Carlito (lutador)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlito
Nome(s)
no ringue
Carlito
Carlito Colón
Carly Colón
Carlos Colón, Jr.
Carlos Colóne
Carly Columbus
Altura 1,78 m[1]
Peso 100 kg[1]
Nascimento 21 de fevereiro de 1979 (35 anos)[2]
San Juan, Porto Rico[2]
Residência Miami, Flórida[1]
Treinado por Carlos Colón, Sr.
OVW
Estreia 1999

Carlos Edwin "Carly" Colón, Jr[2] (San Juan, 21 de Fevereiro de 1979[2] ) é um wrestler porto-riquenho que ficou mais conhecido por sua passagem pela WWE no programa Raw. Ele é filho do lendário Carlos Colón.

Como Carlito, quando defronta alguém que ele considera "not cool", dá uma grande dentada numa maçã, mastiga-a e cospe-a para sua cara. Ele também costuma usar táticas impopulares para ganhar combates, incluindo os combates em que ele ganhou os títulos de campeão dos Estados Unidos e intercontinental. Ele é também facilmente reconhecido pela sua grande cabeleira afro.

Após ganhar o WWE United States Championship, no seu primeiro combate televisivo, tornou-se um dos poucos wrestlers da WWE a ganhar um título na sua estréia pela WWE. Foi demitido em 21 de maio de 2010 depois de ser reprovado em um teste de drogas e não querer se internar em uma clínica de reabilitação [3]

Carreira[editar | editar código-fonte]

World Wrestling Council[editar | editar código-fonte]

A industria do pro- wrestling conheceu Carlito nesta federação, e foi aqui que Carlito teve uma feud com o seu irmão Eddy Colon. Era o heel mais odiado da federação, tendo cuspindo na cara do seu pai e lenda do wrestling Carlos Colón.

OVW[editar | editar código-fonte]

Antes de participar na WWE, Carlito esteve na OVW, para teinamentos, embora continuasse a lutar na WWC. Mas Carlito só viria a integrar o roster na SmackDown em Outubro de 2004.

World Wrestling Entertainment[editar | editar código-fonte]

SmackDown[editar | editar código-fonte]

A estréia de Carlito foi boa, tendo este ganho o título dos EUA de John Cena. Na SD! seguinte Carlito derrotou Rey Mysterio, permanecendo com o título dos EUA. No Survivor Series, Carlito e a sua equipe perderam um 8-men elimination match contra a equipe onde Cena estava integrado, e este recapturou o título dos EUA a Carlito. Dias depois, Carlito lesionara-se, tendo parado 2 meses até regressar à WWE.

Carlito quis despedir Theodore Long do cargo de GM da SD!, e organizou um abaixo-assinado, fazendo com que Linda McMahon entrevisse, e esta decidiu que Carlito iria ter de fazer o que Teddy pedisse, e o primeiro pedido foi Carlito limpar a neve. O segundo pedido foi entrevistar o Undertaker, tendo este feito um Tombstone a Carlito. O terceiro pedido foi Carlito trabalhar numa barraca de cachorros, tendo Carlito atirado ketchup para cima de um miúdo. O quarto foi para Carlito imitar Elvis, tendo este cantado "Jailhouse Rock" para o público de Memphis.

Carlito começou com a Carlito´s Cabana, que serviu de angle para a feud entre Rey Mysterio e Eddie Guerrero. Para além deste angle, ouve outro angle, mas dessa vez foi uma feud entre Big Show, e Carlito, e a feud deu-se porque Big Show recusou ser o guarda-costas de Carlito, tendo Carlito dado uma maçã fora da validade a Big Show.

Carlito introduziu o seu novo guarda-costas Matt Morgan, que esteve no lado de Carlito no Judgment Day, onde Carlito venceu Big Show após F5 de Morgan sem o árbitro ver. Após isto, Carlito e Morgan fizeram parte dos cruzados anti- ECW de Eric Bischoff no PPV One Night Stand.

RAW[editar | editar código-fonte]

Carlito e Ric Flair

Carlito foi sorteado para a RAW e na estréia ganhou o título Intercontinental. As sujas defesas de título aconteceram, uma delas no Vengeance, onde Carlito venceu com ajuda das cordas, as outras defesas contra Benjamin acabaram com Carlito a desqualificar-se, retendo o título. Após isto, Carlito não defendeu o título, participando no screw Job falhado a John Cena juntamente com Chris Jericho e com Eric Bischoff.

Mas as defesas de título aconteceram de novo, e após o Nature Boy ser um convidado numa Carlito´s Cabana, os dois iniciaram uma feud, tendo esta tido um combate no Unforgiven pelo título, e este mudou de mãos. Na desforra numa RAW, Flair derrotou Carlito. E no RAW Homecoming, Ric Flair e Triple H derrotaram Carlito e Masters num combate de tag team, tendo a feud entre Flair e Carlito culminado.

Carlito envolveu-se numa feud com Mick Foley, e esta culminou no Taboo Tuesday, onde Foley, actuando como Mankind venceu Carlito.

Carlito venceu Shelton Benjamin, apurando-se para a Team RAW no Survivor Series; Carlito nem foi dos mais participativos na feud entre RAW e SmackDown, contudo, Carlito foi o terceiro a ser eliminado na Team RAW por JBL.

