Dissidia Final Fantasy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Dissidia: Final Fantasy)
Ir para: navegação, pesquisa
Dissidia: Final Fantasy
Capa da versão norte-americana do jogo exibindo os protagonista dos primeiros dez jogos da série principal de Final Fantasy.
Produtora Square Enix
Editora(s) Square Enix
Designer Tetsuya Nomura
Yoshitaka Amano
Plataforma(s) PSP
Série Final Fantasy
Data(s) de lançamento
Gênero(s) Role-playing game
Jogo de luta
Modos de jogo Single Player, Multiplayer
Número de jogadores 1 a 2
Classificação Inadequado para menores de 15 anos i CERO (Japão)
Inadequado para menores de 13 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 12 anos i PEGI (Europa)
Média UMD
Idioma Japonês
Traduções Inglês

Dissidia: Final Fantasy (ディシディア ファイナルファンタジー, Dishidia Fainaru Fantajī?) é um jogo eletrônico de ação progressiva produzido pela Square Enix para o portátil PSP como parte da campanha do 20º aniversário da série Final Fantasy.

As primeiras informações sobre o jogo foram divulgadas durante a "Square Enix Party" em Maio de 2008. O jogo tem como personagens os heróis e os vilões principais desde do Final Fantasy até Final Fantasy XII, num enredo que centra-se num conflito criado pelo deus da discórdia, Chaos, quando tenta obter o controlo do mundo das respectivas personagens.

O nome Dissidia é possivelmente derivado do latim discidium, étimo que deu origem à palavra portuguesa dissidente, traduzindo algo como alguém que causa conflitos.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

O gênero de Dissidia: Final Fantasy foi descrito como "ação progressiva" e seus gráficos são em três dimensões. Possui multiplayer para até dois jogadores via rede wireless e lutas que envolvem o uso de técnicas individuais especiais dos personagens para fazer dano aos oponentes. Os jogadores também podem customizar seus personagens com equipamentos.

O objetivo principal é reduzir o HP (Health Points ou "Pontos de Vida") do oponente a zero. Uma ofensiva é mostrada na forma numérica sendo chamada Bravery Points (BRV) ou "Pontos de Bravura".

Outra novidade do sistema de combate é a "EX Gauge", da qual pode ser preenchida de várias formas, desde atacando, sendo atacado ou obtendo núcleos EX espalhados pelo cenário. Uma vez que a "EX Gauge" está completa, o personagem pode entrar no EX Mode, um ataque inevitável e arrasador similar aos conhecidos Limit Break visto em jogos da série Final Fantasy.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A estória gira em torno de dois deuses: Cosmos, a deusa da harmonia, e Chaos, o deus da discórdia. Os dois têm estado num eterno conflito com o "Mundo B", uma dimensão-espelho do "Mundo A", onde o primeiro Final Fantasy se passa, invocando diversos guerreiros de outros mundos da série principal para batalhar num ciclo sem fim de morte e renascimento até encontrar o equilíbrio, sendo necessário derrotar Chaos.

Cosmos dá a dez guerreiros a tarefa de trazer de volta os dez cristais que ajudarão a derrotar Chaos. Os heróis, então, iniciam uma jornada chamada Destiny Odissey ("Odisseia do Destino"), por onde suas respectivas estórias são recontadas e intercaladas com outras. Durante a jornada, os heróis encontram seus vilões originais, derrotando-os e reobtendo seus cristais.

Personagens controláveis[editar | editar código-fonte]

O jogo une heróis e vilões dos jogos anteriores da série Final Fantasy.

No total, o jogo possui vinte e dois personagens jogáveis: onze heróis e onze vilões, cada um representando desde Final Fantasy I até Final Fantasy X. Há, ainda, dois personagens secretos: uma heroina representando Final Fantasy XI, e um vilão representando Final Fantasy XII.

Inicialmente, somente dez principais heróis são jogáveis em todos os modos de jogo; os dez vilões são jogáveis no Modo Arcade, tendo de ser desbloqueados em todos os outros modos de jogo.

O equipamentos dos personagem é customizável e pode ganhar EXP e Gil (dinheiro do jogo) das batalhas.

Segue, abaixo, a lista de personagens:

Herói Jogo de origem Dublador japonês Dublador americano
Warrior of Light Final Fantasy Toshihiko Seki Grant George
Firion Final Fantasy II Hikaru Midorikawa Johnny Yong Bosch
Onion Knight Final Fantasy III Jun Fukuyama Aaron Spann
Cecil Harvey Final Fantasy IV Shizuma Hodoshima Yuri Lowenthal
Bartz Klauser Final Fantasy V Sōichirō Hoshi Jason Spisak
Terra Branford Final Fantasy VI Yukari Fukui Natalie Lander
Cloud Strife Final Fantasy VII Takahiro Sakurai Steve Burton
Squall Leonhart Final Fantasy VIII Hideo Ishikawa Doug Erholtz
Zidane Tribal Final Fantasy IX Romi Park Bryce Papenbrook
Tidus Final Fantasy X Masakazu Morita James Arnold Taylor[3]
Shantotto Final Fantasy XI Megumi Hayashibara Candi Milo
Vilão Jogo de origem Dublador japonês Dublador americano
Garland Final Fantasy Kenji Utsumi Christopher Sabat
Imperador Palamecia Final Fantasy II Kenyu Horiuchi Christopher Corey Smith
Cloud of Darkness Final Fantasy III Masako Ikeda Laura Bailey[4]
Golbez Final Fantasy IV Takeshi Kaga Peter Beckman
Exdeath Final Fantasy V Tarō Ishida Gerald C. Rivers
Kefka Palazzo Final Fantasy VI Shigeru Chiba Dave Wittenberg
Sephiroth Final Fantasy VII Toshiyuki Morikawa George Newbern
Ultimecia Final Fantasy VIII Atsuko Tanaka Tasia Valenza
Kuja Final Fantasy IX Akira Ishida JD Cullum
Jecht Final Fantasy X Masuo Amada Gregg Berger[5]
Gabranth Final Fantasy XII Akio Ohtsuka Keith Ferguson

Música[editar | editar código-fonte]

Dissidia Final Fantasy Original Soundtrack foi lançado em 24 de Dezembro de 2008,[6] e está disponível tanto nas versões regular e special, similar ao jogo. O tema principal do jogo é "The Messenger" de Your Favorite Enemies.

As faixas "Cosmos" e "Chaos - Last Battle 1" também foram tocadas por Your Favorite Enemies. O tema principal possui as letras de "Cosmos" e "Chaos - Last Battle 1." "Cosmos" possui voz feminina, enquanto "Chaos" é dominada por vozes masculinas. As outras faixas são remixes feitas por Ishimoto das última versões das músicas originais de Final Fantasy compostas por Nobuo Uematsu.

Faixas

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]