Phillip Allen Sharp

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Phillip Allen Sharp
Phillip Allen Sharp em 2009
Nascimento 6 de junho de 1944 (73 anos)
Falmouth
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Prêmios Prêmio Eli Lilly de Química Biológica (1980), Prêmio NAS de Biologia Molecular (1980), Prêmio Alfred P. Sloan Jr. (1986), Prêmio Albert Lasker de Pesquisa Médica Básica (1988), Prêmio Dickson de Medicina (1991), Nobel prize medal.svg Nobel de Fisiologia ou Medicina (1993), Medalha Benjamin Franklin em Ciências (1999), Medalha Dupla Hélice (2006)
Orientado(s) Andrew Fire
Instituições Instituto de Tecnologia da Califórnia
Campo(s) Biologia molecular

Phillip Allen Sharp (Falmouth, 6 de junho de 1944) é um biologista molecular estadunidense.

Foi agraciado, juntamente com o britânico Richard Roberts, com o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1993, pela descoberta da existência de segmentos do ácido desoxirribonucleico que não têm função codificadora na elaboração de uma determinada proteína.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Edmond Fischer e Edwin Krebs
Nobel de Fisiologia ou Medicina
1993
com Richard Roberts
Sucedido por
Alfred Gilman e Martin Rodbell


Ícone de esboço Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.