You're Mine (Eternal)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"You're Mine (Eternal)"
Single de Mariah Carey
do álbum Me. I Am Mariah... The Elusive Chanteuse
Lançamento 11 de fevereiro de 2014 (2014-02-11)
Formato(s) Download digital
Gravação 2014
Gênero(s) R&B, pop
Duração 3:42
Gravadora(s) Island
Composição Mariah Carey, Rodney Jerkins
Produção Mariah Carey, Rodney Jerkins
Cronologia de singles de Mariah Carey
"The Art of Letting Go"
(2013)

"You're Mine (Eternal)" é uma canção gravada pela cantora e compositora norte-americana Mariah Carey. O seu lançamento oficial, como o terceiro single do décimo quarto álbum de estúdio da artista Me. I Am Mariah... The Elusive Chanteuse,[1] ocorreu no dia 12 de fevereiro de 2014 através de download digital via a iTunes Store. Contudo, só foi enviada às principais estações de rádio contemporary hit radio, rhythmic contemporary e urban adult contemporary seis dias depois pela distribuidora fonográfica Island Records. A música foi composta por Carey e Rodney Jerkins, tendo ambos igualmente ficado a cargo da produção e arranjos. A obra foi anunciada nos últimos dias de 2013, como uma maneira de antecipar e promover o álbum, cujo lançamento havia sido adiado devido a uma fratura no braço da artista.

Uma segunda versão da música foi também lançada na mesma data, com a participação do cantor norte-americano Trey Songz. "You're Mine (Eternal)" foi bastante aclamada pela crítica especialista em música contemporânea, tendo vários analistas feito comparações com a música "We Belong Together" (2005).

Antecedentes e contexto[editar | editar código-fonte]

O primeiro indício de que Carey havia iniciado a produção do seu décimo quarto álbum de estúdio surgiu em fevereiro de 2011, quando ela afirmou: "Eu começo a escrever para o meu novo álbum nesta semana — mas é apenas o início..."[2] Em maio de 2011, Nick Cannon, o marido da artista, revelou durante uma entrevista à revista Billboard que Carey já havia completado um grande punhado de gravações para um novo álbum, poucos meses antes durante a sua gravidez: "Ela está a planear lançar um [novo single] neste ano. Ela tem trabalhado distante, e nós temos um estúdio em casa, e [a gravidez] inspirou-a totalmente em vários níveis diferentes." Adicionalmente, Cannon confirmou que a esposa tinha sido inspirada pelo seu álbum de estreia homónimo (1990) e o seu subsequente, Emotions (1991).[3]

O primeiro single lançado do novo álbum foi "Triumphant (Get 'Em)" em agosto de 2012,[4][5] cerca de seis meses após o nascimento dos gémeos de Carey.[6] Contudo, devido a recepção negativa pela crítica contemporânea e também por causa do fraco desempenho comercial nos mercados musicais, a canção acabou por ser cancelada como o primeiro single do novo álbum de Carey.[7][8][9] Em maio de 2013, como uma nova tentativa de atingir um sucesso comercial posterior ao lançamento do álbum, "#Beautiful", com participação de Miguel, foi lançada como o primeiro single em maio de 2013.[10] Esta música foi melhor recebida pela crítica e sucedeu-se muito melhor nas tabelas, recebendo o certificado de disco de platina nos Estados Unidos e na Austrália.[11][12][13]

Lançamento e remixes[editar | editar código-fonte]

Carey elogiou a participação do cantor Trey Songz no remix de "You're Mine (Eternal)", tendo revelado ser uma grande admiradora do trabalho dele.

Carey tinha anunciado uma faixa como o novo single do seu disco, intitulada "The Art Of Letting Go" (2013), que até então era também o nome do seu décimo quarto álbum de estúdio. Mais tarde, ela havia revelado que a canção era apenas uma demonstração do material existente no seu álbum, e que esta era super especial e pessoal.[14] Seguidamente, em uma apresentação no evento New Year’s Eve with Carson Daly, ela revelou que seu novo single seria lançado no Dia dos Namorados e que o álbum viria logo depois.[15] A cantora enviou um vídeo para sua conta pessoal no YouTube como uma retrospectiva de sua carreira, assim como o título e o dia do lançamento oficial da canção na iTunes Store.[16] A capa do single foi divulgada a 10 de fevereiro, dois antes do lançamento oficial.[17] A música foi disponibilizada para compra digital nas lojas virtuais iTunes e Amazon.com, através das distribuidoras fonográficas Universal Music Group e Mercury Records.[18]

