Helena de Montenegro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Helena
Rainha Consorte da Itália
Reinado 29 de julho de 1900
a 9 de maio de 1946
Predecessora Margarida de Saboia
Sucessora Maria José da Bélgica
Imperatriz Consorte da Etiópia
Reinado 9 de maio de 1936
a 27 de novembro de 1943
Predecessora Menen Asfaw
Sucessora Menen Asfaw
Rainha Consorte da Albânia
Reinado 9 de abril de 1939
a 27 de novembro de 1943
Predecessora Geraldina Apponyi de Nagyappony
Sucessora Monarquia abolida
 
Marido Vítor Emanuel III da Itália
Descendência Iolanda de Saboia
Mafalda de Saboia
Humberto II da Itália
Joana de Saboia
Maria Francisca de Saboia
Casa Petrović-Njegoš (por nascimento)
Saboia (por casamento)
Nascimento 8 de janeiro de 1873
  Cetinje, Montenegro
Morte 28 de novembro de 1952 (79 anos)
  Montpellier, França
Enterro Santuário de Vicoforte, Vicoforte, Itália
5 de outubro de 2017
Pai Nicolau I de Montenegro
Mãe Milena Vukotić
Religião Catolicismo
(anteriormente Ortodoxa Sérvia)
Assinatura Assinatura de Helena

Helena de Montenegro (Cetinje, 8 de janeiro de 1873Montpellier, 28 de novembro de 1952) foi uma das filhas do rei Nicolau I de Montenegro e da sua esposa Milena Vukotić. Pelo seu casamento com Vítor Emanuel III, era também rainha consorte de Itália.

Como resultado do casamento de Helena com o rei Vítor Emanuel III da Itália no dia 24 de Outubro de 1896, para o qual se converteu ao catolicismo, tornou-se rainha da Itália quando o seu marido subiu ao trono em 1900.

Devido à conquista da Etiópia em 1936 e da Albânia em 1939 pelo governo fascista, Helena usou o título de imperatriz da Etiópia e rainha da Albânia por um breve período de tempo. Ambos os títulos deixaram de ser usados quando o seu marido renunciou deles em 1943.

Helena influenciou o marido a convencer Benito Mussolini, primeiro-ministro da Itália, a criar um Reino de Montenegro independente em 1941. Em 1943 também conseguiu obter a libertação do seu sobrinho, o príncipe Miguel de Montenegro e da sua esposa Geneviève de uma prisão alemã. Miguel tinha sido preso depois de se ter recusado a tornar rei de Montenegro sob a protecção da Itália.

Após a Segunda Guerra Mundial, Vítor Emanuel III abdicou em favor de seu filho Umberto, e o ex-rei assumiu o título de conde de Pollenzo. Em 2 de junho de 1946, um referendo resultou em 52% dos eleitores favorecendo uma república sobre a monarquia. A república foi formalmente proclamada quatro dias depois, e o reinado da Casa de Saboia sobre a Itália terminou formalmente em 12 de junho de 1946. Helena e Vítor Emanuel exilaram-se no Egito, onde foram recebidos com grande honra pelo rei Faruque. Vítor Emanuel morreu um ano depois de edema pulmonar em Alexandria. Helena ficou no Egito pouco tempo antes de se mudar para a França. Lá, em Montpellier, ela foi diagnosticada com uma forma grave de câncer e morreu durante uma cirurgia para tratá-lo.[1]

Em 15 de dezembro de 2017, 65 anos após a sua morte, seus restos mortais de foram repatriados de Montpellier para o Santuário de Vicoforte, perto de Turim. O corpo de Vítor Emanuel III foi transferido dois dias depois de Alexandria e enterrado ao lado dela.[2]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Helena de Montenegro

Referências

  1. Paolo Griseri. «Il fascismo, le leggi razziali, la fuga». La Repubblica. Consultado em 18 de dezembro de 2017 
  2. Nicole Winfield. «Remains of Exiled Italian King to be Returned after 70 years». ABC News. Consultado em 17 de dezembro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma Rainha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Helena de Montenegro
Casa de Petrović-Njegoš
8 de janeiro de 1873 – 28 de novembro de 1952
Precedida por
Margarida de Saboia
CoA Helena of Montenegro queen of Italy.svg
Rainha Consorte da Itália
29 de julho de 1900 – 9 de maio de 1946
Sucedida por
Maria José da Bélgica
Precedida por
Menen Asfaw
Imperatriz Consorte da Etiópia
9 de maio de 1936 – 27 de novembro de 1943
Sucedida por
Menen Asfaw
Precedida por
Geraldina Apponyi de Nagyappony
Rainha Consorte da Albânia
9 de abril de 1939 – 27 de novembro de 1943
Sucedida por
Monarquia abolida