Bota de ouro da UEFA

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Bota de Ouro)
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pela premiação da Revista Placar, veja Chuteira de Ouro da Revista Placar.
Disambig grey.svg Nota: Se procura pela premiação paranaense, veja Chuteira de Ouro do Diário Popular.
Bota de ouro Europeia
Descrição Premiação para o maior marcador do futebol europeu.
Apresentação European Sports Media
Primeira cerimónia 1968

A Bota de Ouro é um prémio atribuído pela European Sports Media para galardoar o artilheiro dos campeonatos dos países membros. O título começou por ser atribuído a partir da época de 1967-68 pela revista francesa L'Équipe.

Entre 1990 e 1996, não foi atribuído o troféu, embora sejam reconhecidos vencedores oficiosos. A causa foi um protesto da Associação de Futebol do Chipre pela entrega do prêmio ao macedônio Darko Pančev, artilheiro do campeonato iugoslavo pelo Estrela Vermelha, com 34 gols. Os cipriotas alegaram que um outro jogador teria marcado 40 gols no campeonato local naquela temporada (1990-91), embora os dois artilheiros daquela edição da Liga do Chipre tenham marcado, oficialmente, apenas 19 gols. Pančev só receberia oficialmente a premiação em 2006.

Um ano depois, a chuteira seria entregue também ao austríaco Toni Polster, 20 anos após ter sido o artilheiro do campeonato austríaco, com 39 gols. O premiado daquela temporada (1986-87), o romeno Rodion Cămătaru, terminou artilheiro em seu país com 44 gols, mas tendo marcado 20 tentos nas últimas 6 partidas, o que provocou fortes suspeitas de manipulação para favorecê-lo.

A premiação voltou oficialmente na temporada 1996-97, agora pela European Sports Magazines. Para evitar confusão semelhante com a que envolveu Pančev, introduziu-se a partir de então um coeficiente de multiplicação que tem como objectivo valorizar os golos marcados nos campeonatos considerados mais competitivos. Assim, entre o 1.º e o 8.º campeonatos da classificaçao da UEFA os golos passaram a valer 2 pontos; entre o 9.º e 21.º passaram a valer 1,5; enquanto nos restantes permaneceram com o valor unitário.

Com a adoção dos coeficientes, apenas duas vezes o premiado realmente terminou a temporada como artilheiro absoluto do continente: o brasileiro Mário Jardel, em 1999, e o sueco Henrik Larsson, em 2001. Os maiores "prejudicados" foram os galeses: desde a interrupção da premiação da forma que era, em 1990, quatro já terminaram a temporada como maiores goleadores europeus e não puderam receber a premiação: David Taylor, Tony Bird, Marc Lloyd e Rhys Griffiths; todos foram artilheiros da inexpressiva Liga Galesa.

Curiosamente, Jardel já experimentou também as sensações de ser novamente o artilheiro absoluto e perder o prêmio (em 2000, para o inglês Kevin Phillips) e a de receber a premiação sem ter sido o maior artilheiro (em 2002, sobre Lloyd). Em 2007, dois brasileiros dividiram a artilharia absoluta do continente, Afonso Alves e o naturalizado croata Eduardo da Silva, mas o prêmio ficou com o italiano Francesco Totti.

Vencedores[editar | editar código-fonte]

