David Starr Jordan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
David Starr Jordan
Nome nativo David Starr Jordan
Nascimento 19 de janeiro de 1851
Morte 19 de setembro de 1931 (80 anos)
Stanford
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade Butler, Universidade de Indiana, Universidade Cornell, Faculdade de Agricultura e Ciências da Vida da Universidade Cornell
Ocupação botânico, ativista pela paz, zoólogo, autobiógrafo, ictiólogo
Influências
Empregador Instituto Smithsoniano, Universidade Butler, Universidade de Indiana, Universidade Stanford
Assinatura
Signature David Starr Jordan (1851-1931).jpg

David Starr Jordan (Gainesville, 19 de janeiro de 1851Stanford, Califórnia, 19 de setembro de 1931) foi um educador, escritor e naturalista norte-americano.

Extraordinário cientista, educador e escritor americano nascido em Gainesville, NY, e primeiro presidente da Indiana University, depois Stanford University (1891-1913) e considerado o maior ictiologista, o estudo da zoologia sobre os peixes, de seu tempo. Recebeu o bacharelado e o master da Cornell University (1872). Foi professor de ciências na Indianapolis High School (1874-1875. Recebeu o grau de Doctor of Medicine do Indiana Medical College (1875) e o Ph.D. da Northwestern Christian University (1878), hoje Butler University. Foi Chairman of the Department of Natural Sciences at Indiana University (1879-1891) e seu presidente (1885-1891). Transformada em Stanford University, Palo Alto, California, foi seu primeiro presidente (1891-1913) e Chancellor (1913-1916).

Foi o fundador da Hopkins Marine Station (1892), nomeado como primeiro diretor do Committe on Eugenics of the American Breeders Association (1906) e considerado o grande sucessor de Agassiz. Aposentou-se de Stanford (1916) e da vida profissional (1925) e morreu em casa, em Palo Alto..Especialista em peixes sobre os quais escreveu 645 trabalhos, e outros 1372 sobre assuntos variados, também envolveu-se em movimentos pacifistas. Escreveu mais de 50 livros, entre eles A Manual of the Vertebrate Animals of Northern United States (1876), Record of Collections of Fishes (1885), The Fishes of North and Middle America (4 vol., 1896-1900), The Human Harvest (1907), War and Waste (1913), A Guide to the Study of Fishes (2 vol., 1905), o autobiográfico Days of a Man (2 vol., 1922),Your Family Tree (1929), com S. L. Kimball, e Trend of the American University (1929).

Publicações[editar | editar código-fonte]

  • Manual of the Vertebrates of the Northern United States (1876)
  • Science sketches (1887)
  • Fishes of North and Middle America (quatre volumes, 1896-1900)
  • Com Barton Warren Evermann Food and Game Fishes of North America (1902)
  • Guide to the Study of Fishes (1905)
  • Life's Enthusiasms (1906)
  • Days of a Man (1922) : autobiographie
  • The Blood of the Nation
  • War and Waste (1913)
  • Com Harvey Ernest Jordan (1878-1963) War's Aftermath, a Preliminary Study of the Eugenics of War (1914)
  • Ways of Lasting Peace
  • Democracy and World Relations
  • Imperial Democracy
  • Shore Fishes of Hawaii


Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: David Starr Jordan