Colin Hay

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Colin Hay
Informação geral
Nome completo Colin James Hay
Nascimento 29 de junho de 1953 (60 anos)
Origem Saltcoats[1]
País Escócia[1]
Gênero(s) Adult Contemporary, pop rock[1]
Período em atividade 1979 - presente
Gravadora(s) CBS, MCA, Compass Records
Afiliação(ões) Men at Work, Ringo Starr & His All Starr Band
Página oficial www.colinhay.com/

Colin Hay é um músico escocês, mas conhecido por australiano, já que desde a adolescência morou na Austrália.

Seu nome de batismo é Colin James Hay, e ele nasceu em 29 de junho de 1953 em Saltcoats, uma localidade da Escócia. A família se mudou para a Austrália quando ele tinha 14 anos. Nessa época, Colin começou a se interessar em tocar guitarra e cantar.[1] Em 1979, junto com Ron Strykert (guitarra), Greg Ham (sax, flauta, teclado e gaita), John Rees (baixo) e Jerry Speiser (bateria), formaram o Men at Work, que se tornou um sucesso e um ícone do surf-rock.

Colin Hay esteve à frente da banda como vocalista, guitarrista e principal compositor até a metade dos anos 1980, quando a banda se desfez. Depois, seguiu carreira solo.

Carreira solo[editar | editar código-fonte]

Desde que se lançou em carreira solo, Colin Hay já lançou onze álbuns, somente dois deles por grandes gravadoras (Looking for Jack, 1987, Sony/CBS; Wayfaring Sons, 1990, MCA/Universal), sendo os demais independentes.

Colin Hay participou do Rock in Rio II, em 1991 no Rio de Janeiro, tocando na mesma noite que Prince e Joe Cocker. Colin veio a participar do segundo festival devido ao grande sucesso do single "Into My Life" de seu segundo álbum solo, Wayfaring Sons, 1990.

No final da década de 1980, Colin Hay fixou residência em Topanga, ao sudoeste de Los Angeles, Califórnia, onde vive até hoje.

Em dezembro de 2002, Colin Hay se casou com a cantora, compositora e dançarina peruana Cecilia Noël. Ela passa a fazer parte dos shows solo do cantor.

Em 2004, a música "I Just Don't Think I'll Ever Get Over You", fez parte da trilha sonora do filme Garden State (2004), que acabou recebendo o Grammy Awards de melhor trilha sonora daquele ano. No final deste ano, Colin Hay esteve em solo brasileiro pela quinta vez para divulgação de seu oitavo disco solo, Man @ Work.

Colin Hay lançou seu nono álbum solo, Are You Lookin' At Me?, pelo selo Compass Records, em abril de 2007 e o décimo, American Sunshine, em agosto de 2009.

O selo Compass Records relançou todo o catálogo independente do artista, que corresponde aos álbuns: Peaks & Valleys, Topanga, Transcendental Highway, Going Somewhere e Company of Strangers. Sendo que Going Somewhere foi relançado em 2005 e os demais em 2009, com adição de faixas bônus em todos exceto Peaks & Valleys.

Colin Hay lançou seu primeiro DVD em setembro de 2010, Live At The Corner, gravado em 2007 no Hotel Corner em Melbourne na Austrália, o show apresenta músicas do álbum Are You Lookin' At Me?, sucessos do Men at Work e outras favoritas do repertórios solo de Hay como "Beautiful World", "I Just Don't Think I'll Ever Get Over You" e "Waiting For My Real Life to Begin". O DVD apresenta ainda como bônus faixas do álbum American Sunshine, tocadas ao vivo em formato acústico por Hay num festival australiano em 2010, além de entrevistas e uma gravação da música "Melbourne Song" feita com sua irmã Carol Hay.

Gathering Mercury, seu décimo primeiro álbum solo, foi lançado em 2011 pela Compass Records.

Ringo Starr & His All Starr Band[editar | editar código-fonte]

No ano de 2003, Colin Hay fez parte da All Starr Band do ex-Beatle Ringo Starr. A banda excursionou a América do Norte, e o primeiro show desta turnê resultou no disco "Ringo Starr & His All Starr Band Tour 2003", onde Colin participa tocando guitarra e cantando.

Sua relação com os The Beatles não para por aí. Em 2004, Paul McCartney fez uma seleção das músicas que mais gostava para uma revista inglesa e incluiu a música "Going Somewhere" de Colin Hay. Em 2005, a ex-Sra. McCartney, Heather Mills, relançou a música "My Brilliant Feat" de Colin Hay como um single, em tributo ao jogador de futebol George Best, que morreu naquele ano. A verba da venda deste single foi revertida a uma entidade relacionada à doação de órgãos na Inglaterra.

