Renault Clio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Renault Clio
Renault Clio Mio 2013.jpg Clio 2013 no Brasil
Renault Clio TCe 90 Luxe (IV) – Frontansicht, 17. Mai 2013, Münster.jpg Clio IV na Europa
Visão Geral
Nomes
alternativos
Renault Lutecia
Renault Clio Symbol
Renault Clio Sedan
Renault Thalia
Nissan Platina
Eagle Kliw Korpe (KK)
Renault Clio V6
Produção 1990 — presente.
Fabricante Renault
Modelo
Classe veículo pequeno (Brasil)
compacto premium (Europa)
Carroceria hatch e sedan
Ficha técnica
Motor 4 cilindros gasolina
4 clindros bicombustível
Transmissão 5 marchas
Layout Motor dianteiro, tração dianteira
Modelos relacionados Renault Logan
Renault Sandero
Renault Twingo
Nissan Micra
Citroen C3
Fiat Punto
Ford Fiesta
Opel Corsa
Peugeot 208/207/206
Fiat Uno
Chevrolet Celta
Cronologia
Renault Torino
Renault Sandero
Renault Kwid

Clio é um automóvel supermini francês fabricado pela montadora Renault. A versão da América-latina é fabricada na Argentina em Santa Isabel (Córdoba) e no Brasil em São José dos Pinhais (PR). Na Europa, foi lançado em 1990 e atualmente está em sua quarta geração.

O Renault Clio desembarcou no Brasil com equipamentos de série que eram opcionais em outros veículos da categoria. Foi o primeiro carro da categoria popular a possuir airbag duplo de série em todas as versões, freio a disco ventilado, suspensão com sub-chassi e batente hidráulico. No entanto, com o passar dos anos foi perdendo equipamentos e acabou rebaixado de categoria com o lançamento do Renault Sandero (no Brasil, Dacia Sandero na Europa). Atualmente, o Clio é o carro de entrada da Renault no país (Brasil). No Brasil já foi comercializado com motores de 1.0 e 1.6, de 8 e 16 válvulas. Atualmente é vendido com motorização 1.0 16V.[1]

Em Portugal é vendido com o motor 0.9 TCe, 1.2 TCe, 1.5 DCI a diesel e 1.6 Turbo.

Em Portugal o seu modelo mais vendido é o Clio Comercial (versão de trabalho), tendo ganho bastante notoriedade junto das empresas portuguesas por se tratar de um carro fiável e de baixo custo aquisição e manutenção. O Clio tem para-lamas frontais em polímero plástico (Noryl Gtx), design apelativo e uma mecânica bastante resistente. Em finais de 2005 foi lançado o Clio III e que tem o seu expoente máximo no Clio F1 Team - um carro que homenageia a equipa de Fórmula 1 da Renault e que tem 197 cavalos de potência.

Foi eleito a 3ª melhor compra de 2007 pela revista Quatro Rodas, atrás de Honda Fit e Honda Civic, e à frente do Toyota Corolla. No Brasil foi reestilizado em 2013, ficando mais parecido esteticamente com sua contraparte européia, que já está na quarta geração. O carro brasileiro, no entanto, ainda é baseado na segunda geração. O motor 1.6 foi descontinuado e o carro foi lançado inicialmente sem airbag e freios ABS,[2] o que deverá mudar a partir de 2014, quando os dois itens de segurança se tornarão obrigatórios nos carros nacionais. Em 2009 o Renault Clio Sedan foi substituído pelo Renault Symbol.

Dados técnicos gerais[editar | editar código-fonte]

Coeficiênte aerodinâmico 0.33
Injeção Multiponto
Tamanho do tanque 45/50 litros
Motorização 8 e 16 válvulas
Segurança 5 Estrelas EuroNCap

[3]

Na Europa a versão mais potente tem 1.6 Turbo.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

Carrecerias[editar | editar código-fonte]

O Renault Clio Hi-Flex 1.6 opera com qualquer mistura de álcool e gasolina
  • Clio Hatch (3 ou 5 portas)
  • Clio Sedan (5 portas)

Modelos[editar | editar código-fonte]

Renault Clio Sedan 2006
  • RN, RL e RT (1996 a 2003)
  • Authentique, Dynamique, Expression, Egeus, Privilége e Privilége Alizé (2003 a 2009)
  • Campus (Série especial, 2009 a 2012)
  • Yahoo (Série especial)
  • Authentique e Expression (2013)

Motorização[editar | editar código-fonte]

CILINDRADAS CÓDIGO MOTOR TIPO POTÊNCIA VEL. MÁXIMA 0–100 km/h DISPONIBILIDADE
1.0 (999 cc) D7D[4] 8 válvulas 58 cv a 5400 rpm 158 km/h 18,3 s 1996-2004
1.0 (999 cc) D4D[5] 16 válvulas 74 cv a 6000 rpm 167 km/h 17,2 s 2000-2008
1.0 (999cc) (HiFlex) D4D-HIFLEX[6] 16 válvulas 77 cv a 6000 rpm Alc 175 km/h 15,8 s 2006-2012
1.6 (1598cc) K7M[7] 8 válvulas 88 cv a 5000 rpm 179,9 km/h 14,3 s 1996-1999
1.6 (1598 cc) K4M[8] 16 válvulas 112 cv a 5350 rpm 192 km/h 9,2 s 2001-2005
1.6 (1598 cc) K4M-HIFLEX[9] 16 válvulas 115 cv a 5350 rpm 198 km/h 9,2 s 2005-2009
1.0 (999 cc) HiPower D4D-HIPOWER 16 válvulas 80 cv a 6000 rpm 178 km/h 14,2 s 2012-2016

Suspensão[editar | editar código-fonte]

  • Traseira: Barra estabilizadora com rodas semi-independentes, molas helicoidais e batentes hidráulicos.
  • Dianteira: Molas helicoidais e batentes hidráulicos. A Renault resolveu economizar e retirou as barras estabilizadoras. Com isso deixou o carro macio, porém perigoso.

Evolução dos modelos[editar | editar código-fonte]

Foi lançado em finais do ano de 1990 em Portugal. A produção do primeiro Clio findou no ano de 1998 danso lugar a um novo clio mais redondo e versátil. Em 2001 foi reformulado o Clio dando lugar a um Clio com volante diferente. Frente e retaguarda mais sufisticadas e luzes da retaguarda diferente. A producão do Clio 2 terminou em finais de 2006 dando lugar a um Clio maior e mais bonito. Em 2010 sofreu uma remodelação significativa que durou ate 2012. Em 2012 aparece um novo Clio que se mantém até agora.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Primeira geração (1990-98) 
Segunda geração (1998-12) 
Terceira geração (2005-14) 
Quarta geração (2012-presente) 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Renault Clio