Go-Kashiwabara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Imperador Go-Kashiwabara)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Imperador Go-Kashiwabara
Imperador de Flag of Japan.svg Japão
Período 1500 até 1526
Antecessor Imperador Go-Tsuchimikado
Sucessor Imperador Go-Nara
Dados pessoais
Nascimento 19 de novembro de 1464
Morte 19 de maio de 1526 (61 anos)
linkWP:PPO#Japão

Imperador Go-Kashiwabara (後柏原天皇, Go-Kashiwabara-tennō?, 14641526) foi o 104º imperador do Japão, na lista tradicional de sucessão. [1] Pertencia ao Ramo Jimyōin-tō da Família Imperial. Seu reinado abrangeu os anos de 1500 a 1526.

Vida[editar | editar código-fonte]

Antes de ascender ao Trono do Crisântemo, seu nome pessoal (imina) era Príncipe Imperial Katsuhito. Katsuhito era o filho mais velho do Imperador Go-Tsuchimikado. Sua mãe era Niwata Asako filha de Niwata Nagakata líder de um dos ramos do Clã Minamoto.

Em 1500, Katsuhito se tornou imperador após a morte de seu pai, Go-Tsuchimikado. No entanto, por causa dos efeitos posteriores da Guerra de Ōnin, a Família Imperial ficou tão empobrecida que não nem pôde realizar a cerimônia formal de coroação. Somente em 22 de agosto de 1521, graças às contribuições de Jitsunyo (filho de Rennyo, o abade do templo Hongan-ji) e do Muromachi Bakufu, o Imperador finalmente pôde realizar esta cerimônia. [2]

Em 1501 O ex-Shōgun Ashikaga Yoshimura foi exilado para a província de Suo. O ex-shōgun viveu no exílio na casa do Daimiô daquele han. Mudou então o nome, passando a se chamar Ashikaga Yoshitane. La arregimentou muitos apoiadores e convocou as forças militares do oeste do Japão para ajudá-lo. Já seu rival, Hosokawa Masamoto se transformou no mestre de todas as províncias do Kinai. [3]

Em 1503 ocorreu no pais uma grande seca e por conseguinte no ano seguinte ocorreu uma carestia generalizada. [3]

Em 1508 estourou uma nova revolta em Quioto, além disso neste ano ocorreu o assassinato de Hosokawa Masamoto. Estes fatos encorajaram Yoshitane a retomar a capital, reunindo suas tropas e marchando em direção a Quioto; e no meio do ano já estava no comando das ruas da capital. A partir dai Yoshitane passa a ser o décimo shōgun do período Muromachi. [3]

Em 1510 ocorreu o Distúrbio dos Três Portos (Sanpo no ran) envolvendo o Reino de Joseon (Coreia), Go-Kashiwabara foi obrigado a fazer concessões que conduziram ao acordo de 1512 e à reconciliação com o governo coreano. [4]

Em 1525 todas as cerimônias da Corte foram suspensas por falta de fundos [3]

Em 19 de maio de 1526, Go-Kashiwabara veio a falecer aos 63 anos. Ele reinou 26 anos e foi encontrado morto em sua biblioteca. [3] Go-Kashiwabara é consagrada com outros imperadores no túmulo imperial chamado Fukakusa no kita no misasagi (深草北陵) em Fushimi-ku, Quioto. [1]



Precedido por
Go-Tsuchimikado
Japanese Imperial Seal.svg -- 104º Imperador do Japão
1500 - 1526
Sucedido por
Go-Nara


Referências

  1. a b Agência da Casa Imperial: Go-Kashiwabara-tennō (em japonês)
  2. Lillehoj, Elizabeth (2011). Art and Palace Politics in Early Modern Japan, 1580s-1680s (em inglês). [S.l.]: BRILL, p. 43. ISBN 9789004211261 
  3. a b c d e Klaproth, Julius von (1834). Annales des empereurs du Japon (em francês). [S.l.]: Oriental Translation Fund, p. 364-372 
  4. «Sampo Zulan». Enciclopédia Digital Doosan (em coreano). Consultado em 5 de dezembro de 2018 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.