Arauetés

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Araweté
Arawete children Brazil.jpg
Crianças Arawetés
População total

398

Regiões com população significativa
 Brasil (PA) 398 (Funasa, 2010)[1]
Línguas
português
araueté
Religiões
Xamanismo

Os arauetés (também conhecido como Araweté) são um povo indígena brasileiro que fala uma língua da família tupi-guarani. Habitam as terras indígenas Araweté Igarapé Ipixuna e Trincheira/Bacajá, no Pará. No ano de 1994 sua população estimada era de 220 pessoas. Em 2003, tal grupo contava com 293 indivíduos.

A cosmologia araueté engloba conceitos de pessoa, de morte, e de divindade. Nos cantos e rituais xamânicos, as divindades e os mortos se manifestam aos humanos. O tema do canibalismo divino é central para a compreensão do conceito araueté da divindade e da pessoa. A metafísica araueté descreve o lugar do humano no universo, sua inscrição fundamental no elemento da temporalidade, e a lógica da identidade e da diferença que comanda sua ontologia original.

Referências

  1. Instituto Socioambiental. Quadro Geral dos Povos (em português) Enciclopédia dos Povos Indígenas no Brasil. Visitado em 21 de janeiro de 2012.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]