Pastoral da Juventude

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde abril de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

A Pastoral da Juventude (PJ), assim como a Católicas Pelo Direito de Decidir, é uma organização autoproclamada católica da América Latina.

No Brasil a PJ constitui-se por jovens brasileiros e estrangeiros ligada à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a movimentos políticos socialistas.

Ação[editar | editar código-fonte]

A Pastoral da Juventude está em ação em diversos países (países hispânicos: Pastoral Juvenil Católica, em outros países também Youth Ministry, Young Groups ou Youth leaders). A atividade é coordenada por coordenadores e assessores leigos(as) e religiosos(as) que se despontam como militantes e por organizações como Pastoral da Juventude Paroquial.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

A Pastoral da Juventude do Brasil (PJB) é ação organizada com o intuito de jovens evangelizarem jovens que não estão oficialmente ligados pelos sacramentos a Igreja Católica Apostólica Romana. É baseada em uma interpretação teológica revolucionária socialista do Socialismo Cristão e da Teologia da Libertação, que não se confirmam segundo a tradição da Igreja Católica. A ação baseia-se nas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil de 1994.[1]

Ramos[editar | editar código-fonte]

  • Pastoral da Juventude (PJ)
  • Pastoral da Juventude Estudantil (PJE)
  • Pastoral da Juventude Rural (PJR)
  • Pastoral da Juventude do Meio Popular (PJMP)

Eventos[editar | editar código-fonte]

A PJ brasileira busca um novo jeito de conversar e ter diálogo com as Congregações e Movimentos eclesiais que trabalham com jovens ligados ao recente Setor da Juventude ligado a CNBB. O setor desenvolve eventos e ações conjuntamente ao Setor Juventude Brasileiro para a busca de conversão de jovens.

Apesar da Pastoral da Juventude ter nos seus encontros dos grupos de base o seu momento de maior importância, ao longo dos 30 anos de existência criou momentos especiais anuais que acabaram entrando no calendário oficial da Igreja Católica no Brasil[carece de fontes?]:

Dia Nacional da Juventude

Uma atividade com mais de 20 anos de existência, organizada anualmente, na maioria das vezes por Coordenações Diocesanas da PJ. Realizado sempre que possível no último final de semana do mês de outubro de cada ano.

Semana da Cidadania

Atividade realizada entre os dias 14 e 21 de Abril todos os anos, que discute políticas públicas sobre um determinado tema (por exemplo: em 2007 foi trabalho o tema Meio Ambiente, em 2006 a Redução da Maioridade Penal) com base em materiais desenvolvidos pela Pastoral da Juventude e outros Institutos de Juventude, como subsídios e cartazes, convidando os jovens membros dos grupos de base a discutirem assuntos políticos.

A principal crítica de outros grupos católicos de discussão aos eventos de discussão política da Pastoral da Juventude seria que este funciona como uma plataforma de doutrinação política de esquerda e que há amplo bloqueio e agressividade a ideias que destoam da pauta socialista pre-determinada dos dirigentes da pastoral.

Semana do Estudante

A Semana do Estudante, sempre realizada no mês de Agosto, é muito trabalhada pelo PJE (Pastoral da Juventude Estudantil), já sendo muito difundida na PJ mais comum dos grupos de base e claro também nas comunidades eclesiais de base (cebs). Assim como outras atividades nacionais permanentes, a Semana do Estudante tem como material de apoio subsídios,livretos, folhetos e cartazes elaborados pela Coordenação Nacional e outros Institutos de Juventude, como o Anchietanum e a CAJU (Casa da Juventude Pe. Burnier).

Semana da Juventude

Há os encontros regionais, nacionais e os paróquias. Na diocese de São Miguel Paulista ocorre o encontro chamado Semana da Juventude que conta com grupos do setor de Ermelino Matarazzo, onde formulam teatro e pregações de temas específicos, esse evento acontece 1 ou 2 vezes ao ano (janeiro e/ou julho ou conjuntamente a semana que antecede o DNJ - última semana de Outubro).

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Desde as denuncias expondo a relação de alguns centros da Pastoral da Juventude com movimentos militantes de cunho socialista/comunista/marxista, e consequentemente herético[2] , diversas associações católicas vêm denunciando a pastoral.[3] [4] Algumas se referem a pastoral como a Igreja de Judas Iscariotes do Brasil. [5]

No blog UNB Conservadora, há diversas denuncias de ligação do movimento com governos ditatoriais da America Latina. Em uma das postagens pode-se observar imagens da página oficial da Pastoral da Juventude de Fortaleza no Facebook em que há exaltação de assassinos comunistas como Chê Guevara, Fidel Castro e Hugo Chaves.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.