Guerra dos Bárbaros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Guerra dos Bárbaros foram os conflitos, rebeliões e confrontos envolvendo os colonizadores portugueses e várias etnias indígenas tapuias que aconteceram nas capitanias do Nordeste do Brasil, a partir de 1683.[1] [2]

Com a expulsão dos holandeses do território brasileiro em 1654[3] , os portugueses puderam retomar o avanço em direção ao interior nordestino, expandindo as fazendas de gado e perseguindo as etnias indígenas. Porém a resistência de diversas etnias indígenas, que tinham sido aliados dos holandeses, foi um elemento-surpresa para os lusos.

Os portugueses fortificaram o efetivo militar, inclusive com a vinda de bandeirantes paulistas como Domingos Jorge Velho. Já as etnias indígenas tapuias do interior nordestino, como os janduís, paiacus, caripus, icós, caratiús e cariris, uniram-se em aliança e confrontaram os portugueses nas tentativas de dominar as terras dos nativos. A aliança das tribos tapuias, denominada pelos portugueses como Confederação dos Cariris ou Confederação dos Bárbaros, foi derrotada somente em 1713.

A Importância dos Paulistas na Guerra dos Bárbaros

No combate contra os indígenas, os portugueses tiveram que trazer soldados de Portugal para combater aqui no Brasil. Porém isso tinha que ter um custo grande: quem iria alimentar eles? Quais gastos teriam? Isso foi resolvido pelos paulistas. Os paulistanos eram cultivadores de trigo, assim puderam alimentar as tropas portuguesas no nordeste durante a guerra, por um custo, ou seja, os paulistas foram a mão necessária para alimentar as tropas portuguesas. [2] [4] [5] [6]

Referências

  1. Aragão, R. B, Indios do Ceará e topônimos indígenas, Fortaleza, Barraca do Escritor Cearense. 1994
  2. a b BUENO, E. Brasil: uma história. Segunda edição. São Paulo: Ática, 203. p.66
  3. «Revista de História - USP» (PDF). Consultado em 15 de abril de 2010. 
  4. [1]
  5. [2]
  6. [3]
Ícone de esboço Este artigo sobre conflitos armados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.