What I've Done

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"What I've Done"
Single de Linkin Park
do álbum Minutes to Midnight
Lançamento Estados Unidos 2 de Abril de 2007
Reino Unido Austrália 3 de Abril de 2007
Formato(s) CD e DVD
Gravação Los Angeles, Califórnia (2006)
Gênero(s) Rock alternativo
Duração 3:25 (Versão do Álbum)

3:28 (Versão do Single)

Gravadora(s) Warner Bros.
Composição Linkin Park
Produção Rick Rubin
Mike Shinoda
Certificação(ões) Double Platinum.png 2× Platina (RIAA)[1]
Cronologia de singles de Linkin Park
Último
Último
"Dirt off Your Shoulder/Lying from You"
(2005-2006)
"Bleed It Out"
(2007)
Próximo
Próximo

"What I've Done" é um single da banda norte-americana Linkin Park, lançado em 2007. Foi o décimo sexto single da história da banda e se encontra no álbum Minutes to Midnight, lançado em 2007, sendo o primeiro single deste álbum.

Faixas[editar | editar código-fonte]

CD 1[editar | editar código-fonte]

  1. "What I've Done" (edição de rádio) - 3:29
  2. "Faint" (ao Vivo) - 2:45

CD 2 (União Africana)[editar | editar código-fonte]

  1. "What I've Done" - 3:29
  2. "Faint" (ao Vivo) - 2:45
  3. "From the Inside" (ao Vivo) - 3:28

Versão DVD[editar | editar código-fonte]

  1. "What I've Done" (videoclipe) - 3:29
  2. "Faint" (ao Vivo) (videoclipe) - 2:45

7" (disco de retrato)[editar | editar código-fonte]

  1. "What I've Done" (edição de rádio) - 3:29
  2. "Faint" (ao vivo) - 2:45

Todas as faixas ao vivo foram gravadas no estádio Chiba Marine em Tóquio, Japão, em 13 de Agosto de 2006 durante o Summer Sonic Festival.

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O videoclipe de "What I've Done" mostra os integrantes da banda em um deserto, contracenando com várias cenas de problemas mundiais, como poluição, aquecimento global, racismo, Nazismo, fome, terrorismo, guerras, desmatamento, uso de drogas, aborto, obesidade, destruição, abuso dos governos dos países com os impostos e outros crimes cometidos pela humanidade. O videoclipe também inclui cenas de importantes figuras históricas, como Madre Teresa de Calcutá, Buda, Abraham Lincoln, Robert Kennedy, Fidel Castro e Mahatma Gandhi. O videoclipe está disponível para visualização pública na conta da banda no YouTube.

Cenas notáveis do videoclipe[editar | editar código-fonte]

Posições[editar | editar código-fonte]

Top (2007) Melhor
posição[2]
África do Sul[carece de fontes?] 1
 Áustria - Top 75[3] 8
 Austrália - Parada de Singles ARIA[4] 13
 Estados Unidos - Billboard Hot 100[5] 7
 Estados Unidos - Billboard Pop 100 8
 Estados Unidos - Billboard Faixas de Rock Moderno 1 (12x)
 Estados Unidos - Billboard Faixas de Rock Mainstream 1 (8x)
 Chile - Top 100 Singles[carece de fontes?] 70
 República Checa[carece de fontes?] 80
 Países Baixos - Top 40[6] 26
 França - Parada de Downloads[7] 20
 Alemanha - Top 100[8] 4
 Israel[carece de fontes?] 3
 Irlanda - Top 50[9] 15
 Itália - Top 50[10] 8
 Japão - Tokio Hot 100[carece de fontes?] 5
 Letônia - Top Airplay[carece de fontes?] 5
 Nova Zelândia - Parada de Singles RIANZ[11] 9
 Noruega - Top 20[12] 12
 Polónia - Top 50[13] 3
Suíça - Top 100[14] 6
 Reino Unido - UK Singles Chart[15] 6
Gnome-globe.svg United World Chart[16] 4
 Portugal - Top 50[17] 3
 Suécia - Top 60[18] 6
 Canadá - Hot 100[19] 11
 Bulgária - Top 40[20] 17
 Bélgica - Top 50[21] 27

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]



Ícone de esboço Este artigo sobre um single de Linkin Park é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.