Victory Tour (The Jacksons)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Victory Tour
Turnê de The Jacksons
Álbum(ns) associado(s) Victory & Thriller
Data de início 6 de Julho de 1984
Kansas City, Missouri
Data de fim 9 de Dezembro de 1984
Los Angeles, Califórnia
Partes 1
Número de
apresentações
47 nos EUA
8 no Canadá
55 no total
Cronologia de digressão por Michael Jackson
Triumph Tour
(1981)
Victory Tour
(1984)
Bad World Tour
(1987 - 1989)

A Victory Tour foi uma turnê de apresentações do grupo estadunidense de Pop/R&B The Jacksons, que percorreu os Estados Unidos e o Canadá de julho a dezembro de 1984, sendo a maior e última turnê do grupo. Também marcou a despedida de Michael Jackson do grupo e a reaproximação de Jermaine, que não cantava com os irmãos há 8 anos. Com 55 concertos e uma audiência estimada em 2 milhões de pessoas, a Victory Tour arrecadou 75 milhões de dólares e estabeleceu um novo recorde como a turnê mais rentável da história, na época.

Em 6 de julho de 1984, quando tiveram início as apresentações da turnê, o álbum Thriller, de Michael, já havia vendido 12 milhões de cópias só nos Estados Unidos, assim como quatro milhões de compactos. Apesar de levar o nome do álbum dos Jacksons lançado pouco antes do início da maratona de concertos, Victory, os irmãos não cantavam nenhuma música do lançamento durante as apresentações, focando nos sucessos dos álbuns solo de Jermaine e claro, Michael, que era o grande atrativo dos shows.

Durante o último concerto da turnê, realizado em Los Angeles, em 09 de dezembro de 1984, no Dodger Stadium, Michael Jackson anunciou que estaria deixando o grupo para se dedicar exclusivamente à carreira solo, onde se prepararia para trabalhar em seu mais novo álbum solo - Que se chamaria Bad, e seria lançado três anos depois, em 1987.

Polêmicas[editar | editar código-fonte]

O promotor da turnê original era Chuck Sullivan, o filho do proprietário do New England Patriots Billy Sullivan. Os ingressos que eram então vendidos por US$ 30 (um preço absurdamente caro para a época. Para se ter uma ideia, normalmente durante a década de 80, ingressos para shows nos EUA, não passavam de US$ 20), e só podiam ser adquiridos em lotes de no mínimo 4. Mas o lado empresarial da turnê foi atormentado por problemas, mesmo depois de Don King assumiu como empresário e promotor da tour.

Em 5 de Julho de 1984, após receber uma carta da fã LaDonna Jones, um menina de 11 anos, na qual ela acusa os Jacksons e os promotores de serem "egoístas e só se importarem com os altos lucros", Michael organizou uma conferência de imprensa para anunciar as mudanças no organização das vendas, e também para anunciar que a sua parte dos lucros da turnê seria doado à caridade. Jones depois recebeu tratamento VIP no concerto na cidade de Dallas, no estado americano do Texas. A seguir é a fala de Michael em uma conferência de imprensa em 5 de Julho de 1984, um dia antes do primeiro show da Victory Tour:

"Começaremos nossa turnê amanhã e eu queria falar com vocês sobre algo de grande preocupação para mim. Temos trabalhado muito tempo para fazer este show o melhor que pode ser. Mas sabemos que muitas pessoas estão tendo problemas para adquirir os ingressos. Outro dia recebi uma carta de uma menina do Texas chamada LaDonna Jones. Ela tem economizado seu dinheiro para comprar um bilhete, mas com o sistema atual da turnê, ela tem que comprar quatro ingressos e ela não tem condições para isso. Então, eu perguntei ao nosso promotor para elaborar uma nova forma de distribuição de bilhetes, de forma que não requer uma ordem de dinheiro $120,00. Também houve muita conversa sobre o dinheiro para a exploração promotor bilhetes que não vender. Pedi nosso promotor para terminar o sistema de correio de bilhetes o mais rápido possível, para que ninguém vai pagar o dinheiro, a menos que começ um bilhete. Finalmente, e mais importante, há outra coisa que eu vou anunciar hoje. Eu quero que você saiba que quando eu acordo a turnê, eu decidi doar todo o dinheiro que eu faça do nosso desempenho para a caridade" - Michael Jackson

Depois, os procedimentos foram modificados, mas todas as vendas continuaram a ser feitas por correio (com exceção dos seis shows final no Dodger Stadium, onde os bilhetes foram vendidos através do Ticketmaster). Ingressos eram tipicamente disponibilizada apenas uma semana a dez dias de antecedência, e muitos ingressos acabaram nas mãos dos cambistas. Não houve walk-up de vendas, que culpou os irmãos pela pequena porcentagem de negros entre o público dos shows, em que ele descreveu como "90% branco". Um problema relacionado é que a programação da turnê foi caótico: nas palavras de Michael "nunca ninguém sabia onde estávamos indo tocar".

