Faculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Faculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahia
Universidade Universidade Federal da Bahia
Fundação 1808 (210 anos)
Tipo de instituição Escola médica
Localização Salvador, BahiaBrasil
Site www.medicina.ufba.br

A Faculdade de Medicina da Bahia da UFBA (FMB-UFBA) é uma unidade acadêmica da Universidade Federal da Bahia. Trata-se da escola de medicina mais antiga do Brasil, criada em 18 de fevereiro de 1808 por influência do médico pernambucano Correia Picanço, logo após a chegada de Dom João VI ao país (quando da transferência da corte portuguesa), sob o nome de Escola de Cirurgia da Bahia.[1][2]

As instalações da nova Faculdade de Medicina da Bahia, constituída em 1946 a partir da incorporação de Unidades de Ensino Superiores já existentes à Universidade do estado,[3] estão localizadas na Praça XV de Novembro (mais conhecida como Largo do Terreiro de Jesus), em Salvador.

O museu da Faculdade, no Terreiro de Jesus, possuía as cabeças do cangaceiro Lampião e sua esposa Maria Bonita, trazidas para pesquisas, após suas mortes em campanhas da policia, no sertão.[4]

Por essa faculdade passaram diversos nomes da ciência brasileira (como Nina Rodrigues, Juliano Moreira, Pirajá da Silva, João Targino) e foi de suma importância em diversos momentos históricos do Brasil, possuindo, até hoje, destaque no cenário científico e cultural baiano e brasileiro. Toda a história do curso está catalogada no acervo do Memorial da Medicina Brasileira, o mais importante documentário do ensino médico do Brasil.

Dentre os locais administrados sob sua responsabilidade, estão o Hospital Universitário Professor Edgard Santos e a Maternidade Climério de Oliveira.[5]

Gabinete de obstetrícia da Faculdade de Medicina da Bahia, 1903. Arquivo Nacional.

Denominações[editar | editar código-fonte]

Instalações da antiga Faculdade de Medicina da UFBA, c. 1900

A Faculdade possuiu vários nomes desde sua criação em 1808:

  • Escola de Cirurgia da Bahia (1808–1816)
  • Academia Médico-Cirúrgica da Bahia (1816–1832)
  • Faculdade de Medicina da Bahia (1832–1891)
  • Faculdade de Medicina e Farmácia da Bahia (1891–1901)
  • Faculdade de Medicina da Bahia (1901–1946)
  • Faculdade de Medicina da Universidade da Bahia (1946–1965)
  • Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (1965–2008)
  • Faculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahia (2008–presente)

Referências

  1. Administrator. «Histórico». www.fameb.ufba.br. Consultado em 3 de agosto de 2017. 
  2. Motoyama, Shozo (2004). Prelúdio para uma história: ciência e tecnologia no Brasil. [S.l.]: EdUSP. ISBN 9788531407970. Consultado em 14 de dezembro de 2014. 
  3. «Ambiente 05: Um Breve Histórico da Criação da UFBA». www.moodle.ufba.br. Moodle/UFBA. 12 de dezembro de 2011. Arquivado do original em 24 de julho de 2016 
  4. «Lampião diz porque não tem medo de nada, seu ódio aos soldados e o respeito ao povo». Outra Bahia. 15 de dezembro de 2017. Consultado em 16 de maio de 2018. 
  5. Administrator. «Hospitais Universitários». www.fameb.ufba.br. Consultado em 3 de agosto de 2017. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Faculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahia