardcore Championship sob o nome K-Kwik.[2] Killings também trabalhou para a Total Nonstop Action Wrestling como K-Krush e, mais tarde, como Ron "The Truth" Killings, onde tornou-se o primeiro afro-americano Campeão Mundial dos Pesos-Pesados da NWA,[3] o vencendo em duas ocasiões. Além disso, ganhou duas vezes o NWA World Tag Team Championship e uma vez o TNA World Tag Team Championship.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Jackie Crockett, um cinegrafista para o Campeonato Mundial de Wrestling (WCW), levou Truth para vários eventos de wrestling profissional, a fim de introduzí-lo na indústria. R-Truth estreou na PWF em 1997 como gerente, e depois de viajar com Manny Fernandez para melhorar o seu estilo de luta. Em 1999, ele estreou na NWA Wildside sob o nome K-Krush, onde ganhou o NWA Wildside Television Championship. Killings perdeu o título para A.J. Styles em 8 de janeiro de 2000.

World Wrestling Federation (1999-2001)[editar | editar código-fonte]

Truth tinha assinado em 1999 um contrato de dois anos com a World Wrestling Federation e foi designado para a Corporação de Desenvolvimento Memphis Championship Wrestling. Em 12 de abril de 1999, ganhou o Sul Heavyweight Championship do MCW, perdendo para Jerry Lawler, em 24 de maio. No entanto, ele voltou a vencer o título ao derrotar Joey Abs meses mais tarde, em 29 de agosto. Em 3 de novembro, seu segundo reinado acabou quando ele perdeu para Steve Bradley [4].

R-Truth e outros foram promovidos para o campus principal, como um parceiro de Road Dogg, estreando em 13 de novembro de 2000 na Raw, atacando de William Regal em uma partida com Road Dogg. R-Truth mudou seu nome para K-Kwik e Road Dogg com rap começou a entrar no ringue. [4] No Survivor Series, Killings fez equipe com Road Dogg, Billy Gunn e Chyna para enfrentar o Radicalz na luta clássica de eliminação. Durante o jogo, Truth foi eliminado por Chris Benoit, e The Radicalz venceu a partida. Armageddon, em seguida, começou um tiro no campeonato para a WWF, mas a luta foi ganha por Edge & Christian [4].

Após a demissão de Road Dogg em Dezembro de 2000, Truth tornou-se um concorrente singles. Participou em 2001 no Royal Rumble mas foi eliminado por Big Show. Depois, Killings venceu o Hardcore Championship em duas ocasiões distintas, após derrotar Raven, perdendo as duas vezes em menos de um dia versus Bater Holly. [5].

Killings foi despedido da empresa em meados de 2001, meses depois de assinar com a Total Nonstop Action Wrestling (TNA)

Total Nostop Action Wrestling (2002-2007)[editar | editar código-fonte]

2002-2003[editar | editar código-fonte]

Killings na TNA.

R-Truth estreou na TNA em 19 de junho de 2002, sob o nome K-Krush, entrando em um confronto com Brian Christopher. Uma semana mais tarde, Christopher K-Krush foi derrotado em sua primeira partida pela empresa. No entanto, os R-Truth e Jeff Jarrett derrotaram Christopher Scott e Christopher Hall, quando ela o traiu e se juntou R-Truth e Jarrett.

Em julho de 2002, mudou seu nome para Ron "The Truth" Killings e em 7 de agosto ganhou o NWA World Heavyweight Championship derrotando Ken Shamrock. Ele conseguiu manter o título de lutadores como Jerry Lynn, Monty Brown, Low-Ki Curt Hennig e antes de perder para Jeff Jarrett em 20 de novembro de 2002. Na luta contra Jarrett, Vince Russo atacou Killings, fazendo face. Antes do final do ano, ele entrou em uma pequena rivalidade com BG James, que terminou quando Killings & Jerry Lynn derrotaram BG James e Don Harris. Em março de 2003, foi novamente matanças calcanhar quando ele atacou Jeff Jarrett. Uma semana mais tarde, introduziu um novo guarda-costas, chamado Nelson Knight, que o ajudou a vencer as batalhas. No entanto, apenas dias depois, voltou ao rosto, juntando-BG James e Konnan.

