Academia de Letras e Artes do Nordeste

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Academia de Letras e Artes do Nordeste foi fundada em 27 de janeiro de 1978, tendo como objetivo promover o desenvolvimento e a preservação dos valores culturais da Região Nordeste do Brasil. Agrega escritores, atores, pintores e musicistas. Inicialmente denominada Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, cuja sigla era ALANB, mudou sua denominação e a sigla, que passou a ser ALANE. Tem 60 acadêmicos no seu núcleo-sede, no Recife, Pernambuco, e núcleos em outros estados do Nordeste, cada um com 15 membros. É uma academia itinerante, sem sede própria, realizando suas reuniões literárias nas casas dos acadêmicos.

Acadêmicos[editar | editar código-fonte]

Núcleo Sede[editar | editar código-fonte]

Cadeira Patrono Acadêmico(s) anterior(es) Acadêmico atual
1 Cruz e Sousa Nicolino Limongi Paulo Dantas Saldanha
2 Graciliano Ramos Zuleno Pessoa Maria Valderez de Freitas Leite
Atual Presidente
3 Osman Lins Luiz Gonzaga Lopes
4 Tobias Barreto Nelson Saldanha
5 Valdemar de Oliveira Valter da Rosa Borges
6 Frei Caneca Fernanda d'Oliveira
7 Austro Costa Waldemar Lopes Telma Brilhante
8 Diná de Oliveira Verônica Nery
9 Zilde Maranhão Zilda Maurício Crisóstomo Elizabeth Brandt Feijó
10 Delmiro Gouveia Cloves Marques
11 Benedita de Melo Eric Dayan
12 Nísia Nobre de Almeida Waldimir Maia Leite Paulo Camelo de Andrade Almeida
13 Carlos Pena Filho Bartyra Soares
14 Zeferino Galvão Luiz de Freitas Lima
15 De Lyra e César Ana Maria César
16 José Rodrigues de Carvalho Esther Camurça Lúcia Cardoso
17 Alberto Nepomuceno Manuel de Barros Lima Tavares de Lima
18 Augusto dos Anjos William Ferrer Coelho
Cyl Gallindo
Flávia Suassuna
19 Manuel Bandeira Dirceu Rabelo
20 Lucilo Varejão Lucilo Varejão Neto
21 Gilberto Freyre Terêza Tenório
22 Celina de Holanda Lúcio Ferreira
23 Clarice Lispector Everaldo Moreira Veras Sônia Freyre Pimentel
24 Manoel de Holanda Cavalcante Marcus Prado
25 Álvares de Azevedo Bernadete Serpa Lopes
26 Paulo Bandeira da Cruz Vital Corrêa de Araújo
27 Álvaro Lins José Wamberto Alexandre Santos
28 Amaury de Medeiros Reinaldo de Oliveira
29 Arthur Braziliense Maia Ronildo Maia Leite Geraldo Ferraz de Sá Torres Filho
30 Deolindo Tavares Lygia de Souza Leão
31 José Condé Waldenio Porto
32 José Lins do Rego Aluízio Furtado de Mendonça
33 Mauro Mota Geninha da Rosa Borges
34 Ascenso Ferreira Alvacir Raposo
35 Ulysses Pernambucano Dulcinéa de Oliveira Leny Amorim
36 Franklin Távora Cláudio Aguiar
37 Joaquim Cardozo Paulo Cardoso Edna Alcântara
38 Jansen Filho Carlos Severiano Cavalcanti
39 Pereira da Costa Abdias Moura
40 José Américo de Almeida Jarbas Maranhão
41 Odívio Duarte Selma Vasconcelos Figueiroa
42 Jerônimo Gueiros Flávio Chaves
43 Hermilo Borba Filho Odile Cantinho
44 Orlando Parahym Francisco Bandeira de Melo Antonio Nunes Barbosa Filho
45 Valter Fonseca Wanderley José Wanderley de Carvalho Leony Muniz
46 Israel Felipe Milton Lins
47 Barreto Guimarães Jamesson Ferreira Lima Albuquerque Pereira
48 Josué de Castro José Nivaldo Barbosa de Sousa Ariadne Quintella
49 Aníbal Bruno José Rafael de Menezes Flávio Gadelha
50 José Matheus de Lima Filho Margarida Matheus de Lima
51 Audálio Alves Djanira Silva do Rego Barros
52 Potiguar Mattos Laudemiro Telino de Lacerda
53 Guerra de Holanda Pelópidas Soares Rosa Lia Dinelli
54 José de Castro Paes Barreto Perseu Lemos Zélia Maria Cunha Monte Bezerra
55 Martha de Holanda Maria Luciene de Freitas
56 Aloísio Magalhães Wilton de Souza
57 Alcindo Correia Pedrosa Olimpio Bonald Neto
58 Eugênio Coimbra Júnior Lourdes Sarmento
59 Olegário Mariano Airton Bayma Nazaré Gouveia
60 João Cabral de Melo Neto Alberto da Cunha Melo Melchiades Montenegro Filho

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.