Buffy Sainte-Marie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Buffy Sainte-Marie
Buffy Sainte-Marie July 2009.jpg
Buffy Sainte-Marie tocando no Peterborough Summer Festival of Lights em 24 de junho de 2009.
Informação geral
Nome completo Beverly Sainte-Marie
Nascimento 20 de fevereiro de 1941 (73 anos)
Origem Qu'Appelle, Saskatchewan
País  Canadá
Gênero(s) Música country
Folk
Instrumento(s) voz, guitarra e arco musical
Período em atividade 1953- atualmente
Gravadora(s) Vanguard Records
Angel Records
Capitol Records
Island Records
Página oficial www.creative-native.com

Buffy Sainte-Marie, nome artístico de Beverly Sainte-Marie, (Qu'Appelle, Saskatchewan, 20 de fevereiro de 1941) é uma cantautora canadense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu na reserva indígena cree Piapot no Qu'Appelle Valley, Saskatchewan, Canadá. Foi adotada pelo casal Albert e Winifred Sainte-Marie, que eram parentes de seus pais biologicos [1] , e passou a infância e a adolescência no Maine. Estudou na Universidade de Massachusetts obtendo certificação em filosofia oriental.

Autodidata, suas canções de protesto, geralmente centradas no tema dos direitos dos índios[2] , sempre tiveram boa recepção entre os jovens e logo sua fama permitiu que ela atuasse em reservas indígenas, em teatros e festivais no Canadá e nos Estados Unidos.

Foi casada com o compositor Jack Nitzsche.[2]

Estrela de Buffy Sainte-Marie na Calçada da Fama do Canadá.

O álbum Illuminations é considerado sua obra-prima. A canção Until It's Time For You To Go (interpretada por Elvis Presley, Barbra Streisand, Roberta Flack, Cher e Neil Diamond entre outros) é sua canção mais conhecida. Outra composição, "Up Where We Belong", escrita com o marido Jack Nitzsche e Will Jennings, ficou famosa por fazer parte da trilha do filme An Officer and a Gentleman na interpretação de Joe Cocker e Jennifer Warnes que lhe valeu um Oscar em 1983 por melhor canção original.[2]

Buffy Sainte-Marie também é conhecida como um ativista social. Ela é fundadora da North American Women's Association (Associação Norte Americana da Mulher).[2]

Em 1999 recebe uma estrela na Calçada da Fama do Canadá em Toronto.[3]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

  • It's My Way (1964)
  • Many a Mile (1965)
  • Little Wheel Spin And Spin (1966)
  • Fire & Fleet & Candlelight (1967)
  • I'm Gonna Be A Country Girl Again (1968)
  • Illuminations (1969)
  • She Used to Wanna Be a Ballerina (1971)
  • Moonshot (1972)
  • Quiet Places (1973)
  • Native North-American Child: An Odissey (1974)
  • Buffy (1974)
  • Changing Woman (1975)
  • Sweet America (1976)
  • Coincidences and Likely Stories (1992)
  • Running for The Drum (2009)

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • Spotlight On Buffy Sainte-Marie (1982)
  • Live at Carnegie Hall (2004)

Compilações[editar | editar código-fonte]

  • The Best of Buffy Sainte-Marie vol.1 (1970)
  • The Best of Buffy Sainte-Marie vol.2 (1971)
  • A Golden Hour of The Best of Buffy Sainte-Marie (1981)
  • Up Where We Belong (1996)
  • The Best of The Vanguard Years (2003)

Singles[editar | editar código-fonte]

  • Circle Game (1970)
  • Soldier Blue (1971)
  • I'm Gonna Be a Country Girl Again (1971)
  • Mister Can't You See (1972)
  • He's an Indian Cowboy in the Rodeo (1972)
  • Waves (1974)
  • The Big Ones Get Away (1992)
  • Fallen Angels (1992)
  • Until It's Time for You to Go (1996)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Buffy Sainte-Marie
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.