Darth Maul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Darth Maul
Personagem de Star Wars
Nascimento Dathomir,
Falecimento {{{falecimento}}}
Espécie Dathomiriano Zabrak
Olhos Amarelos
Actividade(s) {{{atividade}}}
Afiliações Sith, Confederação de Sistemas Independentes
Armas Sabre de Luz Duplo Vermelhos
Interpretado por Ray Park
Veículos Sith Infiltrator, Sith Speeder
Projecto Cinema  · Portal Cinema

Darth Maul é um Zabrak do planeta Dathomir no universo fictício de Star Wars. Os chifres são a marca registrada de todos os Zabraks.

História[editar | editar código-fonte]

Darth Sidious o encontrou quando ele tinha apenas 12 anos e em breve se tornou um perito em artes marciais. Sidious o nomeou como: "Lord of the Sith", com o pseudônimo de Darth Maul. Sua ambição em se tornar o maior lutador Sith o fez aprender a usar o sabre de luz, que ele realmente o faz com precisão incrível. Ele usa um sabre de luz de duas lâminas, que ele mesmo fabricou e está preparado para enfrentar qualquer Jedi. Foi treinado e instruído a sentir ódio e destruir os Jedi. Ele é o aprendiz leal de Sidious. Com a face tatuada em vermelho e preto, sua aparência é maléfica. Tem o medo como aliado. Implacável e próximo da perfeição. Maul foi uma arma forjada pelas odiosas energias do Lado Negro para assegurar a vitória dos Sith sobre a Ordem Jedi. Uma criatura do puro mal, não tinha personalidade além da devoção ao seu mestre. Seu objetivo era singular – vingança sobre os Jedi pela dizimação das Ordens Sith.

A República tomou conhecimento da existência de Maul somente como um misterioso atacante. Enquanto Qui-Gon Jinn escoltava a fugitiva Rainha Amidala de Tatooine para Coruscant, Darth Maul os perseguiu em seu Sith Speeder e caiu sobre o Mestre Jedi. O ataque de Maul foi impiedoso; ele brandiu violentamente seu sabre de luz contra Qui-Gon que escapou devido a ajuda do Royal Starship da Rainha.

Qui-Gon ficou surpreso e estava despreparado para esse ataque. Os Sith, como todos supunham, estavam extintos, desaparecidos da galáxia por um milênio. Porém a evidência estava lá – um atacante negro, treinado nas artes Jedi, brandindo um sabre de luz Sith.

Maul foi despachado por Darth Sidious para rastrear a Rainha, uma façanha que ele cumpriu por meios misteriosos e ainda desconhecidos, ainda que eficazes. Viajando em seu Sith Infiltrator, Maul vasculhou a galáxia à procura da Rainha desaparecida, e reportou seus resultados à seu mestre. Quando Amidala retornou à Naboo, Maul estava lá, esperando para enfrentar os Jedi mais uma vez.

Como um exemplo inegável de suas habilidades e devoção, Maul mergulhou de cabeça na batalha contra dois guerreiros Jedi. Usando seu sabre de luz duplo, Maul levou ambos, Obi-Wan Kenobi e Qui-Gon Jinn ao coração do Palácio Real de Theed. Quando os Jedi foram separados, Maul matou Qui-Gon, e Kenobi tomado pela ira, o atacou. O chamado Padawan foi barrado por Maul que com o uso da Força subjugou momentaneamente o jovem aprendiz. Devido à sua arrogância e desprezo pelos Jedi, Maul subestimou Kenobi e num rápido lance a luta teve uma reviravolta e acabou cortado ao meio por um inesperado golpe de sabre.

Um olhar de confusão e espanto atravessou a face tatuada de Maul. Seu corpo caiu dividido em dois, em direção ao esquecimento. Era apenas uma questão de tempo até Sidious tomar um novo aprendiz.

Mas apesar de ter sido partido ao meio, Darth Maul não morreu, a Mãe Talzin era a única que sabia que ele ainda estava vivo e exilado em algum lugar além da Orla Exterior, ela deu um colar para o irmão de Maul, Savage Opress, para encontrá-lo novamente. Savage encontrou seu irmão em Lotho Menor com a ajuda do colar e o leva de volta até a Mãe Talzin que cura os seus ferimentos, e Maul foi curado fisicamente e psicologicamente e jurou vingar-se de Obi-Wan Kenobi.

Maul e Opress foram até o planeta Raydonia e fizeram reféns a fim de atrair Kenobi para uma armadilha, Kenobi foi até o planeta sozinho e foi derrubado pelos irmãos de Dathomir, mas Kenobi recebeu uma ajuda inesperada, Asajj Ventress apareceu para ajuda-lo a lutar contra Maul e Opress, durante o confronto Obi-Wan e Ventress fugiram em uma nave.