Eusébio foi o primeiro vencedor da Bota de Ouro Europeia e foi o primeiro português a recebê-la, ao serviço do SL Benfica em 1968 e em 1973.
Henry foi Bi-Bota de Ouro, ao vencer este prémio em 2004 e em 2005, ao serviço do Arsenal.
Lionel Messi venceu a Bota de Ouro em quatro oportunidades, em 2010, 2012, 2013 e 2017 pelo Barcelona.
Cristiano Ronaldo, venceu da Bota de Ouro por quatro vezes, em 2008, pelo Manchester United, e em 2011, 2014 e 2015 pelo Real Madrid.
Lista de vencedores da Bota de Ouro Europeia
Temporada Nacionalidade Jogador Clube Liga Gols Pontos
Os vencedores foram premiados por L'Équipe
1967–68  Portugal Eusébio Benfica Portugal Primeira Liga 42
1968–69  Bulgária Petar Zhekov CSKA Sofia Bulgária Liga Búlgara 36
1969–70  Alemanha Gerd Müller Bayern de Munique Alemanha Bundesliga 38
1970–71 Iugoslávia Josip Skoblar Olympique de Marseille França Ligue 1 &0000000000000044.00000044
1971–72  Alemanha Gerd Müller Bayern de Munique Alemanha Bundesliga &0000000000000040.00000040
1972–73  Portugal Eusébio Benfica Portugal Primeira Liga &0000000000000040.00000040
1973–74  Argentina Héctor Yazalde Sporting CP Portugal Primeira Liga &0000000000000046.00000046
1974–75 Roménia Dudu Georgescu Dínamo Bucareste Romênia Liga I &0000000000000033.00000033
1975–76  Chipre Sotiris Kaiafas Omonia Nicosia Chipre Liga Marfin Laiki &0000000000000039.00000039
1976–77 Roménia Dudu Georgescu Dínamo Bucareste Romênia Liga I &0000000000000047.00000047
1977–78  Áustria Hans Krankl Rapid Vienna Áustria Bundesliga &0000000000000041.00000041
1978–79  Países Baixos Kees Kist AZ Alkmaar Países Baixos Eredivisie &0000000000000034.00000034
1979–80  Bélgica Erwin Vandenbergh Lierse Bélgica Jupiler Pro League &0000000000000039.00000039
1980–81  Bulgária Georgi Slavkov Botev Plovdiv Bulgária Liga Búlgara &0000000000000031.00000031
1981–82  Países Baixos Wim Kieft Ajax Países Baixos Eredivisie &0000000000000032.00000032
1982–83  Portugal Fernando Gomes Porto Portugal Primeira Liga &0000000000000036.00000036
1983–84  País de Gales Ian Rush Liverpool Inglaterra Premier League &0000000000000032.00000032
1984–85  Portugal Fernando Gomes Porto Portugal Primeira Liga &0000000000000039.00000039
1985–86  Países Baixos Marco van Basten Ajax Países Baixos Eredivisie &0000000000000037.00000037
1986–87  Áustria Toni Polster Austria Wien Áustria Bundesliga &0000000000000039.00000039
1987–88  Turquia Tanju Çolak Galatasaray Turquia Süper Lig &0000000000000039.00000039
1988–89 Roménia Dorin Mateuţ Dínamo Bucareste Romênia Liga I &0000000000000043.00000043
1989–90  México Hugo Sánchez Real Madrid Espanha La Liga &0000000000000038.00000038
 Bulgária Hristo Stoichkov CSKA Sofia Bulgária Liga Búlgara
1990–91 Iugoslávia Darko Pančev Red Star Jugoslávia Primeira Liga &0000000000000034.00000034
Os vencedores não foram premiados
1991–92 Escócia Ally McCoist Rangers Escócia Premier League &0000000000000034.00000034
1992–93 Escócia Ally McCoist Rangers Escócia Premier League &0000000000000034.00000034
1993–94  País de Gales David Taylor Porthmadog País de Gales Premier League &0000000000000043.00000043
1994–95  Armênia Arsen Avetisyan Homenetmen Arménia Premier League 39
1995–96  Geórgia Zviad Endeladze Margveti Geórgia Umaglesi Liga 40
Os vencedores foram premiados pela European Sports Media
1996–97  Brasil Ronaldo Barcelona Espanha La Liga 34 68
1997–98  Grécia Nikos Machlas Vitesse Países Baixos Eredivisie 34 68
1998–99  Brasil Mário Jardel Porto Portugal Primeira Liga 36 72
1999–00  Inglaterra Kevin Phillips Sunderland Inglaterra Premier League 30 60
2000–01  Suécia Henrik Larsson Celtic Escócia Premier League 35 52.5
2001–02  Brasil Mário Jardel Sporting CP Portugal Primeira Liga 42 84
2002–03  Países Baixos Roy Makaay La Coruña Espanha La Liga 29 58
2003–04  França Thierry Henry Arsenal Inglaterra Premier League 30 60
2004–05  França Thierry Henry Arsenal Inglaterra Premier League 25 50
Uruguai Diego Forlán Villarreal Espanha La Liga
2005–06  Itália Luca Toni Fiorentina Itália Serie A 31 62
2006–07  Itália Francesco Totti Roma Itália Serie A 26 52
2007–08  Portugal Cristiano Ronaldo Manchester United Inglaterra Premier League 31 62
2008–09 Uruguai Diego Forlán Atlético Madrid Espanha La Liga 32 64
2009–10  Argentina Lionel Messi Barcelona Espanha La Liga 34 68
2010–11  Portugal Cristiano Ronaldo Real Madrid Espanha La Liga 40 80
2011–12  Argentina Lionel Messi Barcelona Espanha La Liga 50 100
2012–13  Argentina Lionel Messi Barcelona Espanha La Liga 46 92
2013–14  Portugal Cristiano Ronaldo Real Madrid Espanha La Liga 31 62
Uruguai Luis Suárez Liverpool Inglaterra Premier League
2014–15  Portugal Cristiano Ronaldo Real Madrid Espanha La Liga 48 96
2015–16 Uruguai Luis Suárez Barcelona Espanha La Liga 40 80
2016–17  Argentina Lionel Messi Barcelona Espanha La Liga 37 74

