Kawaii

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde novembro de 2012).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.

Kawaii (em japonês: 可愛い ou かわいい, lit. "fofo", "bonito") é um adjetivo do idioma japonês.

História[editar | editar código-fonte]

Na década de 1970, tornou-se muito popular entre os adolescentes japoneses uma forma de escrita infantilizada. Yamane Kazuma criou este termo durante seu estudo sobre a escrita entre 1984 e 1986.

Anteriormente, a escrita japonesa era vertical e caracterizava-se por linhas cujas espessuras variavam gradualmente ao longo do comprimento. O novo estilo era escrito horizontalmente, preferencialmente com lapiseira para produzir linhas finas e regulares. Esta escrita usava caracteres extremamente estilizados, redondos, com caracteres latinos, katakana e desenhos pequenos como estrelas ou faces (emoticons, por exemplo) inseridos aleatoriamente no texto. Os textos eram difíceis de se ler, mas os caracteres eram facilmente reconhecíveis.[1]

Usos[editar | editar código-fonte]

Elementos do kawaii podem ser vistos praticamente em muitas situações no Japão, desde em grandes empresas a mercados de bairro, do governo nacional a escritórios locais.[2] [3]

Muitas empresas, pequenas e grandes, usam mascotes "fofos" para expor seus produtos e serviços para o público. Exemplo:

Avião estilizado com pokémons pousando no aeroporto de Heathrow, em Londres.
  • Personagens de Pokémon enfeitavam a lateral dos jatos da All Nippon Airways;
  • Banco Asahi usou Miffy, um personagem de uma série holandesa de livros ilustrados infantis, em alguns dos seus caixas eletrônicos;
  • Monkichi, um macaquinho, pode ser visto na embalagem de uma linha de camisinhas;[4]
  • todas as 47 prefeituras do Japão têm um mascote kawaii;
  • a mascote do correio japonês, Yū-Pack é uma caixa de correio estilizada;[5]
  • o correio japonês também usa outros mascotes, por exemplo, nos selos;
  • cada força policial no japão têm seus próprios mascotes de desenho, muitos deles enfeitando a frente dos kōban (postos de polícia).

Propagandas kawaii são populares no Japão. Os dois maiores fabricantes de produtos kawaii são a Sanrio (criadores da "Hello Kitty") e San-X. Seus produtos-personagens são sucesso entre crianças e adultos japoneses.[6] [7]

Kawaii também serve para descrever um tipo especifico de moda[8] [9] que geralmente inclui roupas que parecem ter sido feitas para crianças jovens, fora de tamanho ou roupas que acentuam o lado meigo daquele que a veste. Pantufas e cores pastel são muito utilizados (mas não obrigatórios), e os acessórios geralmente incluem brinquedos e bolsas com personagens de desenho.[10]

Influências em outras culturas[editar | editar código-fonte]

O mercado do kawaii é popular em outras partes do leste da Ásia, incluindo China, Taiwan, e Coreia do Sul.[10] [11]

Na cultura ocidental, a palavra kawaii se juntou a um número de palavras japonesas emprestadas de fãs ocidentais da cultura popular japonesa. Enquanto seu uso é quase inteiramente limitado à subcultura otaku, ela já foi usada por personalidades notáveis, como a cantora americana Gwen Stefani, que mencionou kawaii em seu videoclipe Hollaback Girl.[12]

No Brasil, é uma forma mais homoafetiva dos otakus.

Wikipe-tan é um alvo de kawaii

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. http://www.kinsellaresearch.com/Cuties.html Sobre o kawaii no Japão. Acessado em 14 de setembro de 2009
  2. http://www.wired.com/wired/archive/7.12/cute.html Wired, "Cute Inc."
  3. http://www.businessweek.com/bwdaily/dnflash/jun2002/nf20020625_7574.htm Business Week, "In Japan, Cute Conquers All"
  4. http://www.sampsonstore.com/neovision/condom/product/details.is?cat_id=168&product_id=377 Monkichi condoms
  5. http://www.post.japanpost.jp/navi/main.htm Japan Post site showing mailbox mascot
  6. http://www.mynippon.com/photos/photo94.htm Kawaii or cute Japanese products
  7. http://www.sfgate.com/cgi-bin/article.cgi?file=/gate/archive/2004/07/14/helkit.DTL SFGate Asian "Pop: How Hello Kitty Came to Rule the World"
  8. http://www.newyorker.com/fact/content/?020318fa_FACT The New Yorker "FACT: SHOPPING REBELLION: What the kids want". Página acessada em 19-04-2006.
  9. http://www.time.com/time/asia/arts/magazine/0,9754,131022,00.html Time Asia: "Arts: Kwest For Kawaii"
  10. a b http://www.wired.com/wired/archive/7.12/cute.html Wired: "Cute Inc."
  11. http://www.mynippon.com/culture/pinkculture.htm "Cute is cool in Japan"
  12. http://www.salon.com/ent/feature/2005/04/09/geisha/print.html Salon.com: "Gwen Stefani neuters Japanese street fashion to create spring's must-have accessory: Giggling geisha!"

Ligações externas[editar | editar código-fonte]