O remix oficial com o cantor Trey Songz foi disponibilizado junto com a versão original.[19][20] Carey revelou em uma entrevista para a MTV News que admirava o cantor: "Eu amo o que ele fez na música, porque eu sinto que ele nos deu um monte de momentos diferentes... A maioria das pessoas não sabe cantar rap, e temos uma canção que é atual mas também clássica". Em 14 de fevereiro, Carey enviou áudios de três remixes para a sua conta oficial no YouTube: o Jump Smokers Radio Remix, o Jump Smokers Remix Extended, e o Jermaine Dupri X Kurd Maverick Germany To Southside Remix.[21] Nos Estados Unidos, antes de "You're Mine (Eternal)" ter sido lançada, a interprete divulgou a música em diversas estações de rádio norte-americanas, para que um apoio maior inicialmente fosse dado à música. As estações contemporary hit radio, rhythmic contemporary e urban adult contemporary incluíram oficialmente a canção na suas programações no dia 18 de fevereiro.[22][23]

Estrutura musical e letras[editar | editar código-fonte]

"You're Mine (Eternal)" é uma canção composta e produzida por Mariah Carey em colaboração com Rodney Jerkins. A música deriva dos gêneros musicais pop e R&B, sendo que a sua instrumentação consiste no uso da bateria, do piano e da guitarra.[24] Liricamente, a faixa nada mais é do que uma declaração ao seu amor verdadeiro, à medida que ela canta trechos como: "Eu não consigo viver sem seu amor / Estou aqui sufocada e sozinha, ansiando pelo o seu toque / E não consigo desistir de você, você é meu."[24] Em uma entrevista ao Access Hollywood, Carey revelou que a música não é típica como outras de suas canções de amor.[25] De acordo com a partitura publicada pela Universal Music Publishing Group na página da Musicnotes, Inc, a canção possui um metrônomo de setenta e cinco batidas por minuto e foi composta na chave de ré maior. O alcance vocal da cantora varia desde a nota mais baixa de mi na terceira oitava até à mais alta fá sustenido maior na quinta oitava.[24]

Crítica profissional[editar | editar código-fonte]

As críticas após o lançamento da faixa foram geralmente positivas. Christina Garibaldi da MTV News comentou que os vocais de Carey estão "impressionantes" e que a canção lembrou "We Belong Together". Ela ainda disse: "Mimi mostra sua gama impressionante durante toda a canção, e que as notas no final da canção a deixa devota aos seus fãs".[26] Jason Lipshutz da Billboard disse que Carey canta a música com seus vocais persistentes e celestiais em cada sílaba... Ela poderia transforma-la em um R&B mais sonolento, mas felizmente Carey começa a operar a produção tempestuoso e batidas que permeiam antes dela soltar suas inevitáveis notas nos minutos finais. Se ela faz isso ao vivo, é melhor você não ter qualquer vidro em área próxima. Jamieson Cox da Revista Time também escreveu que a música trata-se de "uma balada fofinha que parece descender de We Belong Together: melodia no piano, uma prestação vocal irrepreensível e uma batida forte..[27] Perez Hilton escreveu em seu website que a música aquece os corações e que já tinha ouvido-a durante a apresentação da contara no BET Honors, e que a versão de estúdio é anda melhor. Uma canção perfeita para os apaixonados.[28] Jeff Benjamin do Fuse escreveu que o single se encontra entre o som R&B e pop que só Mariah sabe fazer, como já aconteceu em sucessos como Touch My Body ou Always Be My Baby. Escutem com atenção o apito impressionante no final da canção. Ele é a lembrança que ninguém consegue ultrapassar a supremacia de Mariah Carey quando se trata de notas agudas".[29]

Alinhamento de faixas[editar | editar código-fonte]

Download digital
N.º Título Duração
1. "You're Mine (Eternal)"   3:42

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

"You're Mine (Eternal)" fez a sua primeira aparição comercial no Reino Unido a 16 de fevereiro de 2014, quatro dias antes do seu lançamento. Estreou no número 87 da UK Singles Chart e no número 16 na UK R&B Chart. Nos Estados Unidos, estreou no posto 88 da Billboard Hot 100 na sua primeira semana de comercialização, registando 32 mil downloads, o que equivale a 62% dos seus pontos na tabela. Na tabela Hot R&B/Hip-Hop Songs, entrou na posição 24, enquanto estreou na Hot R&B/Hip-Hop Digital Songs na colocação 12. Também entrou na Hot R&B Songs no número 14.Além disso o single alcançou a 1ª posição na tabela da billiboard Hot Dance Club Song.