2006[editar | editar código-fonte]

Carlito venceu novamente Shelton Benjamin, para se apurar para a Elimination Chamber, onde fez equipe com Masters, tendo ambos eliminado Kane. Imediatamente a seguir, Carlito eliminou Masters. Carlito foi o último a ser eliminado por John Cena, que assim manteve o seu título. No Royal Rumble, Carlito e Masters atuaram como uma equipe no Royal Rumble Match, mas Carlito eliminou Masters outra vez.

Contudo, mantiveram-se unidos, e Carlito deu a ideia do Money in the Bank 2 na Wrestlemania 22, embora não tenha participado neste combate, mas participou na Wrestlemania, lutando contra Kane e Big Show, com Masters pelos títulos, mas os gigantes venceram o combate, retendo os títulos. Após isto, Carlito virou-se contra Masters e ambos tiveram conflitos em RAWs, tendo esta feud acabado no Backlash, com a vitória de Carlito.

2008[editar | editar código-fonte]

No dia 26 de Setembro de 2008, aliou-se a Primo Colón para derrotarem Curt Hawkins e Zack Ryder e conquistar o WWE Tag Team Championship.

2009[editar | editar código-fonte]

Carlito e Primo entraram numa feud com os World Tag Team Champions Miz and Morrison por causa das Bella Twins. No WrestleMania XXV, Carlito e Primo derrotaram Morrison e Miz, unificando os títulos no novo WWE Unified Tag Team Championship.

No WWE Draft de 2009, for transferido pra RAW junto com Primo. No The Bash, Carlito e Primo perderam os títulos para Edge e Chris Jericho. Após perder sua revanche, Carlito atacou Primo. No Night of Champions (2009) participou no Six-Pac challenge pelo titulo dos Estados Unidos, mas acabou por perder. Retornou no Raw dia 30 de novembro confrontando John Cena.

2010[editar | editar código-fonte]

No WWE Superstars do dia 6/5/10, Carlito se desculpou com Primo fazendo assim novamente a dupla Carlito e Primo. Carlito foi demitido no dia 21 de maio após ser reprovado em um teste de drogas da WWE [4] .

Possível retorno a WWE[editar | editar código-fonte]

Carlito disse em uma entrevista que gostaria de retornar a empresa, mas nada é concreto. Foi anunciado que Carlito poderia ser um dos lutadores surpresas da Royal Rumble Match 2013, fato que não se confirmou.

Lutas amadoras[editar | editar código-fonte]

Carlito atualmente tem competido em lutas amadoras de wrestling.

No wrestling[editar | editar código-fonte]

  • Alcunhas
    • "The Caribbean Bad Apple" ("A Maçã Ruim Caribenha")[6]
    • "The Cool Caribbean" ("O Caribenho Legal")
    • "Carlito Caribbean Cool" ("Carlito Caribenho Legal") (WWE)
    • "The Puerto Rican" ("O Portoriquenho")

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

  • !Bang!
  •  !Bang! Television Championship (1 vez)[13]
  • WWC Universal Heavyweight Championship (11 vezes)[14]
  • WWC World Tag Team Championship (2 vezes) - com Eddie Colón (1) e Konnan (1)[15]
  • PWI o colocou como #27 dos 500 melhores wrestlers de 2006.[19]

Referências

  1. a b c d Superstars > SmackDown > Carlito > Bio. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2007-07-29.
  2. a b c d IGN: Carlito (WWE) Biography. IGN. Página visitada em 2008-01-01.
  3. WWE: Carlito released (em Inglês) (21//05/2010). Página visitada em 22/05/2010.
  4. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas carboiolareleased
  5. a b c d e Carlito profile. Online World of Wrestling. Página visitada em 2008-08-17.
  6. a b Cagematch profile.
  7. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas MO
  8. a b Mulligan, Ryan (2008-10-31). Ryan Mulligan's Smackdown TV report for HALLOWEEN~!. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2010-01-17.
  9. a b Mulligan, Ryan (2008-11-14). Ryan Mulligan's Smackdown TV report for November 14th. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2010-01-16.
  10. Mulligan, Ryan (2008-10-10). WWE Smackdown TV report. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2010-01-16.
  11. Wilkenfeld, Daniel (2009-11-26). WILKENFELD'S TNA IMPACT REPORT 11/26: Ongoing "virtual time" coverage of Spike TV broadcast. PWTorch. Página visitada em 2009-11-27.
  12. a b c Carlito's managers.
  13. Wrestler Profile: Carlito. Página visitada em 2007-04-30.
  14. WWC Universal Heavyweight Title lineage (archived May 23, 2007). Página visitada em 2007-04-28.
  15. WWC tag team championships lineage. Página visitada em 2007-04-30.
  16. History of the intercontinental Championship. Página visitada em 2007-04-30.
  17. History of the United States Championship. Página visitada em 2007-04-30.
  18. Carlito & Primo Colon's first reign. WWE. Página visitada em 2008-10-03.
  19. Pro Wrestling Illustrated Top 500-2006. Página visitada em 2007-04-30.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Carlito (lutador)