Zózimo Alves Calazans

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Zózimo
Informações pessoais
Nome completo Zózimo Alves Calazans
Data de nasc. 19 de junho de 1932
Local de nasc. Salvador (BA), Brasil
Falecido em 17 de julho de 1977 (45 anos)
Local da morte Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Altura 1,76 m
Canhoto
Informações profissionais
Posição Treinador
(ex-Zagueiro)
Clubes de juventude

1948–1950
Brasil Bangu
Brasil São Cristóvão
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1951–1965
1965
1965
1965
1966
1966
1966–1967
1967
1967–1968
Brasil Bangu
Brasil Flamengo
Brasil Fluminense
Brasil Portuguesa
Brasil Esportiva de Guaratinguetá
Peru Sport Boys
Peru Sporting Cristal
Peru Porvenir Miraflores
El Salvador Águila
0461 00(?)
004 000(0)
Seleção nacional
1952
1958–1962
Brasil Brasil Olímpico
Brasil Brasil
003 000(1)
037 000(1)
Times que treinou
1968

1971
1975–1976
El Salvador Águila
Peru Deportivo Municipal
Peru Sport Boys
Peru Sport Boys

Zózimo Alves Calazans, mais conhecido apenas como Zózimo (Salvador, 19 de junho de 1932 — Rio de Janeiro, 17 de julho de 1977) foi um futebolista e treinador de futebol brasileiro, que atuou como zagueiro.

Foi um dos grandes zagueiros da Seleção Brasileira de Futebol, sendo campeão da Copa do Mundo FIFA em 1958 e 1962. Pela Seleção principal, atuou de 1955 à 1962, somando 37 jogos, 26 vitórias, 6 empates, 5 derrotas, e apenas 1 gol marcado. Em jogos de Copa do Mundo foram 6 jogos, 5 vitórias e 1 empate.1 Toda a passagem de Zózimo pela Seleção foi no mesmo período em que era jogador do Bangu.

Disputou também as Olimpíadas de Helsinque, em 1952, pela Seleção Olímpica. Foram 3 jogos, 2 vitórias e 1 derrota, e 1 gol assinalado.2

Atuou pelo Bangu de 1952 a 1964, fazendo 461 partidas3 , sendo o terceiro jogador que mais atuou pelo Bangu na história. Em 1964 atuou pela Esportiva de Guaratinguetá. Em 1965 chegou ao Flamengo, onde fez 4 partidas e nenhum gol4 . Encerrou a carreira no Sport Boys, do Peru.

Faleceu num acidente de carro no Rio de Janeiro.

O jogador é citado no documentário "Subterrâneos do futebol" (1964) quando então se faz referência a um caso de suborno envolvendo o seu nome.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Seleção Brasileira5
  • Copa do Mundo: 1958, 1962
  • Taça do Atlântico: 1956
  • Taça Oswaldo Cruz: 1955, 1956, 1958 e 1962
  • Taça Bernardo O'Higgins: 1955
Bangu6
  • Torneio Quadrangular de Belém do Pará: 1962
  • Torneio Quadrangular Internacional do Equador: 1962
  • Torneio Quadrangular de Recife: 1961
  • Torneio Triangular Internacional da Áustria: 1961
  • International Soccer League: 1960
  • Torneio Quadrangular Internacional da Costa Rica: 1959
  • Torneio Triangular Internacional de Luxemburgo: 1958
  • Torneio Quadrangular Internacional da Venezuela: 1958
  • Torneio Triangular de Porto Alegre: 1957
  • Torneio Quadrangular do Rio de Janeiro: 1957
  • Torneio Triangular Internacional do Equador: 1957
  • Torneio Início do Rio de Janeiro: 1955 e 1964

Referências