Por jogador[editar | editar código-fonte]

Jogador Anos Temporadas Equipes
Portugal Cristiano Ronaldo 4 2007–08, 2010–11, 2013–14*, 2014–15 Inglaterra Manchester United
Espanha Real Madrid
Argentina Lionel Messi 2009–10, 2011–12, 2012–13, 2016–17 Espanha Barcelona
Portugal Eusébio 2 1967–68, 1972–73 Portugal Benfica
Alemanha Gerd Müller 1969–70, 1971–72 Alemanha Bayern de Munique
Romênia Dudu Georgescu 1974–75, 1976–77 Romênia Dínamo Bucareste
Portugal Fernando Gomes 1982–83, 1984–85 Portugal Porto
Escócia Ally McCoist 1991–92, 1992–93 Escócia Rangers
Brasil Mário Jardel 1998–99, 2001–02 Portugal Porto
Portugal Sporting
França Thierry Henry 2003–04, 2004–05* Inglaterra Arsenal
Uruguai Diego Forlán 2004–05*, 2008–09 Espanha Villarreal
Espanha Atlético de Madrid
Uruguai Luis Suárez 2013–14*, 2015–16 Inglaterra Liverpool
Espanha Barcelona

* Artilharia dividida.

Por país[editar | editar código-fonte]

Vencedores múltiplos
País Anos Época Jogadores
 Portugal 8 2007–08, 2010–11, 2013–14*, 2014-15 Portugal Cristiano Ronaldo
1967–1968, 1972–1973 Portugal Eusébio
1982–1983, 1984–1985 Portugal Fernando Gomes
 Argentina 5 2009–10, 2011–12, 2012–13, 2016-2017 Argentina Lionel Messi
1973–74 Argentina Héctor Yazalde
Uruguai 4 2004–05*, 2008–09 Uruguai Diego Forlán
2013–14*, 2015–16 Uruguai Luis Suárez
 Brasil 3 1998–99, 2001–02 Brasil Mário Jardel
1996-97 Brasil Ronaldo
Roménia 3 1974–75, 1976–77 Romênia Dudu Georgescu
1988–89 Romênia Dorin Mateuţ
 Alemanha 2 1969–70, 1971–72 Alemanha Gerd Müller
Escócia 2 1991–92, 1992–93 Escócia Ally McCoist
 França 2 2003–04, 2004–05* França Thierry Henry

* Artilharia dividida.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]