Paradas (2014) Melhor
posição
 Brasil - Billboard Brasil Hot 100 Airplay 63
 Coreia do Sul (International Chart) (GAON)[30] 32
Flag of Spain.svg Espanha (Productores de Música de España)[31] 21
 Estados Unidos (Billboard Hot 100)[32] 88
 Estados Unidos (Billboard Adult Contemporary)[33] 26
 Estados Unidos (Billboard Hot Dance Club Songs)[34] 1
 Estados Unidos (Billboard R&B/Hip-Hop Songs)[35] 24
 Estados Unidos (Billboard Pop Songs)[36] 36
 Estados Unidos (Billboard Rhythmic)[37] 35
 França (SNEP)[38] 96
 Hungria (Single Top 10)[39] 14
 Reino Unido (Official Charts Company)
87
 Reino Unido (UK R&B Chart)
16

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

Entrada nas rádios[editar | editar código-fonte]

Região Versão Data Estação de rádio Distribuidora fonográfica
 Estados Unidos[23][40][41] Original 18 de fevereiro de 2014 Contemporary hit radio, rhythmic contemporary, urban adult contemporary The Island Def Jam Music

Lançamento para vendas[editar | editar código-fonte]

Região Versão Data Formato Distribuidora fonográfica
 Irlanda[42][43] Original;
Urban Remix
12 de fevereiro de 2014 Download digital Universal Music
 Itália[44][45]
 Reino Unido[20][46] Mercury
 Canadá[19][47] 13 de fevereiro de 2014 Universal Music
 Estados Unidos[18][20] The Island Def Jam Music
Mundo[48] Dance Remix 14 de fevereiro de 2014 Streaming

