Cimboa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uma cimboa com o seu arco.

A cimboa /sĩˈboɐ/ (também conhecida por cimbó /sĩˈbɔ/) é um instrumento musical originário de Cabo Verde. Trata-se de um cordofone friccionado que era tradicionalmente utilizado para acompanhar as danças de batuque.

A cimboa é constituida[1] [2] pelo instrumento propriamente dito e por um arco. O instrumento pertence à família dos alaúdes, e como tal possui um braço ligado a uma caixa de ressonância. A caixa é feita a partir de uma cabaça, ou quando esta é difícil de encontrar, de coco, com um tampo harmónico de pele de cabrito esticada, fixa através de varetas de caniço. A partir da caixa sai um braço fabricado com uma madeira flexível (pinha. Na extremidade desse braço encontra-se uma cravelha de mogno para afinar a única corda do instrumento, que está tendida entre uma pestana incrustada no braço e um cavalete situado sobre o tampo harmónico. O som é obtido friccionando o arco sobre a corda feita de crina de cavalo. O arco é feito de uma peça de madeira encurvada de barnelo e de uma corda, também ela de crina, untada de breu. A altura das notas é conseguida pressionando a corda em diversos pontos do braço, mas o facto de o braço ser flexível torna possível obter mudanças na altura das notas arqueando o braço.

Sobre a origem exacta do instrumento quase nada se sabe, a não ser que veio da África continental. No entanto foi assinalada[3] a semelhança da cimboa com instrumentos africanos situados a milhares de quilómetros de distância (!), entre os quais o kiki do povo teda-daza do Tibesti e de Borku, o nini dos zaghawa, o fini dos kanembu, e ainda o kiki dos maba da região de Ouaddaï.

O uso deste instrumento está considerado extinto. Embora tenha havido um ressurgir da construção[4] deste instrumento, hoje em dia ele é mais utilizado como peça decorativa[3], e não como instrumento musical.

Referências
  1. Cardoso, Pedro (1933)
  2. Fernandes, A. N. (1969)
  3. a b Gonçalves, C. F. (2006)
  4. [1]
Bibliografia
  • Folclore Caboverdeano (Cardoso, Pedro; Edições Marianas: Porto, 1933)
  • Léxico do Dialecto Crioulo (Fernandes, Armando Napoleão; Gráfica do Mindelo: Mindelo, 1969)
  • Os Instrumentos Musicais em Cabo Verde (Brito, Margarida; Centro Cultural Português: Praia – Mindelo, 1998)
  • Relatório Diagnóstico (Direcção Geral de Animação Cultural: Praia, 1988) Inquérito realizado sobre músicos e instrumentos existentes em Cabo Verde
  • Kab Verd Band (Gonçalves, Carlos Filipe; Instituto do Arquivo Histórico Nacional: Praia, 2006)
  • A música de Cabo Verde pela imprensa ao longo do século XX (Nogueira, Gláucia; edição da autora: Praia, 2007)
Ligações externas
Ícone de esboço Este artigo sobre Cultura de Cabo Verde é um esboço relacionado ao Projecto Cabo Verde. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre instrumento musical é um esboço relacionado ao Projeto Música. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.