Killings, Konnan e James formaram um grupo chamado 3Live Kru, que estreou batendo Sinn 13 agosto, Vampire Warrior & Devon Storm. Em 12 de novembro, Killings venceu uma batalha que deu Kru 3Live um tiro no jogo do Campeonato do Mundo para o NWA, então em 19 de novembro, lutou contra o campeão Simon Diamond & Johnny Swinger. No entanto, a luta terminou sem resultado, de modo que os títulos continuaram a pertencer a Diamond e Swinger. Em uma revanche da luta, em 26 de novembro, os Killings, e Konnan derrotou James Diamonds, Swinger e Glenn gilberti, vencendo o campeonato.

2004[editar | editar código-fonte]

Em 28 de janeiro, 3Live Kru perdeu o campeonato em duplas, agora a equipe focada no desejo de Killings a tornar-se World Heavyweight Champion da NWA novamente. Em 24 de março, ele ganhou uma batalha real para enfrentar Abyss, o que lhe permitiram definir o desafiante nº 1, mas foi derrotado nessa batalha. Apesar de que em 28 de abril recebeu um tiro do título contra AJ Styles, que foi perseguido e derrotado. Su para o campeonato terminou em 19 de maio, quando derrotou Styles, Chris Harris e Raven, vencendo o seu título. Sin segundo reinado, mas durou apenas duas semanas, pois Jeff Jarrett derrotou Ron Killings, AJ Styles, Raven e Chris Harris no primeiro rei da montanha vencedora em 2 de junho, o NWA World Heavyweight Championship.

Mortes começaram uma briga com Jarrett e Canadá Team nos meses seguintes. Em 23 de junho, Jarrett derrotado em uma luta pelo título, mas a decisão foi revertida porque Killings usou uma guitarra para bater Jarrett, por isso não conseguiu o campeonato. Em 2 de julho Team Canada (Petey Williams Bobby Rude & Eric Young) derrotou 3Live Kru e uma semana depois Killings Jarrett derrotado graças a distração de Ken Shamrock. O fim desta feud veio quando as mortes Team (3Live Kru, Dusty Rhodes e Larry Zbyszko) derrotou Team Jarrett (Jarrett, Shamrock, Onyx, Chad Collyer & Hotstuff Hernandez) em 14 de julho de 2004 Entre agosto e novembro de 2004, matando afastado alguns Kru 3Live, formando uma aliança com o curto AJ Styles e Jeff Hardy, ganhando várias partidas invicto remanescente no combate aos pares para a duração dessa aliança. Na Victory Road, Killings venceu uma batalha em pares e os outros dois membros da 3Live Kru (BG James e Konnan), ganhou o World Championship para a NWA, quando ele derrotou Bobby Rude & Eric Young. No entanto, Turning Point em 5 de dezembro, jovens e Rude derrotou James e Killings, reconquistar o título em pares.

2005[editar | editar código-fonte]

Killings equipe iniciou uma briga com Christopher Daniels, Kazarian Frankie & Michael Shane, que foi derrotado na resolução final, mas foram derrotados em uma edição do Impact!. Depois disso, Daniels e Killings enfrentaram novamente, desta vez em combate pelo X Division Championship no Destination X, com a vitória para o primeiro.

Em julho, ele estreou na TNA The Outlaw (mais tarde conhecida como Kip James), um ex-parceiro BG James na WWF. Isto levou a uma história em que James tinha que decidir entre Kip ou Kru 3Live, levando para as reuniões entre Killings e Kip James no Hard Justice e Slammiversary, com uma derrota e uma vitória por homicídios, respectivamente. Posteriormente em No Surrender, Kip James e Monty Brown derrotou Killings e Konnan equipe, mas na revanche em sacrifício, a segunda equipe deixou victorioso.Sin Mas neste segundo encontro, BG James ajudou 3Live Kru, tornando clara a sua lealdade à equipe.

Durante os meses seguintes, novamente 3Live Kru rivalizou com a equipe do Canadá, triunfos e derrotas partilha em quatro eventos do PPVs da TNA (Unbreakable, Bound for Glory, Turning Point e Genesis). Convém notar que em Gênesis, Kip James atacou Equipe do Canadá, juntando-se ao grupo de mortes, que foi renomeado Kru 4live. No entanto, no ponto de giro, o grupo se desfez quando Konnan atacado Kip.