Setlist[editar | editar código-fonte]

Datas[editar | editar código-fonte]

A Victory Tour passou pelos Estados Unidos e pelo Canadá, visitando diversas cidades, em 55 shows.

Data Cidade País Local
América do Norte
6 de Julho de 1984 Kansas City  Estados Unidos Arrowhead Stadium
7 de Julho de 1984
8 de Julho de 1984
13 de Julho de 1984 Dallas Texas Stadium
14 de Julho de 1984
15 de Julho de 1984
21 de Julho de 1984 Jacksonville Gator Bowl Stadium
22 de Julho de 1984
23 de Julho de 1984
29 de Julho de 1984 East Rutherford Giants Stadium
30 de Julho de 1984
31 de Julho de 1984
4 de Agosto de 1984 Nova York Madison Square Garden
5 de Julho de 1984
7 de Agosto de 1984 Knoxville Neyland Stadium
8 de Julho de 1984
9 de Julho de 1984
17 de Agosto de 1984 Detroit Pontiac Silverdome
18 de Julho de 1984
19 de Julho de 1984
25 de Agosto de 1984 Buffalo Rich Stadium
26 de Agosto de 1984
1 de Setembro de 1984 Filadélfia JFK Stadium
2 de Setembro de 1984
7 de Setembro de 1984 Denver Mile High Stadium
8 de Setembro de 1984
17 de Setembro de 1984 Montreal  Canadá Olympic Stadium
18 de Setembro de 1984
21 de Setembro de 1984 Washington, D.C  Estados Unidos RFK Stadium
22 de Setembro de 1984
28 de Setembro de 1984 Filadélfia JFK Stadium
29 de Setembro de 1984
5 de Outubro de 1984 Toronto  Canadá JFK Stadium
6 de Outubro de 1984
7 de Outubro de 1984
12 de Outubro de 1984 Chicago  Estados Unidos Comiskey Park
13 de Outubro de 1984
14 de Outubro de 1984
19 de Outubro de 1984 Cleveland Municipal Stadium
20 de Outubro de 1984
29 de Outubro de 1984 Atlanta Fulton County Stadium
30 de Outubro de 1984
2 de Novembro de 1984 Miami Orange Bowl
3 de Novembro de 1984
9 de Novembro de 1984 Houston Astrodome
10 de Novembro de 1984
16 de Novembro de 1984 Vancouver  Canadá BC Place Stadium
17 de Novembro de 1984
18 de Novembro de 1984
30 de Novembro de 1984 Los Angeles  Estados Unidos Dodger Stadium
1 de Dezembro de 1984
2 de Dezembro de 1984
7 de Dezembro de 1984
8 de Dezembro de 1984
9 de Dezembro de 1984

Créditos[editar | editar código-fonte]

Banda[editar | editar código-fonte]

  • Jonathan Moffett: bateria;
  • Don Boylette: baixo;
  • David Williams, Gregg Wright: guitarras;
  • Rory Kaplan, Pat Leonard & Jai Winding: teclados;

Equipe técnica[editar | editar código-fonte]

  • Don King: promotor;
  • Larry Larson: coordenador de turnê;
  • Ian Knight: engenheiro de palco;
  • Robert A. Roth and James K. Chapman: iluminação;
  • Bill Bray: diretor de segurança;
  • Peyton Wilson: assistente de produção;
  • Mike Hirsh: assistente de palco;
  • Franz Harary: efeitos especiais;

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • A Victory Tour trouxe enorme polêmica na época - Apesar da grande expectativa e procura do público e fãs, os ingressos da turnê eram todos em exorbitantes (na época), 30 dólares, contando ainda com um despretensioso e absurdo plano de vendas;
  • Contrário ao esquema absurdo de vendas inicial e dos altos preços, Michael decidiu que doaria sua parte do arrecadação dos shows - algo perto de 5 milhões de doláres - para a caridade