Mais tarde Maul e Opress tentaram fazer aliança com um grupo de piratas espaciais do planeta Florum, mas Obi-Wan Kenobi e Adi Gallia tentaram impedi-los e lutaram contra eles, durante o confronto Savage matou Adi Galia, Maul e Savage juntos lutaram contra Kenobi, mas ele consegue cortar o braço de Savage, Maul e seu aprendiz fugiram dos piratas, mas sua nave foi atingida mas eles conseguem entrar em uma capsula de fuga.

Maul e Opress foram encontrados pelos Vigias da Noite que fizeram uma aliança com eles, e juntos tomaram o planeta Mandalore de assalto, Maul se tornou o governador do planeta. Obi-Wan foi até lá afim de salvar Satine, mas falhou, Maul apareceu e afim de torturar o Jedi, matou Satine em sua frente e ordenou que o prendesse. Maul estava em seu palácio, quando de repente aparece seu antigo mestre, Darth Sidious, que enfrenta ele e seu novo aprendiz Savage, junto eles lutam, mas durante o confronto, Sidious mata Savage, e derrota Maul, mas decide não o mata-lo por ter outros planos em mente.

No Universo Expandido[editar | editar código-fonte]

Os Sith Lords foram criados pelos próprios Jedi pois a ambição, principal despertar do lado negro, tomou o mestre Jedi Kalin Assad. Kalin foi proibido pelo Conselho Jedi de estudar o Lado Negro. Assim sendo, ele desafiou o Conselho e continuou o seu estudo logo se tornando o primeiro Sith Lord. Não demorou muito para ter seu aprendiz e logo já eram mais de 50.000 Siths. Mas como a ambição, a ganância pelo poder era fruto do Lado Negro, e começou uma guerra entre os Sith Lords pelo poder. Aliando esta guerra a seus maiores inimigos, os Cavaleiros Jedi.

Após vários anos de disputa os Sith foram extintos de todo o universo. Mas o Conselho não sabia que havia sobrado um único sobrevivente. Este começou então a ensinar exclusivamente um aprendiz trazendo uma nova ordem Sith (um mestre e um aprendiz). Mais tarde surgiu Darth Sidious, destinado a destruir os Jedi do universo.

Não se sabe ao certo como Darth Sidious veio a encontrar seu jovem e mortal aprendiz. Ele foi criado desde cedo para ser uma arma, temperado por um treinamento severo e abusivo para se tornar um incrível guerreiro. Zabrakiano de Iridonia, Maul abandonou todos os seus traços de identidade quando recebeu seu nome Sith. Tão completa era sua devoção que ele suportou a agonia de ter intricadas tatuagens de símbolos Sith em todo o seu corpo.

No interesse de evitar o conhecimento da presença Sith pelos Jedi, todas as missões de Maul eram executadas discretamente, nas sombras. Maul assassinou inúmeros inimigos cujas atividades eram um empecilho ao crescente movimento Sith. O guerreiro negro ainda se infiltrou no coração da maior organização criminal da galáxia, a Black Sun, assassinou, e escapou ileso.

Maul tem uma gama de ferramentas para ajudar em suas missões. Seu Sith Infiltrator é uma nave estelar modificada com dispositivos de camuflagem. Seu Sith Speeder é inclinado e desarmado, para conseguir grande velocidade. No passado, chegou a empregar C-3PX, um droid de protocolo modificado como assassino.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

O desenvolvimento de Darth Maul passou por muitas definições antes do design final. O artista conceitual [[Iain McCaig] criou todo o tipo de diferentes designs de elmos, tentando chegar a um visual mascarado que rivalizasse com Darth Vader. Eventualmente, adaptou um conceito que havia criado para personagens do Senado - rostos pintados e tatuados - e chegou ao visual de Darth Maul.

Darth Maul foi mostrado pela primeira vez em A Ameaça Fantasma, mas, para desapontamento de muitos fãs, seu personagem foi morto no fim do filme. O incrível visual de Maul, em adição a seu papel limitado, deixou muitos fãs querendo saber mais sobre este personagem.

De acordo com o IMDB, "...Apesar dos curiosos fanáticos por Star Wars afirmarem que Ray Park iria retornar como Darth Maul em Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones (2002), suas muitas especulações foram derrubadas pelo próprio George Lucas com o anúncio de que apesar de que este personagem específico não iria voltar no segundo filme, Park iria de fato interpretar um papel em Episódio II..."

Aventuras anteriores de Maul estão documentadas nos seguintes trabalhos: Jedi Coucil: Acts of War (minissérie de revista em quadrinhos, Darth Maul: Saboteur (ebook), Darth Maul (minissérie de revista em quadrinhos), Episode I Adventures: The Fury of Darth Maul (conto), Darth Maul: Shadow Hunter (romance), e Episode I Journal: Darth Maul (conto).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Darth Maul

Ligações externas[editar | editar código-fonte]