Jared Diamond

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Jared Diamond
Jared Diamond em 2016
Conhecido(a) por autor de Armas, Germes e Aço - Os Destinos das Sociedades Humanas (1997)
Nascimento 10 de setembro de 1937
Boston, Massachusetts, Estados Unidos
Residência Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Cônjuge Marie Diamond
Alma mater
Prêmios
Instituições Universidade da Califórnia em Los Angeles
Campo(s) Bioquímica e fisiologia
Tese Concentrating activity of the gall-bladder (1961)[1]

Jared Mason Diamond (Boston, 10 de setembro de 1937) é geógrafo, historiador, ornitólogo e escritor norte-americano.

Conhecido por seus livros Armas, Germes e Aço - Os Destinos das Sociedades Humanas[2] e Colapso - Como as Sociedades Escolhem o Fracasso ou o Sucesso, entre outros, Diamond é formado em bioquímica e fisiologia e por transitar entre áreas como antropologia, ecologia, geografia e biologia evolutiva. É professor de geografia na Universidade da Califórnia em Los Angeles.[3]

Em 2005, Diamond estava em novo lugar no ranking organizado pelas revistas Prospect e Foreign Policy de 100 intelectuais mais relevantes. [4] Em 1999, foi condecorado com a Medalha Nacional de Ciências, do governo dos Estados Unidos.[5]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Diamond nasceu em 1937, em Boston. Era filho de Louis Diamond, médico imigrante de Chisinau, na Moldávia e de Flora Kaplan Diamond, professora, linguista e pianista. Os dois vieram de famílias judaicas Asquenazes.[6] Desde os seis anos, Diamond aprendeu piano. Anos depois pediria sua futura esposa em casamente durante um conserto de Brahms.[7]

Aos sete anos, começou a se interessar por observação de pássaros, que se tornaria uma grande paixão na idade adulta e em vários trabalhos publicados em periódicos científicos a respeito.[8] Aos 15 anos, pela primeira vez, seus pais o levaram para uma viagem longa até Montana, onde passavam os feriados no rancho da família, chamado Hirschy, perto do rio Big Hole. No verão de 1956, como estudante universitário, ele voltou para o rancho para trabalhar. Depois, impressionado pela beleza do lugar, começou a passar todos os feriados com a família. Tanto Montana, como a região do Vale Bitterroot se tornaram temas de seu livro Colapso - Como as Sociedades Escolhem o Fracasso ou o Sucesso, de 2005.[2][9]

Diamond estudou na Roxbury Latin School durante o ensinmo médio e obteve um bacharelado em bioquímica pela Universidade Harvard, em 1958. Pela Universidade de Cambridge, em 1961, obteve um doutorado em fisiologia e biofísica, estudando a absorção de sais pela membrana da vesícula biliar.[10] Em 2009, ele recebeu um doutorado honorário da Westfield State University em Massachusetts.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Após seu doutorado em Cambridge, Diamond voltou para Harvard como professor associado até 1965. Em 1968 tornou-se professor titular em fisiologia pela Faculdade de Medicina da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA). Paralelamente à carreira universitária, desenvolveu uma carreira na ornitologia e ecologia, em especial na Nova Guiné e em suas ilhas próximas, quando começou a visitar o arquipélago em 1964. Aos 50 anos, Diamond entrou em outra área, a da história ambiental, tornando-se professor de geografia na UCLA.[2] Também é professor na Libera Università Internazionale degli Studi Sociali, em Roma.[11]

Ainda que seja formado em fisiologia, Diamond é mais conhecido por seus trabalhos na área de divulgação científica, com livros que combinam áreas diversas. Por conta desta diversidade de áreas acadêmicas com que trabalha em seus livros, Diamond é frequentemente chamado de polímata.[12]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Diamond é casado com Marie Cohen Diamond, neta do político polonês Edward Werner. Eles têm dois filhos gêmeos, nascidos em 1987.[13]

Livros famosos[editar | editar código-fonte]

The Third Chimpanzee (1991)[editar | editar código-fonte]

No Brasil O Terceiro Chimpanzé (Record, 2011). Primeiro livro famoso de Diamond, The Third Chimpanzee analisa a evolução humana e sua relevância no mundo moderno, através de evidências da antropologia, biologia evolutiva, genética, ecologia e linguística. O livro mostra como a evolução humana é diferente da dos outros animais, ainda que a gente divida 98% dos genes com nossos primos mais próximos, os chimpanzés. O livro também analisa as origens animais da linguagem, arte, agricultura, tabagismo e uso de drogas, além de outros atributos aparentemente humanos. Foi bem recebido pela crítica e em 1992 ganhou o Prêmio da Royal Society na categoria de livros de ciência.[14]

