David Hart Smith

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Harry Smith
Nome(s)
no ringue
The Black Assassin
David Hart Smith
Harry Smith
Altura 1.96m[1]
Peso 120kg[1]
Nascimento 2 de agosto de 1986 (27 anos)[2]
Calgary, Alberta
Anunciado de Calgary, Alberta[1]
Treinado por Davey Boy Smith
Bruce Hart
Chris Benoit[3]
Estreia 2000[2]

Harry Smith[4] (Calgary, 2 de agosto de 1986)[5] é um lutador de wrestling profissional canadense de descendência inglesa mais conhecido por seu trabalho na WWE, onde lutou sob o nome de David Hart Smith.[1] .

Ele já lutou usando o nome de DH Smith ("D" de Davey Boy Smith, e "H" pela Família Hart) no Raw e no território de desenvolvimento da WWE, Florida Championship Wrestling.[6]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Circuito independente (2000–2004)[editar | editar código-fonte]

Smith começou a treinar para o wrestling profissional aos oito anos,[4] com seu pai Davey Boy Smith e seu tio Bruce Hart. Ele fez sua primeira aparição na World Wrestling Federation (WWF) em 5 de outubro de 1996, aos 10 anos, quando fez uma dupla com seu primo Ted Annis contra TJ Wilson e Andrew Picarnia em um evento em Calgary.[4] Sua estreia oficial foi aos 15 anos, no Rockyford Rodeo ("Rodeio de Rockyford"), se tornando um lutador da Stampede Wrestling. Em maio de 2002, Smith fez uma dupla com seu pai em duas ocasiões, logo antes do pai falecer.[4] A WWE ofereceu um contrato à Smith no verão de 2004, mas ele recusou o contrato, preferindo ir à faculdade e lutar no Japão.[4]

Em 2004, Smith formou uma dupla com TJ Wilson como os "Stampede Bulldogs" ("Buldogues de Stampede"),[4] uma referência aos "British Bulldogs" ("Buldogues Ingleses"), dupla formada por seu pai e seu primo Dynamite Kid. No mesmo ano, Smith formou um grupo ("stable") conhecida como The Hart Foundation Version 2.0 ("Fundação Hart Versão 2.0") com Wilson, Jack Evans e Teddy Hart. A Hart Fountion Version 2.0 inicialmente lutava na Stampede Wrestling antes de se expandir aos Estados Unidos, onde competiu na Major League Wrestling.

New Japan Pro Wrestling (2005–2006)[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2005, Smith participou de uma turnê de cinco semanas no Japão, lutando na New Japan Pro Wrestling como "Black Assassin" ("Assassino Negro"), quebrando a mão durante seu tempo no Japão.[7] [4] Mais tarde naquele ano, Smith deixou a Stampede Wrestling e lutou diversas lutas não-televisionadas para a World Wrestling Entertainment (WWE),[4] antes de ir novamente ao Japão. Ele retornou à Stampede Wrestling em outubro de 2005 e, em 25 de novembro, derrotou T.J. Wilson nas finais de um torneio pelo North American Heavyweight Championship, que estava vago.[4]

Smith viajou para a Inglaterra em janeiro de 2006, com a One Pro Wrestling no No Turning Back em 6 de janeiro.[8] Smith foi o oponente secreto de Jeff Jarrett pelo NWA World Heavyweight Champion, escolhido por seu tio Bret Hart.[4] [8]

World Wrestling Entertainment / WWE (2006–2011)[editar | editar código-fonte]

Em 1 de abril de 2006, Smith e diversos parentes participaram da introdução de Bret Hart ao Hal da Fama da WWE.[9] Lá, Smith conheceu os executivos John Laurinaitis e Carl DeMarco, assinando um contrato de desenvolvimento em 4 de abril.[4] [9] [10] Ele participou de lutas não-televisionadas antes de sua estreia oficial, derrotando lutadores como Rob Conway e Mike Knox, e perdendo para Randy Orton.[2] [11]

Territórios de desenvolvimento (2006–2007)[editar | editar código-fonte]

