Cléber Ribeiro Machado Filho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cléber
Informações pessoais
Nome completo Cléber Ribeiro Machado Filho
Data de nasc. 4 de abril de 1954
Local de nasc. São Gonçalo (RJ),  Brasil
Nacionalidade  Brasileiro
Falecido em 25 de julho de 2009 (55 anos)
Local da morte Campo Grande (MS),  Brasil
Destro
Apelido Bequinha
Kléber
Informações profissionais
Posição Coordenador de futebol
(ex-Volante)
Clubes de juventude
Brasil Fluminense
Clubes profissionais12
Anos Clubes Jogos (golos)
1973–1980
1980–1981
1981


1985–1986
Brasil Fluminense
Brasil Náutico
Equador Nueve de Octubre
Brasil Operário-MS
Brasil XV de Jaú
Portugal Vitória de Guimarães
314 (38)[1]
12 (1)



2 (0)
Times/Equipas que treinou3
0000–2009 Brasil Rádio Clube-MS (coordenador de futebol)

Cléber Ribeiro Machado Filho[2][3], mais conhecido apenas como Cléber e, às vezes, como Kléber (São Gonçalo, 4 de abril de 1954 — Campo Grande, 25 de julho de 2009), foi um futebolista brasileiro, que atuou como volante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Revelado nas divisões de base e profissionalizado no Fluminense, atuou durante quase 8 anos nas Laranjeiras, entre 1973–1980, fazendo parte do elenco que ficou conhecido como Máquina Tricolor, pelo qual conquistou quatro títulos cariocas e o status de ídolo, numa época em que o plantel do Fluminense contava com nomes como Carlos Alberto Torres, Carlos Alberto Pintinho, Paulo Cézar Caju, Roberto Rivellino, Narciso Doval e "Búfalo" Gil.

Depois do sucesso no Fluminense, passou por clubes como Náutico, Nueve de Octubre do Equador, Operário-MS, XV de Jaú e Vitória de Guimarães, onde encerrou sua carreira, já em 1986.

Após a aposentadoria como jogador, tornou-se vereador de sua cidade natal, São Gonçalo.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Fluminense

Morte[editar | editar código-fonte]

Kléber faleceu ao sofrer um segundo infarto em menos de uma semana, na noite do dia 25 de julho de 2009, um sábado, enquanto jogava futebol de salão com amigos. Seu último trabalho foi na função de coordenador de futebol do Rádio Clube, uma conhecida associação desportiva de Campo Grande, cidade onde o ex-volante residia[5]. Seu velório e sepultamento ocorreram na tarde do dia seguinte, no Cemitério Parque das Palmeiras, na capital sul-mato-grossense.

Referências

  1. «Estatísticas Fluminense >> Jogadores >> C >> Cleber – 1980». Fluzão.info. Consultado em 2 de agosto de 2015 
  2. «Que Fim Levou? Kléber». TerceiroTempo.com. Consultado em 25 de maio de 2014 
  3. «Cleber (Kleber) Ribeiro Machado Filho» (PDF). ONCE-ONZE.narod.ru. Consultado em 2 de agosto de 2015 
  4. «I Copa Viña del Mar 1976». Fluminense.com. Consultado em 25 de maio de 2014 
  5. Redação (26 de julho de 2009). «Morre de infarto o coordenador de futebol do Rádio Clube». CampoGrandeNews.com. Consultado em 25 de maio de 2014