World Wrestling Entertainment (2008-presente)[editar | editar código-fonte]

2008-2009[editar | editar código-fonte]

Em 25 de julho começou a transmitir vídeos R-Truth anunciando a estreia da WWE, com o nome de R-Truth. No Dia 29 de agosto, estreou na SmackDown! como um rosto derrotar Kenny Dykstra. Durante as semanas seguintes permaneceu invicto ao derrotar Bam Neely, Chavo Guerrero, Shelton Benjamin e MVP.

Ele recebeu sua primeira perda por pinfall no Cyber Sunday, quando foi eleito para lutar pelo campeonato contra os Estados Unidos Shelton Benjamin, mas não venceu a luta. Na semana seguinte na SmackDown! mais uma vez perdeu a chance para o campeonato contra Benjamin. No Survivor Séries, sua equipe foi derrotada pela equipe de Randy Orton na eliminação clásica.Participó luta no Royal Rumble 2009, mas não venceu. Em 2009 7 de agosto na Smackdown, ele não poderia ganhar em um Final Fight 4 maneiras de ter a oportunidade de participar em Summerslam de 2009 para o Intercontinental Championship, o vencedor sendo Dolph Ziggler. Então começou uma rivalidade com o novato Drew McIntyre, culminando na Hell in a Cell, perdendo Killings.

Em gabava Direitos Team SmackDown (Chris Jericho, Kane, R-Truth, Finlay, The Hart Dynasty (David Hart Smith e Tyson Kidd) e Matt Hardy) derrotou Team RAW (D-Generation X (Triple H e Shawn Michaels), Cody Rhodes, The Big Show, Kofi Kingston, Jack Swagger & Mark Henry), após uma traição de Show. No Survivor Séries, a equipe Kingston (Kofi Kingston, MVP, Mark Henry, R-Truth & Christian) derrotou Team Orton (Randy Orton, Ted DiBiase, Cody Rhodes, CM Punk e William Regal).

Várias disputas, NXT e Heel's Turn (2010-2011)[editar | editar código-fonte]

Killings no WWE Tribute to the Troops em dezembro de 2010.

Na WrestleMania XXVI R-Truth juntou-se a John Morrison para enfrentar The Miz e Big Show pelo Unified WWE Tag Team Championship mas saíram derrotados após John Morrisson sofrer um murro potente de Big Show. R-Truth foi transferido no Draft para o Raw. Ele feud com Ted DiBiase, onde culminou uma luta no Over The Limit, onde R-Truth venceu.

No Raw de 24/05 teve a chance de se tornar o novo United States Champion, pois Bret Hart deu a R-Truth uma luta contra The Miz pelo United States Championship, com toda força e agilidade saiu vitorioso, assim vencendo seu primeiro título individual da WWE.

R-Truth já teve problemas com policiais na fronteira canadense por isso não pode participar no PPV de uma semana. Na RAW antes do Fatal Four-Way, ele perdeu o título para The Miz em uma luta que envolveu também John Morrison e Zack Ryder.

Já foi da equipa de John Cena junto com Edge, John Morrison, The Great Khali, Chris Jericho e Bret Hart para enfrentar os Nexus no SummerSlam (2010) e acabou vencendo essa luta.

Depois de lutar ao lado de Eve Torres numa feud com Maryse e Ted DiBiase, Jr., no programa NXT Season 4, foi o Pro de Johnny Curtis, que mais tarde iria se consagrar o vencedor.

Ele participou do Royal Rumble 2011,, mas não venceu.

Na semana seguinte, ele participou do RAW Rumble, mas ele não conseguiu, com a estipulação, os perdedores irão participar do evento Elimination Chamber para ver quem irá enfrentar The Miz na Wrestlemania XXVII, mas ele não conseguiu, foi o 1° eliminado, e o vencedor foi John Cena.