Harry estreou na Ohio Valley Wrestling (OVW), em 14 de fevereiro de 2007, em uma dupla com Kofi Nahaje Kingston, derrotando The Belgium Brawler e Nicholas Sinn.[12] Nas gravações seguintes, a dupla de Harry e Kofi passou a ser conhecida como Commonwealth Connection ("A Conexão do Bem-Estar") e enfrentou La Résistance, sendo derrotados.[13] Smith foi mandado para a Deep South Wrestling (DSW), onde reformou os "Stampede Bulldogs" com T.J. Wilson.[14]

Com o fim do relacionamento entre a WWE e a DSW, Smith foi transferido para a Florida Championship Wrestling (FCW).[15] Em 26 de junho, Smith venceu uma Battle Royal envolvendo 21 homens, se tornando o primeiro Campeão Sulista dos Pesos-Pesados da FCW.[15] [16] [17]

Smith se uniu aos seus primos Teddy Hart e Nattie Neidhart para formar Next Generation Hart Foundation ("Fundação Hart da Nova Geração").[18] Eles estrearam em uma luta de trios, perdendo para Mike Kruel, Vladimir Kozlov e Milena Roucka.[18] Eles venceram uma luta contra os Campeões Sulistas de Duplas da OVW, James Boys, mas a luta não era pelos títulos.[19] Smith retornou à FCW para formar outra versão da New Hart Foundation, com Hart, Wilson e Ted DiBiase, Jr..[20] Ele derrotou Carlito em uma luta não-televisionada no Raw no Reino Unido.[21] [22] Em 16 de outubro, Smith perdeu o FCW Southern Heavyweight Championship para Afa Jr.[17] [23]

Primeiras aparições (2007–2009)[editar | editar código-fonte]

Ele estreou como "DH Smith" no Raw de 22 de outubro de 2007, derrotando Carlito com um movimento característico de seu pai, o running powerslam.[24] Ele dedicou a luta ao seu pai.[24] [25] Em 29 de outubro, Smith e Jeff Hardy derrotaram Carlito e Mr. Kennedy.[26]

Em 2 de novembro de 2007, Smith foi suspenso por 30 dias por violar a política antidrogas da WWE.[27] Smith retornou em 17 de novembro, derrotando Charlie Haas no Heat.[2] [28] Após sua volta, Smith lutou primariamente no Heat.[29] [30] [31]

Como parte do Draft Suplementar de 2008 em 25 de junho de 2008, Smith foi transferido para o SmackDown.[32] Smith, no entanto, retornou à Florida Championship Wrestling (FCW) em 26 de agosto, sem estrear no SmackDown.[33] Ele decidiu voltar à FCW para treinar e melhorar sua habilidade no ringue e personalidade.[34] Em 30 de outubro, Smith ganhou o FCW Florida Tag Team Championship com TJ Wilson, derrotando Joe Hennig e Sebastian Slater,[15] mas perderam os títulos para Tyler Reks e Johnny Curtis em 11 de dezembro de 2008.[35]

The Hart Dynasty (2009–2010)[editar | editar código-fonte]

Em 15 de abril de 2009, Smith foi transferido para a ECW como parte do Draft Suplementar de 2009, sem ter aparecido no SmackDown.[36] Smith estreou na ECW em 12 de maio, como um vilão, atacando Finlay durante a luta entre Finlay e Tyson Kidd (TJ Wilson), usando o nome David Hart Smith.[37] Smith, Kidd e Natalya formaram uma nova versão da The Hart Foundation, chamada inicialmente The Hart Trilogy ("A Trilogia Hart"), mas tiveram o nome mudado pra The Hart Dynasty na ECW de 27 de maio.[38] [39] Smith venceu sua primeira luta na ECW, ao derrotar Finlay em 19 de maio, com a ajuda de Kidd e Natalya.[38]

The Hart Dynasty (D-E) Tyson Kidd, Natalya e Smith como Campeões de Duplas da WWE em agosto de 2010.

Em 29 de junho, a Hart Dynasty foi mandada para o SmackDown, começando uma rivalidade com Cryme Tyme.[40] No Bragging Rights em outubro, Smith e Kidd competiram em uma luta sete-contra-sete com Chris Jericho, Kane, Finlay, Matt Hardy e R-Truth como o time do SmackDown, derrotando o time do Raw.[41] Em dezembro de 2009, eles desafiaram D-Generation X pelo Unified WWE Tag Team Championship, mas foram derrotados.

