Luísa Windsor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde junho de 2012)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Luísa Windsor
Luísa no Trooping the Colour em junho de 2016.
 
Casa Windsor
Nome completo
Luísa Alice Isabel Maria Mountbatten-Windsor
Nascimento 8 de novembro de 2003 (13 anos)
Frimley Park Hospital, Frimley, Surrey, Reino Unido
Pai Eduardo, Conde de Wessex
Mãe Sofia Rhys-Jones

Luísa Alice Isabel Maria Mountbatten-Windsor (Frimley, 8 de novembro de 2003) é a filha mais velha e única menina do príncipe Eduardo, Conde de Wessex e de sua esposa, Sofia. É a neta mais nova da rainha Isabel II do Reino Unido e de seu marido, o príncipe Filipe, Duque de Edimburgo, sendo atualmente a décima primeira na linha de sucessão ao trono britânico.

Luísa possui um irmão mais novo, Jaime, nascido em 2007.

Nascimento[editar | editar código-fonte]

Luísa nasceu prematuramente em Frimley Park Hospital, em Surrey, para onde a sua mãe tinha sido levada numa ambulância de sua residência, Bagshot Park. Sofia foi submetida a uma cesariana de emergência, necessária por causa da abrupção da placenta, causando uma severa perda de sangue tanto para o bebê como para a mãe. A Condessa de Wessex tinha anteriormente sofrido de gravidez ectópica. Devido ao fato inesperado, Eduardo não estava presente no nascimento da filha. Luísa acabou sendo transferida para uma unidade neonatal no Hospital de St. George, em Tooting, Londres, por precaução. A condessa, entretanto, permaneceu em Frimley Park Hospital até que ficasse boa o bastante para receber alta.

Luísa, por sua vez, recebeu alta em 23 de novembro, e seu nome foi anunciado em 27 de novembro. Ela foi batizada na capela privada do Castelo de Windsor no dia 24 de abril de 2004. Seus padrinhos foram:

  1. Ivar Mountbatten (sobrinho-neto de Louis Mountbatten)
  2. Sarah Chatto (filha da princesa Margarida)
  3. Alexandra Etherington (filha de James Carnegie, 3.º Duque de Fife e descendente de Luísa, Princesa Real)
  4. Francesca Schwarzenbach (esposa de Urs Schwarzenbach)
  5. Rupert Elliott.

Títulos e estilos[editar | editar código-fonte]

De acordo com cartas patente de 1917 e ainda em vigor, todos os netos do monarca através da linhagem masculina têm o status de príncipe e o estilo de "Sua Alteza Real". Assim sendo, Luísa seria chamada de "Sua Alteza Real, a Princesa Luísa de Wessex". Entretanto, no casamento de seus pais, a rainha Isabel II, através de um comunicado oficial do Palácio de Buckingham, anunciou que (na esperança de evitar os fardos associados aos títulos reais), os filhos de Eduardo e Sofia teriam os estilos de filhos de um conde em vez de príncipes ou princesas.[1] Dessa maneira, Luísa é oficialmente chamada de "lady Luísa Windsor".

Honras[editar | editar código-fonte]

Em junho de 2008, para reconhecer a visita de seu pai para a província canadense de Manitoba, o vice-governador de Manitoba nomeou um lago no norte da província em homenagem a Luísa Windsor.

Ascendência[editar | editar código-fonte]

Sua mãe é descendente do rei Henrique IV de Inglaterra, e Robert Molesworth, 1º Visconde Molesworth.

Referências

  1. «TITLE OF HRH THE PRINCE EDWARD». Government News. 19 de junho de 1999. Consultado em 6 de julho de 2014. 


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Luísa Windsor