No Raw de 4 de novembro de 2011, esteve num 5-Man Gauntlet Match para ver quem iria lutar com o The Miz pelo WWE Championship no Extreme Rules (2011). Ele derrotou John Morrison, mas no final o The Miz interferiu no seu combate com John Cena. Por ordem do Supervisor Anônimo Geral do Raw (Anonymous Raw General Manager), ele teve que enfrentar The Miz e John Cena pelo WWE Championship no Extreme Rules 2011. Na semana seguinte, ele defrontou John Morrison, se Morrison ganhasse o combate, substituiria R-Truth no Extreme Rules. Morrison venceu e R-Truth acabou por atacá-lo depois do combate, se tornando Heel; depois do ataque, ele pegou um cigarro de um fã, fumou e soprou a fumaça no rosto de Morrisson. Na semana seguinte, durante o seu discurso maldoso, ele foi atacado por Morrison. No Extreme Rules, ele inferferiu na luta, atacando Morrison e custando o título. Na outra semana, ele atacou Morrison na entrada deste no ringue e lesionou-o. No RAW seguinte, depois da luta pelo desafiante pelo WWE Champion, ele atacou Rey Mysterio. No Raw do dia 30 de maio de 2011, após uma luta contra John Cena, R-Truth jogou refrigerante na cara de um homem na plateia que estava com a camiseta do Cena. Semanas depois, R-Truth formou uma tag com The Miz, lutou contra Kofi Kingston e Evan Bourne pelo Título de Duplas da WWE. No Supershow Raw fizeram uma luta de duplas contra CM Punk e John Cena, mas perderam e depois foram demitidos de forma misteriosa. Na segunda, dia 10 de outubro de 2011, apareceram e atacaram Cm Punk e Del Rio, e acabaram presos (Kayfabe), fazia Tag Team com The Miz chamada Awesome Truth. Após o Survivor Series, foi traído por The Miz, atacando-o com um Skull Crushing Finale fora do ringue, mas no Raw do dia 26 de dezembro ele voltou se vingando de The Miz.

Dupla com Kofi Kingston, conquista e perda do WWE Tag Team Championship(2012)[editar | editar código-fonte]

R-Truth lutou com The Miz e venceu e The Miz foi forçado a ser o primeiro do Royal Rumble. No Royal Rumble, Truth entrou em 3º, mas foi eliminado por The Miz. No Raw de 30 de Janeiro ele foi anunciado, junto à Kofi Kingston, The Miz, Chris Jericho, Dolph Ziggler e CM Punk, como participante da Elimination Chamber Match pelo WWE Championship no Elimination Chamber, luta que foi o primeiro eliminado.

Em 12 de março foi anunciado pelo Site da WWE a Teddy Long e John Laurinaitis, que cada um deles escolheria seis superastros para representar-lhes em uma 12-man Tag Team Match, onde o vencedor daria ao seu representado o direito de gerenciar os dois Shows(Raw e SmackDown), a luta aconteceria no WrestleMania. Teddy Long escolheu Santino Marella(como seu capitão), R-Truth,Kofi Kingston, The Great Khali, Zack Ryder e Booker T.

No Wrestlemania, porém seu time foi derrotado pelo Time Johnny David Otunga(capitão), Dolph Ziggler, Jack Swagger, Mark Henry, Drew McIntyre e The Miz. No Raw de 30 de abril Truth conquistou, ao lado de Kofi Kingston, o WWE Tag Team Championship.

Na série Survivor, fez tag team junto ao The Miz contra John Cena e The Rock.

Defenderam seus titles, com sucesso, no Over the Limit contra Jack Swagger e Dolph Ziggler. No Money in the Bank derrotaram Hunico e Camacho. No SummerSlam derrotaram The Prime Time Players(Darren Young e Titus O'Neil. Finalment, no Night of Champions perderam os seus títulos, depois de passar 139 dias com esses, para Team Hell No(Kane e Daniel Bryan).