A Hart Dynasty apareceu no WrestleMania XXVI, ajudando Bret Hart durante sua luta contra Vince McMahon, e no Raw da noite seguinte, derrotaram os Campeões Unificados de Duplas ShoMiz (The Big Show e The Miz), se tornando mocinhos.[42] [43] No Extreme Rules, Smith e Kidd ganharam o Unified Tag Team Championship ao derrotar ShoMiz em uma Gauntlet match (que também incluiu John Morrison e R-Truth e Montel Vontavious Porter e Mark Henry).[44] Durante o Draft de 2010, no Raw de 26 de abril, a Hart Dynasty derrotou ShoMiz, finalmente ganhando o Unified Tag Team Championship.[45] [46] [47]

No dia seguinte, os três membros foram transferidos para o Raw como parte do Draft Suplementar.[48] No Raw de 10 de maio, Smith foi derrotado por Chris Jericho, dando a Jericho e The Miz uma luta pelo Unified WWE Tag Team Championship no Over the Limit, mas a Hart Dynasty conseguiu manter os títulos.[49] [50] Na noite seguinte, em 24 de maio, eles foram atacados pelos Usos (Jimmy e Jey) e Tamina, provocando uma rivalidade entre os dois grupos.[51] [52] No Fatal 4-Way, a Hart Dynasty derrotou os Usos e Tamina em uma luta de trios quando Natalya derrotou Tamina, com Smith e Kidd derrotando os Usos no Money in the Bank.[53] [54] No Night of Champions, a Hart Dynasty perdeu o WWE Tag Team Championship para Cody Rhodes e Drew McIntyre em uma Tag Team Turmoil match também envolvendo os Usos, Vladimir Kozlov & Santino Marella e Evan Bourne & Mark Henry.[55]

Após falhar ao ganhar os títulos, Kidd e Smith começaram a se desentender. No Raw de 15 de novembro, Kidd se recusou a entrar em uma luta de duplas, o atacando durante a luta, que era pelos títulos do The Nexus (Justin Gabriel e Heath Slater)[56] , terminando a dupla.

Inatividade e demissão (2010)[editar | editar código-fonte]

Desde a dissolução da Hart Dynasty, Smith passou a competir em lutas não-televisionadas. Ele lutou no WWE Superstars, usando um chapéu de cowboy. Desde abril de 2011, Smith não apareceu na televisão. Depois de quatro meses fora da televisão, Smith foi demitido em 5 de agosto.[57]

Retorno ao circuito independente (2011–presente)[editar | editar código-fonte]

Em 27 de agosto de 2011, Smith, lutando sob seu nome real, estreou na japonesa Inoki Genome Federation (IGF), sendo derrotado por Hideki Suzuki. Em 3 de setembro, ele e Bobby Lashley foram derrotados por Kendo Kashin e Kazuyuki Fujita.

Em dezembro de 2011, Smith participou do projeto indiano Ring Ka King da Total Nonstop Action Wrestling. Na primeira semana, Smith e Chavo Guerrero foram coroados os primeiros Campeões de Duplas.[58] Os dois perderam os títulos dois meses depois, para Abyss e Scott Steiner.

No wrestling[editar | editar código-fonte]

Smith aplicando um sharpshooter em um Uso em 2010.
  • Alcunhas
    • "The Canadian Bulldog" ("O Buldogue Canadense")[2]
    • "Bulldog" ("Buldogue")[4]

