Capitania do Piauí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Capitania do Piauí

Capitania

Blank.png
1718 – 1821 Blank.png
Continente América do Sul
Capital Vila da Mocha (atual Oeiras)
Língua oficial Português
Governo Não especificado
História
 • 1718 Fundação
 • 1821 Dissolução

A Capitania de São José do Piauí[1] ou Capitania do Piauí foi criada em 1718, desmembrando-se do Estado do Maranhão. Sua capital era a vila de Oeiras. O primeiro governador só tomaria posse quarenta anos depois em 1758.

Três anos antes da criação da nova capitania, em 1715, o território do Piauí havia sido transferido administrativamente da Capitania da Baía de Todos os Santos e incorporado ao Estado do Maranhão.Todavia, o Catálogo de Manuscriptos da Bibliotheca Pública Eborense, dá notícia de Carta Regia, datada de 30 de junho de 1712, determinando ao Ouvidor Geral do Maranhão que vá ao Piauí e crie, onde está a Igreja, uma Vila, e quando esta estiver estabelecida, proveja a dita Capitania do Piauí de Ouvidor Geral.

Em 28 de fevereiro de 1821 torna-se uma província, que viria a ser o atual estado de Piauí com a Proclamação da República em 1889.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • TELES, José Mendonça (org.). Catálogo de Verbetes dos Manuscritos Avulsos da Capitania do Piauí existentes no Arquivo Histórico Ultramarino, Lisboa-Portugal. Goiânia: Sociedade Goiana de Cultura, Institutos de Pesquisas e Estudos Históricos do Brasil-Central, 2002.
  • Catalogo dos Manuscriptos da Bibliotheca publica eborense: Biblioteca Pública de Evora Joaquim Heliodoro da Cunha Rivara, ord. por Joaquim Antonio de Sousa Telles de Mattos 1 de janeiro de 1850 Imprensa nacional, 1º Volume, pag.115.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre História do Brasil é um esboço relacionado ao Projeto História do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.