Notas de rodapé

  1. Amy Davidson (1 de maio de 2014). «Mariah Carey reveals title, release date of new album» (em inglês). Digital Spy. Consultado em 1 de maio de 2014 
  2. «Twitter / MariahCarey: @JamesDeanHoe not so! But». Twitter.com. 22 de fevereiro de 2011. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  3. «Nick Cannon, Mariah Carey Working on New Albums]». Billboard. Consultado em 23 de fevereiro de 2014 
  4. «B96 Is Premiering Mariah Carey's "Triumphant" This Thursday: Listen Here». B96 Chicago. 31 de julho de 2012. Consultado em 2 de agosto de 2012 
  5. «New Music: Mariah Carey featuring Rick Ross and Meek Mill - 'Triumphant (Get 'Em)». Rap-Up. Devin Lazerine. 2 de agosto de 2012. Consultado em 2 de agosto de 2012 
  6. «Mariah Carey returns to the studio with Jermaine Durpi». Rap-Up. Devin lazerine. 26 de setembro de 2011. Consultado em 31 de julho de 2012 
  7. Alex Alves. «Termômetro: Mariah Carey Rick Ross & Meek Mill – Triumphant». Popline. Consultado em 25 de agosto de 2012. Arquivado do original em 29 de outubro de 2012 
  8. Becky Bain. «Mariah Carey's "Triumphant (Get 'Em)": Hear The Dance Remix With More Mimi, No Rapping». Idolator. Consultado em 7 de agosto de 2012 
  9. «"Mariah Carey - Chart History on Bubbling Under Hot 100 Singles"». Nielsen Business Media, Inc (em inglês). Billboard. Consultado em 11 de maio de 2013 
  10. James Shotwell. «MARIAH CAREY DEBUTS "#BEAUTIFUL"». Under the Gun Review. Consultado em 6 de abril de 2013. Arquivado do original em 10 de maio de 2013 
  11. Aisha Harris. «Mariah Carey and Miguel Deliver One of the First Songs of Summer». Revista Slate. Consultado em 6 de abril de 2013 
  12. «ARIA Top 50» (em inglês). Australian Recording Industry Association Ltd. Consultado em 15 de junho de 2013. Arquivado do original em 26 de fevereiro de 2014 
  13. «www.riaa.com/goldandplatinumdata.php?artist=%22Mariah%22». RIAA. Consultado em 2 de outubro de 2013 
  14. «Após adiar lançamento de álbum várias vezes, Mariah Carey anuncia novo single». Revista Caras. Consultado em 12 de novembro de 2013 
  15. «Mariah Carey To Release New Single On Valentine's Day Video». Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  16. Kevipod. «Mariah Carey Pushes Up Release of "You're Mine", Unveils Single Cover & 14th Album Out May 6». Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  17. «Mariah Carey Reveals "You're Mine (Eternal)" Single Art & Album Release Date». Idolator. Consultado em 19 de fevereiro de 2014 
  18. a b «You're Mine (Eternal) - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  19. a b «You're Mine (Eternal) Remix feat. Trey Songz - Single». iTunes Store CA. 13 de fevereiro de 2014. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  20. a b c «You're Mine (Eternal) Remix feat. Trey Songz - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  21. «Video: Mariah Carey f/ Trey Songz" 'You're Mine (Remix)'». Consultado em 17 de fevereiro 2014 
  22. «After delaying her 14th album due to her pregnancy, an "American Idol" stint and a shoulder injury, the songstress also banks on a remix with Trey Songz.». Hollywood Reporter. Consultado em 10 de fevereiro de 2014 
  23. a b «Urban/UAC Future Releases». All Access Music Group. Consultado em 21 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 14 de fevereiro de 2014 
  24. a b c «You're Mine (Eternal) By Mariah Carey - Digital Sheet Music». Music Notes. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  25. «Mariah Carey: Why 'You're Mine' Is It Not The Typical Mariah Love Song». Access Hollywood. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  26. Garibaldi, Christina (13 de fevereiro de 2014). «Mariah Carey Gets Us In The Valentine's Mood With 'You're Mine (Eternal)'». MTV. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  27. Lipshutz, Jason (13 de fevereiro de 2014). «Mariah Carey Declares 'You're Mine (Eternal)' On New Single: Listen». Billboard. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  28. «Mariah Carey's New Single You're Mine Is Eternally Lovable! Listen To The Valentine's Day Jam HERE». perezhilton. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  29. Jeff Benjamin. «Mariah Carey Gets Topless, Glittery for "You're Mine (Eternal)" Video». FUSE. Consultado em 21 de fevereiro de 2014 
  30. «GAON DIGITAL CHART» (em coreano). GAON. Consultado em 21 de fevereiro de 2014. Arquivado do original em 25 de fevereiro de 2014 
  31. «Spanishcharts.com – Maria Carey – You're Mine (Eternal)» (em inglês). Canciones Top 50. Hung Medien.
  32. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot 100 para Mariah Carey.
  33. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Adult Contemporary Songs para Mariah Carey.
  34. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot Dance/Club Play para Mariah Carey.
  35. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard R&B/Hip-Hop Songs para Mariah Carey.
  36. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Pop Songs para Mariah Carey.
  37. «Mariah Carey Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Rhythmic Songs para Mariah Carey.
  38. «Lescharts.com – Mariah Carey – You're Mine (Eternal) Go» (em francês). Les classement single. Hung Medien.
  39. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Single (track) Top 40 lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége.
  40. «Top 40/M Future Releases». All Access Music Group. Consultado em 21 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 14 de fevereiro de 2014 
  41. «Top 40 Rhythmic Future Releases». All Access Music Group. Consultado em 21 de fevereiro de 2014. Cópia arquivada em 14 de fevereiro de 2014 
  42. «You're Mine (Eternal) - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  43. «You're Mine (Eternal) [Remix] [feat. Trey Songz] - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  44. «You're Mine (Eternal) Remix feat. Trey Songz - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  45. «You're Mine (Eternal) - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  46. «You're Mine (Eternal) - Single». iTunes Store IE. 12 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  47. «You're Mine (Eternal) - Single». iTunes Store CA. 13 de fevereiro de 2014. Consultado em 15 de fevereiro de 2014 
  48. «Mariah Carey's 'You're Mine (Eternal)' Remixed By Jump Smokers & Kurd Maverick: Listen». Idolator. Buzz Media. 14 de fevereiro de 2014. Consultado em 15 de fevereiro de 2014