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

  • AWA Pinnacle Wrestling
    • AWA Pinnacle Heavyweight Championship (1 vez)[4] [2]
  • Prairie Wrestling Alliance
    • PWA Tag Team Championship (1 vez) – com TJ Wilson[4] [2]
  • Outros títulos
    • NGW Heavyweight Championship (1 vez)[2]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d e f D.H. Smith Bio. WWE. Página visitada em 2007-10-28.
  2. a b c d e f g h i j k l m n o Harry Smith. Online World Of Wrestling. Página visitada em 2008-03-25.
  3. Harry has Bulldog spirit. The Sun Online. Página visitada em 2007-12-15.
  4. a b c d e f g h i j k l m n o p Milner, John M.. Harry Smith. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-07-17.
  5. WWE Kids Bio. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2010-12-06.
  6. Revelado por Jerry Lawler em 29 de outubro de 2007, no Raw.
  7. Clevett, Jason (2005-01-16). Stampede Bulldogs going international. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-12-08.
  8. a b Hamilton, Ian (2006-01-10). Harry Smith Bret's mystery man in England. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-07-17.
  9. a b Clevett, Jason (2006-05-11). Time is right for Harry Smith. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-07-17.
  10. Madigan, TJ (2006-04-08). Harry Smith inks deal with WWE. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2008-07-17.
  11. WWE Raw Results – Internet Heat Tapings – June 5, 2006. Online World of Wrestling (2006-06-05). Página visitada em 2008-07-17.
  12. Ohio Valley Wrestling (2007) – February 14, 2007 – OVW TV Tapings. Online World of Wrestling (2007-02-14). Página visitada em 2008-07-17.
  13. Ohio Valley Wrestling (2007) – February 21, 2007 – OVW TV Tapings. Online World Of Wrestling (2007-02-17). Página visitada em 2008-07-17.
  14. Deep South Wrestling (2007) – April 5, 2007. Online World of Wrestling (2007-04-05). Página visitada em 2008-07-17.
  15. a b c Varsallone, Jim (2008-11-26). Wrestling tradition continues with confident Smith. The Miami Herald. Página visitada em 2008-12-06. Cópia arquivada em 2009-02-14.
  16. Florida Championship Wrestling (2007) – June 26, 2007. Online World of Wrestling (2007-06-26). Página visitada em 2007-06-26.
  17. a b c Tanabe, Hisaharu. FCW – Florida Championship Wrestling FCW Southern Heavyweight Title History. Solie's Title History. Página visitada em 2008-05-07.
  18. a b Ohio Valley Wrestling (2007) – July 21, 2007. Online World of Wrestling (2007-07-21). Página visitada em 2008-07-17.
  19. Ohio Valley Wrestling (2007) – July 28, 2007. Online World of Wrestling (2007-07-28). Página visitada em 2008-07-17.
  20. Florida Championship Wrestling (2007) – October 13, 2007. Online World Of Wrestling (2007-10-13). Página visitada em 2008-07-17.
  21. The Lilsboys. "Sign of the times on WWE Raw", The Sun, 2007-10-17. Página visitada em 2007-10-17.
  22. Zeigler, Zack (2007-10-18). An emotional night for Bulldog's boy. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2008-01-05.
  23. Wojcik, Alan (2007-10-16). October 16, 2007—Florida Championship Wrestling. Online World of Wrestling. Página visitada em 2007-12-26.
  24. a b WWE RAW Results – October 22, 2007. Online World of Wrestling (2007-10-22). Página visitada em 2007-10-22.
  25. Clayton, Corey (2007-10-11). Bulldog’s boy bites Carlito in Raw debut. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2008-01-05.
  26. Adkins, Greg (2007-10-29). Mr. Smith Goes... Off. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2008-07-17.
  27. World Wrestling Entertainment Suspends Two Performers. World Wrestling Entertainment (2007-11-02). Página visitada em 2008-01-05.
  28. WWE Raw Results – December 17, 2007 – Internet Heat Tapings. Online World of Wrestling (2007-12-17). Página visitada em 2008-01-05.
  29. Mailman, Jimmy (2008-01-07). WWE Raw Results – January 7, 2008 – Internet Heat Tapings. Online World Of Wrestling. Página visitada em 2008-07-17.
  30. WWE Raw Results – January 14, 2008 – Internet Heat Tapings. Online World of Wrestling (2008-01-14). Página visitada em 2008-07-17.
  31. Walker, Aaron (2008-03-17). WWE Raw Results – March 17, 2008 – Internet Heat Tapings. Online World of Wrestling. Página visitada em 2008-07-17.
  32. Official 2008 WWE Supplemental Draft Results. World Wrestling Entertainment. Página visitada em 2008-06-25.
  33. Cooper, Tony (2008-08-26). Florida Championship Wrestling (2008) – August 26, 2008. Online World of Wrestling. Página visitada em 2008-09-13.
