Leandro Costa Miranda Moraes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leandrão
Informações pessoais
Nome completo Leandro Costa Miranda Moraes
Data de nasc. 18 de julho de 1983 (32 anos)
Local de nasc. Uberlândia (MG),  Brasil
Altura 1,89 m
Destro
Apelido Leandrão, Artilheiro das Decisões
Informações profissionais
Clube atual Brasil Vasco da Gama
Número 9
Posição Atacante
Clubes de juventude
20002001 Brasil Internacional
Clubes profissionais12
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20012002
2003
2004
2005
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2010
20102011
2012
2012
2013
2014
2015
2015
2015
Brasil Internacional
Brasil Botafogo
Japão Vissel Kobe
Brasil Internacional
Coreia do Sul Daejeon Citizen
Coreia do Sul Ulsan Hyundai
Coreia do Sul Chunnam Dragons
Brasil Internacional
Brasil Vitória (emp.)
Brasil Porto Alegre (emp.)
Brasil Sport (emp.)
Brasil ABC
Brasil Ponte Preta
Brasil São Caetano
Israel Hapoel Tel Aviv
Brasil Remo
Brasil Novo Hamburgo
Brasil Brasil de Pelotas
Brasil Vasco da Gama
0010 0000(1)

0011 0000(2)

0019 0000(7)
0022 0000(4)
0012 0000(0)

0009 0000(2)
0003 0000(0)
0002 0000(0)
0035 000(24)
0013 0000(3)
0031 0000(7)
0003 0000(0)
0015 0000(3)
0015 0000(5)
0009 0000(9)
0000 0000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 24 de junho de 2015.
2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 24 de junho de 2015.

Leandro Costa Miranda Moraes mais conhecido como Leandrão (Uberlândia, 18 de julho de 1983), é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente, joga pelo Vasco da Gama.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Leandrão começou sua carreira pelas categorias de base do Internacional aonde teve poucas chances e tendo conseguido marcar apenas um gol, logo depois o atacante teve uma curta e importante passagem pelo Botafogo, sendo artilheiro da equipe na série B de 2003 e conquistando a vaga de titular ao longo da competição, foi peça decisiva para conduzir o acesso do alvinegro de volta à elite do futebol brasileiro, e depois teve uma longa passagem pelo futebol asiático atuando em times do Japão e da Coreia do Sul e durante isso ainda teve um curto retorno ao Colorado logo depois teve passagens pelo Daejeon Citizen, Ulsan Hyundai e Chunnam Dragons até voltar em 2008 ao Internacional sendo sua terceira passagem pelo clube o qual o revelou.

Acabou sendo emprestado no ano seguinte para o Vitória.[1] Em 2010 foi emprestado ao Porto Alegre e ao Sport.[2]

No mesmo ano foi contratado pelo ABC para a fase de mata-mata da Série C.[3] Realizou sua estreia diante do Águia de Marabá em uma vitória por 1 a 0. No jogo de volta realizado no Frasqueirão contra o time do Pará, Leandrão marcou seu primeiro gol pelo time alvinegro após um belo lançamento de Sueliton, a partida terminou 3 a 1 para o time de Natal. Diante do Salgueiro marcou os dois gols da vitória por 2 a 0. Com boas atuações lhe rendeu o apelido Artilheiro das Decisões e fez com que o titular da posição Éderson acabasse indo para o banco. No fim, foi um dos destaques do ABC na campanha que levou ao primeiro título nacional do Mais Querido conquistado em cima do Boa, na época Ituiutaba.

Na temporada seguinte permaneceu no ABC para a disputa do Campeonato Potiguar, Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil. Após uma eliminação polêmica na Copa do Brasil para o Vasco da Gama devido um pênalti duvidoso, Leandrão postou em uma rede social a seguinte frase.

Cquote1.svg Passei a noite pensando no jogo e cheguei a uma conclusão: qual turista vem ao Rio e não é roubado? Chegando ao aeroporto! Time chateado, não porque perdemos, mas sim pela maneira como perdemos. Cquote2.svg
Escreveu o jogador.

Após isso, o atacante acabou sendo suspenso por quatro jogos pelo STJD, devido o ocorrido Leandrão pediu desculpar a torcida do ABC.[4] Ao fim da temporada, Leandrão terminou como artilheiro do ABC na Série B com 11 gols.

Com uma boa temporada realizada no Mais Querido o atacante chamou a atenção de diversos clubes e acabou acertando com a Ponte Preta.[5] Realizou sua estreia pela Macaca diante do São Caetano em uma derrota por 1 a 0 em partida válida pelo Campeonato Paulista. Na partida seguinte contra o Bragantino marcou dois gols numa vitória por 3 a 1.[6] Não conseguindo apresentar o futebol que apresentou no ABC acabou ficando fora dos planos da Ponte Preta e acabou acertando com o São Caetano.[7] [8] Estreou pelo Azulão diante do Bragantino em uma vitória por 2 a 0 em partida válida pelo Campeonato Brasileiro. Seu primeiro gol pelo time paulista foi marcado diante do rival do seu ex-clube, o América de Natal, o Azulão acabou vencendo a partida por 3 a 2.

No ano seguinte acertou com o Rio Branco-SP. Logo depois acertou sua transferência para o futebol de Israel onde atuou pelo Hapoel Tel Aviv aonde viveu um drama devido o lançamento de um foguete na cidade e acabou tendo que se refugiar em um hotel com uma sala blindada.[9] Após o drama que sofreu, acertou seu retorno ao futebol brasileiro para atuar pelo Remo aonde se consagrou campeão do Paraense de 2014. Em 2015 foi contratado pelo Novo Hamburgo para a disputa do Campeonato Gaúcho. Depois foi contratado pelo Brasil de Pelotas para a disputa da Série C.[10]

No Brasil de Pelotas marcou 9 gols em 17 jogos na Série C levando a imprensa gaúcha a considerá-lo o melhor centroavante do estado, acima dos que atuavam na dupla grenal na mesma época. [11] Artilheiro da Série C, Leandrão rejeitou uma proposta para defender o Ceará na Série B em agosto de 2015. [12]

No dia 31 de Agosto de 2015, fechou com o Vasco da Gama.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Internacional
ABC
Remo

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências