R2-D2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
R2-D2
Personagem de Star Wars
Nascimento Construído no
Planeta Naboo
Espécie Dróide astromecânico
Olhos Lente central única
Actividade(s) {{{atividade}}}
Afiliações República Galáctica, Aliança Rebelde, Nova República, Aliança Galática, Ordem Jedi
Armas Choque elétrico
Interpretado por Kenny Baker
Veículos Caça de Naboo, Millennium Falcon, Caça Asa-X
Projecto Cinema  · Portal Cinema

O pequeno robô R2-D2 é um dos principais personagens da saga Star Wars. Ele é um dróide astromecânico, responsável por manutenção e navegação de astronaves. Fala uma "linguagem" incompreensível, de bipes e sons eletrônicos (e inspirou Kenny, de South Park).

R2-D2 e C-3PO são os únicos personagens da série a aparecerem nos 6 filmes interpretados pelos mesmos atores. Kenny Baker foi o ator anão que atuou dentro do dróide em cinco dos seis filmes da série. Apesar de aparecer nos créditos do filme A Vingança dos Sith, Kenny nunca filmou qualquer cena desse episódio.

A Ameaça Fantasma[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

R2-D2 era um simples dróide astromecânico, a serviço da Rainha Amidala de Naboo. Ao salvar a nave da rainha da destruição, passa a ser visto com mais atenção.

No planeta Tatooine, R2 conhece Anakin Skywalker e seu futuro parceiro C-3PO, que havia sido encontrado no lixo e remontado por Anakin.

R2 por acidente entra num caça Naboo e vai em batalha junto com Anakin. Lá destroem a nave de controle dos dróides inimigos e são aclamados como heróis.

O Ataque dos Clones[editar | editar código-fonte]

Dez anos depois, R2 continua a serviço de Amidala, e depois que ela sofre dois atentados, vai com Anakin para Naboo, a fim de protegê-la.

Depois os três voltam para Tatooine e lá R2 se reune com C-3PO, que iria com eles para o planeta Geonosis.

Em Geonosis, R2 salva Amidala da morte na fábrica de dróides e depois ajuda C-3PO, que havia sido decapitado e teve sua cabeça fundida com o corpo de um dróide de batalha e o corpo unido a cabeça de um droide de batalha, a voltar ao normal.

R2-D2 e C-3PO são as únicas testemunhas do casamento de Anakin e Amidala.

A Vingança dos Sith[editar | editar código-fonte]

Três anos depois, R2 ajuda Anakin e Obi-Wan Kenobi a salvar o chanceler Palpatine.

R2 vai como co-piloto da nave de Anakin até Mustafar, planeta vulcânico onde Anakin, possesso pelo Lado Negro da Força, enfrenta Obi-Wan e perde.

R2 se junta a Padmé, Obi-Wan e C-3PO, que vieram ao resgate de Anakin. Depois, C-3PO tem suas memórias apagadas, mas R2 permanece com sua memória inalterada. Neste momento ele emite um som para o C-3PO que remete a um deboche.

Uma Nova Esperança[editar | editar código-fonte]

R2-D2 e C-3PO agora trabalham em uma nave do planeta Alderaan, servindo ao Capitão Antilles. Quando a nave de Darth Vader ataca e captura a de Leia, ela implanta planos do novo projeto imperial, a Estrela da Morte, na memória de R2. Depois, R2 e C-3PO entram numa cápsula de emergência e são ejetados no planeta desértico Tatooine.

Lá, os robôs são capturados pelos jawas, "urubus de tecnologia", e vendidos aos humilde fazendeiros Owen Lars e seu sobrinho Luke Skywalker.

Ao limpar R2-D2, Luke ativa a mensagem holográfica de Leia, endereçada a Obi-Wan Kenobi. Luke se lembra do ermitão Ben Kenobi, mas seu tio Owen não deixa ir procurá-lo.

Porém, à noite, R2 resolve ir atrás de Ben. Luke e C-3PO vão procurá-lo, e acham o dróide e Ben.

Ben, que é de fato Obi-Wan, alega nunca ter possuído um dróide, mas vê a mensagem de Leia, pedindo para contatar o pai dela em Alderaan. Obi-Wan, Luke e os dróides resolvem ir para lá guiados por Han Solo.

Quando vão chegar a Alderaan, a Estrela da Morte destrói o planeta. Um "raio trator" da Estrela captura a nave de Solo, a Millennium Falcon. Obi-Wan invade a estrela para desligar o raio trator, enquanto Luke, Han e o parceiro Chewbacca vão resgatar Leia, e os dróides ficam encarregados de vigiar a segurança. Depois de tudo pronto, a Falcon foge para a base da Aliança Rebelde.

Luke resolve ir na missão de destruir a Estrela da Morte, com R2 como co-piloto, e consegue. Mas, com a ajuda de Han Solo na Millennium Falcon.

O Império Contra-Ataca[editar | editar código-fonte]

Após a invasão do Império à base rebelde em Hoth, R2-D2 acompanha Luke até Dagobah, lar do Mestre Yoda.

Luke avança no treinamento Jedi, mas é obrigado a interromper para salvar Leia e Han em Bespin.

Ao chegar lá, R2 se une à Aliança, remonta o desmanchado C-3PO e conserta o propulsor de hiperespaço da Falcon.

O Retorno de Jedi[editar | editar código-fonte]

R2 e C-3PO são enviados para passar uma mensagem ao gângster Jabba the Hutt, que está com Han Solo congelado. Jabba fica com os robôs até Luke, Leia e Lando irem ao resgate de Han.

Luke volta a Dagobah, onde Yoda morre, e conversa com o espírito de Obi-Wan.

Uma missão é enviada à lua florestal de Endor, onde o Império construiu um campo de força para proteger a segunda Estrela da Morte, ainda em construção.

Entre os designados estão Luke (que em certo ponto vai para a Estrela ver Darth Vader), Leia, Han e os dróides. R2 tenta abrir a central emissora do escudo, mas o computador o repele. Só abrem à força, com a ajuda dos nativos.

Ao desligar o escudo, as forças rebeldes destroem a Estrela da Morte. E o Império estava finalmente derrotado.

Ícone de esboço Este artigo sobre cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

{{Navbox |titlestyle = |groupstyle = |name = Star Wars |state = autocollapse |title = Star Wars |above =

| group1 = Filmes principais | list1 =