  34. Varsallone, Jim (2008-11-26). Wrestling tradition continues with confident Smith. The Miami Herald. Página visitada em 2008-12-06. Cópia arquivada em 2009-02-14.
  35. a b Champions Roll Call. Florida Championship Wrestling. Página visitada em 2011-01-01.
  36. 2009 WWE Supplemental Draft results. World Wrestling Entertainment (2009-04-15). Página visitada em 2009-04-15.
  37. Bishop, Matt (2009-05-13). ECW: The new Hart Foundation?. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2009-05-13.
  38. a b Bishop, Matt (2009-05-20). ECW: Hart Trilogy keeps Finlay guessing. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2009-05-20.
  39. Bishop, Matt (2009-05-27). ECW: Sorting out ECW Championship mess. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2009-05-27.
  40. Trump's Last Laugh. World Wrestling Entertainment (2009-06-28). Página visitada em 2009-07-07.
  41. Bishop, Matt (2009-10-25). Cena, Smackdown earn Bragging Rights. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2009-10-27.
  42. Plummer, Dale; Tylwalk, Nick (2010-03-29). Undertaker ends Shawn Michaels' career in thrilling rematch to cap off Wrestlemania XXVI. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-03-30.
  43. Plummer, Dale (2010-03-30). RAW: HBK says farewell to the WWE Universe. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-03-30.
  44. Kapur, Bob (2010-04-25). WWE Extreme Rules features strong Mania rematches. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-04-27.
  45. a b History of the World Tag Team Championship: David Hart Smith & Tyson Kidd. World Wrestling Entertainment (2010-04-26). Página visitada em 2010-04-27.
  46. a b History of the WWE Tag Team Championship: David Hart Smith & Tyson Kidd. World Wrestling Entertainment (2010-04-26). Página visitada em 2010-04-27.
  47. Plummer, Dale (2010-04-26). RAW: Feeling a draft. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-04-27.
  48. 2010 WWE Supplemental Draft results. World Wrestling Entertainment (2010-04-27). Página visitada em 2010-04-27.
  49. Plummer, Dale (2010-05-10). RAW: The final show at the Igloo. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-07-27.
  50. Bishop, Matt (2010-05-23). Batista quits to end disappointing Over The Limit. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-07-27.
  51. Clevett, Jason (2010-05-25). Family legacy important to Rikishi Fatu. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-07-27.
  52. Plummer, Dale (2010-05-24). RAW: New GM has Hart; Batista quits. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-07-27.
  53. Kapur, Bob (2010-06-20). 4-Way matches Fatal for championship reigns. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2011-04-03.
  54. Mcnamara, Andy (2010-07-19). Kane, Miz make most of Money In The Bank. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2011-04-03.
  55. Tylwalk, Nick (2010-09-20). Few gimmicks, more title changes at Night of Champions. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-09-25.
  56. Waldman, Jon (2010-11-16). Raw: Kickin' it old school. Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Página visitada em 2010-12-03.
  57. David Hart Smith released. WWE (2011-08-05).
  58. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas RingKaKingTag
  59. DiLiegro, Phil (2009-05-19). ECW TV report by Phil DiLiegro. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2009-05-21.
  60. FCW (WWE developmental) No-TV Taping report with Gail Kim sighting (PDF). Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2009-07-05.
  61. Hamilton, Ian. 1PW No Turning Back Night One Review with Ian Hamilton. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2009-07-05.
  62. Butrymowicz, Vincent. Florida Championship Wrestling tapings notes (PDF). Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2009-07-05.
  63. Hubbard, Nathan. Raw TV report for October 22. Wrestling Observer/Figure Four Online. Página visitada em 2009-07-05.
  64. Natalya Neidhart Profile. Online World Of Wrestling. Página visitada em 2008-09-13.
  65. New Foundation (Legal Title). Broadcast Music Incorporated. Página visitada em 2010-01-23.
  66. "PWI 500": 1–100. Pro Wrestling Illustrated (2010-07-30). Página visitada em 2010-07-31.
  67. Stampede Wrestling International Tag Team Title. WrestlingTitles.com. Página visitada em 2008-05-07.
  68. Stampede Wrestling North American Heavyweight Title. WrestlingTitles.com. Página visitada em 2008-05-07.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]