Guns, Germs, and Steel (1997)[editar | editar código-fonte]

No Brasil Armas, Germes e Aço (Record, 2017), publicado originalmente em 1997. O livro começa com uma pergunta: por que os povos eurasianos conquistaram e deslocaram povos nativos das Américas, Austrália e África, ao invés do contrário. Ele argumenta que não foi devido a vantagens genéticas natas, mas por características do continente da Eurásia, como a grande diversidade de plantas e animais domesticáveis e pela existência de um eixo leste\oeste maior, o que favoreceu à domesticação, população, tecnologia e doenças de transitarem por longas distâncias sem grandes mudanças na latitude.[6]

A primeira parte do livro trabalha com as rações do por que apenas algumas espécies de plantas e animais selvagens são passíveis de domesticação. A segunda parte discute como a produção local de alimentos baseada nesta domesticação levou ao desenvolvimento de populações humanas densas e estratificadas e de sociedades humanas em diferentes continentes e regiões do mundo. O livro se tornou um grande sucesso, sendo traduzido para 33 idiomas e recebendo vários prêmios importantes como o Prêmio Pulitzer em 1997.[15]

Uma série de documentários foi feita baseada no livro, com produção da National Geographic Society em 2005.[16][17]

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

Jared Diamond em San Francisco, 2007

Artigos[editar | editar código-fonte]

  • Curse and Blessing of the Ghetto (março de 1991) Discover, pp.60-66
  • Japanese Roots (junho de 1998) Discover
  • The Worst Mistake in the History of the Human Race (maio de 1987) Discover pp. 64-66
  • Ethnic differences. Variation in human testis size. (abril de 1986) Nature 320(6062):488-489 PubMed.

Referências

  1. a b «Concentrating activity of the gall-bladder». Universidade de Cambridge. Consultado em 10 de março de 2022 
  2. a b c Diamond, Jared (2005). Collapse: How Societies Choose to Fail or Survive. Nova Iorque: Penguin Books. ISBN 978-0-241-95868-1 
  3. «Jim Al-Khalili talks to Jared Diamond about his journey from the gall bladder to global history via a passion for the birds of Papua New Guinea». BBC. Consultado em 10 de março de 2022 
  4. «Prospect/FP Top 100 Public Intellectuals Results». Foreign Policy. 15 de outubro de 2005. Consultado em 10 de março de 2022 
  5. «The President's National Medal of Science: Recipient Details». Fundação Nacional da Ciência. Consultado em 10 de março de 2022 
  6. a b Robin McKie, ed. (5 de janeiro de 2013). «Jared Diamond: what we can learn from tribal life». The Observer. Consultado em 10 de março de 2022 
  7. Wikimedia Foundation, ed. (3 de março de 2013). «Jared Diamond in conversation with Michael Berkeley». Private Passions - BBC. Consultado em 10 de março de 2022 
  8. Agassiz, Alexander; Diamond, Jared (1994). The Birds of Northern Melanesia: Speciation, Ecology, & Biogeography. Oxford: Oxford University Press. p. 548. ISBN 978-0195141702 
  9. Diamond, J.; Bishop, K. D.; Gilardi, J. D. (5 de agosto de 2004). «Geophagy in New Guinea birds» (PDF). Ibis. 141 (2): 181. ISSN 0952-8369. doi:10.1111/j.1474-919X.1999.tb07540.x. Consultado em 10 de março de 2022 
  10. «Understanding History With 'Guns, Germs, And Steel'». NPR. 8 de setembro de 2011. Consultado em 10 de março de 2022 
  11. «Geografia politica». LUISS Guido Carli. Consultado em 10 de março de 2022 
  12. «Rapa Nui déjà vu». The Economist. 8 de outubro de 2009. Consultado em 10 de março de 2022 
  13. «Radio interview with Jim Al-Khalili». BBC Radio 4. Consultado em 10 de março de 2022 
  14. «Science book prize». Nature. Consultado em 10 de março de 2022 
  15. «Jared Diamond». Prêmio Pulitzer. Consultado em 10 de março de 2022 
  16. Stefan Lovgren (ed.). «'Guns, Germs and Steel': Jared Diamond on Geography as Power». National Geographic News. Consultado em 10 de março de 2022 
  17. «Guns, Germs & Steel: The Show». PBS. Consultado em 10 de março de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Jared Diamond
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Jared Diamond