Em julho de 2005 Hay e sua esposa Cecilia Noël participaram da gravação ao vivo de um show de Ringo Starr e sua banda Roundheads. A gravação era para o programa "Soundstage". A participação de Colin chegou a ser transmitida, mas foi removida no lançamento do álbum Ringo Starr Live At Soundstage, em 2007. Entretanto, ele aparece no DVD do show lançado em 2009.

Hay voltou a excursionar com a All Starr Band de Ringo Starr em 2008, desta vez dividindo o palco com os outros membros: Billy Squier, Hamish Stuart, Edgar Winter, Gary Wright e Gregg Bissonette. O último show da turnê, realizado em Los Angeles, foi lançado em CD e DVD no ano de 2010, Live At The Greek Theatre 2008, apresenta Colin Hay tocando guitarra nas músicas dos demais músicos e cantando seus sucessos "Who Can It Be Now?" e "Down Under" (esta última exclusiva da edição em DVD).

Durante o show de celebração de 70 anos de Ringo Starr, Colin Hay esteve no palco ao lado de outros amigos do baterista para cantar, com ele, a música "With a Little Help From My Friends". A apresentação foi sucedida pela aparição surpresa de Paul McCartney cantando a música "Birthday".

Discografia[editar | editar código-fonte]

Men at Work[editar | editar código-fonte]

  • Keypunch Operator/Down Under (MAW Music - Single independente) (1980)
  • Business As Usual (CBS Records/Sony) (1981) / (Legacy Recordings/Sony) (2003)
  • Cargo (CBS Records/Sony) (1983) / (Legacy Recordings/Sony) (2003)
  • Two Hearts (Columbia Records/Sony) (1985)
  • Brazil (BMG/Ariola Brasil - Lançado como Brazil '96) (1997) / (Legacy Recordings/Sony) (1998)

Solo[editar | editar código-fonte]

Ringo Starr & His All Starr Band[editar | editar código-fonte]

  • Tour 2003 (2004) (CD/DVD - Koch Records) (Ringo Starr, Colin Hay, Paul Carrack, John Waite, Sheila E, Mark Rivera)
  • Live At The Greek Theatre 2008 (2010) (CD/DVD - Hip-O Records) (Ringo Starr, Colin Hay, Billy Squier, Edgar Winter, Hamish Stuart, Gary Winter, Gregg Bissonette)

Videografia[editar | editar código-fonte]

  • Live In San Francisco... Or Was It Berkeley? - Men at Work (CBS/Fox Movies) (1984) [VHS]
  • Revue (Lazy Eye Rec.)(1997) [VHS]
  • Live At The Continental (Lazy Eye Rec.)(2002) [VHS]
  • Live At The Corner (Lazy Eye Rec./Boxing Clever Pictures/Compass Records)(2010) [DVD]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • The Wacky World of Wills & Burke (1985) - com Garry McDonald, Kym Gyngell e Nicole Kidman - papel: Taverneiro
  • Georgia (1988) - com Judy Davis - papel: Policial
  • Cosi (1996) - com Toni Collete - papel: Zac
  • Heaven's Burning (Céu em Chamas) (1997) - com Russel Crowe - papel: Jonah
  • The Craíc (1999) - com Jimeoin - papel: Barry
  • The Country Bears (Beary e os Ursos Caipiras) (2002) - com Christopher Walken, Haley Joel Osment, John Hiatt - papel: voz cantante dos ursos (creditado na trilha sonora)
  • The Wild (Selvagem) (2006) - com Kiefer Sutherland, James Belushi - papel: Fergus Flamingo (voz)
  • Largo (2008) - com Dave Allen, Fiona Apple - papel: ele mesmo
  • The Uninvited (2008) - com Marguerite Moreau - papel: Nick

Scrubs[editar | editar código-fonte]

Hay participou também de um episódio da série de TV "Scrubs", intitulado "My Overkill" (referência à música de sucesso do Men at Work), onde ele aparece em vários locais tocando violão e cantando a música "Overkill". Trata-se do primeiro episódio da segunda temporada, que foi ao ar em 2002. No último episódio da oitava temporada há também uma curta aparição, embora não creditada.

Referências

  1. a b c d Biography (em inglês). allmusic. Página visitada em 7 de julho de 2011.

<big

Ligações externas[editar | editar código-fonte]