Martin Schwarzschild

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Martin Schwarzschild
Nascimento 31 de maio de 1912
Potsdam
Morte 10 de abril de 1997 (84 anos)
Langhorne
Nacionalidade Alemanha Alemão, Estados Unidos estadunidense
Prêmios Medalha Bruce (1965), Medalha Rittenhouse (1966), Gibbs Lecture (1966), Medalha de Ouro da RAS (1969), Medalha Nacional de Ciências (1997)
Instituições Universidade de Princeton
Campo(s) Astrofísica

Martin Schwarzschild (Potsdam, 31 de maio de 1912Langhorne, 10 de abril de 1997) foi um astrônomo alemão.

Filho do astrofísico Karl Schwarzschild e sobrinho do astrofísico suiço Robert Emden.

Seu trabalho conduziu a grande compreensão nos campos da estrutura estelar e evolução estelar. Também dirigiu o projetos Stratoscope, que usaram instrumentos montados em balões para estudar fenômenos astronômicos.

Schwarzschild foi professor emérito de astronomia da cadeira Eugene Higgins na Universidade de Princeton, onde passou a maior parte de sua vida profissional.[1]

Foi eleito membro da Royal Society em 1996.

Homenagens[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Epônimos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. DAVID M. HERSZENHORN (1997). «Martin Schwarzschild, 84, Innovative Astronomer». The New York Times. Consultado em 5 de outubro de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Fred Hoyle e Walter Munk
Medalha de Ouro da Royal Astronomical Society
1969
com Albert Thomas Price
Sucedido por
Horace Welcome Babcock