Outras Midias[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título original Personagem Notas Ref
2003 Head of State Ron "The Truth" Killings [4]
2008 The Wrestler Ron "The Truth" Killings [5]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Invinceable (2003)[6]

No wrestling[editar | editar código-fonte]

Killings em dezembro de 2010.
  • Alcunhas
    • "The Truth"[9]
    • "The Suntan Superman"[22]
    • "The Conspiracy Theorist"[23]

Campeonatos e prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Cyberspace Wrestling Federation
    • CSWF Heavyweight Championship (1 vez)[29]
  • NWA Wildside
    • NWA Wildside Television Championship (1 vez)[31]
  • Wrestling Observer Newsletter

Referências

  1. North Carolina DOC Offender Public Information.
  2. WWE profile. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2010-04-27.
  3. a b c Ron Killings Bio. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-07-02.
  4. Head of State cast credits.
  5. The Wrestler cast credits.
  6. K-Krush - Invincible. Wrestling Media.ws.
  7. Tedesco, Mike (2008-08-30). Smackdown Results - 8/29/08 - Pittsburgh, PA - (HHH vs. Benjamin). WrestleView. Página visitada em 2010-05-27.
  8. Parks, Greg (2008-10-17). Parks' WWE SmackDown report 10/17: Ongoing "virtual time" coverage, including Kozlov vs. Hardy. PWTorch. Página visitada em 2010-05-27.
  9. a b Cagematch profile.
  10. 411's Instant Analysis 04.06.12: WWE SmackDown.
  11. Caldwell, James (2011-03-03). Caldwell's WWE Superstars report 3/3: Complete coverage of Rock replay in "main event" slot, Santino & Kozlov, Regal vs. Truth. Pro Wrestling Torch. Página visitada em 2011-03-05.
  12. Tedesco, Mike. Raw Results - 8/8/11. Wrestleview. Página visitada em 2012-04-28.
  13. Caldwell, James (2011-09-12). Caldwell's WWE Superstars report 9/1: Morrison vs. Truth main event, Ryder vs. Kidd, squash matches. Pro Wrestling Torch. Página visitada em 2011-09-01.
  14. The Wrestling Bazaar: NWA/TNA Weekly PPV #13.
  15. a b c d e f g h i j OWOW bio. Online World of Wrestling. Página visitada em 2008-08-15.
  16. 11/7 TNA Victory Road PPV review: In-person perspective on first TNA Sunday PPV.
  17. The Wrestling Bazaar: NWA/TNA Weekly PPV #8.
  18. a b c 411's WWE Superstars Report 06.24.10.
  19. KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 9/5: Khali vs. Triple H in lumberjack match, MVP vs. Shelton, Kendrick vs. Hardy, final PPV hype.
  20. Tedesco, Mike (2008-09-16). Smackdown Results – 9/12/08 – Milwaukee, WI ('New #1 Contender'). WrestleView.com. Página visitada em 2009-03-27.
  21. 411's WWE Superstars Report 11.26.09.
  22. Allinson, Gregg (2002-10-03). 10/2 NWA-TNA PPV review: Allinson's "alt perspective" report. PWTorch. Página visitada em 2010-11-25.
  23. Adkins, Greg. Raw Recall for June 1, 2011. WWE.
  24. Martin, Adam (2010-10-11). Raw Results - 10/11/10. WrestleView. Página visitada em 2010-10-17.
  25. a b c d e f Ron Killings' entrance themes.
  26. Right Time theme name confirmed via Twitter.
  27. WWE remixing "Awesome Truth".
  28. WWE theme "Little Jimmy".
  29. Westcott, Brian. Cyberspace Wrestling Federation/NWA Cyberspace Heavyweight Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  30. Westcott, Brian. MCW Southern Heavyweight Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  31. Westcott, Brian. NWA Wildside Television Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  32. Pro Wrestling Illustrated Top 500 – 2004. Wrestling Information Archive. Página visitada em 2008-07-02.
  33. Duncan, Royal. NWA World Heavyweight Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  34. Duncan, Royal. NWA World Tag Team Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  35. Oliver, Earl. TNA World Tag Team Championship history. Solie. Página visitada em 2008-06-21.
  36. Kofi Kingston and R-Truth's first WWE Tag Team Championship reign.
  37. R-Truth's first United States Championship reign.
  38. WWE Hardcore Championship history. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2008-06-21.
  39. WWE Slammy award winners. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2009-02-03.
  40. Meltzer, Dave (2007-01-22), "2006 Wrestling Observer Newsletter Awards", Wrestling Observer Newsletter (Campbell, CA): 1–12, ISSN 10839593 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]