Campeonato Carioca de Futebol de 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com um evento atual.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 19 de fevereiro de 2018.)
Sports current event.svg
Campeonato Carioca de Futebol de 2018
Carioca 2018
Dados
Participantes 16
Organização FERJ
Período 20 de dezembro de 20178 de abril de 2018[1]
Gol(o)s 146
Partidas 57
Média 2,56 gol(o)s por partida
◄◄ Rio de Janeiro 2017 Soccerball.svg 2019 Rio de Janeiro ►►

O Campeonato Carioca de Futebol de 2018 é a 117ª edição da principal divisão do futebol no Rio de Janeiro. A disputa é organizada pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ). Devido à paralisação dos torneios nacionais durante a Copa do Mundo FIFA de 2018 entre junho e julho, a fase preliminar teve início no dia 20 de dezembro de 2017.[1]

Forma de disputa[editar | editar código-fonte]

Em 1 de novembro de 2016, os clubes participantes votaram e aprovaram alterações no regulamento em relação à edição de 2016, sob chancela do Conselho Nacional do Esporte (CNE), uma vez que o Estatuto do Torcedor exigia que só houvesse mudanças em um prazo mínimo de dois anos.[2]

No novo formato, a primeira fase será disputada por seis clubes (grupo A): os quatro times de pior campanha no ano anterior (exceto os rebaixados) mais os dois promovidos da Série B1 de 2017. Os dois mais bem colocados avançaram para a fase principal e as outras quatro agremiações disputaram o quadrangular do rebaixamento (grupo X). Os dois piores do quadrangular caíram para a Série B1 do mesmo ano.[2]

Já a fase principal foi dividida em dois grupos de seis equipes cada (grupos B e C), havendo dois turnos (Taça Guanabara e Taça Rio) com semifinais e finais em jogos únicos. Os campeões de cada turno passam a garantir vaga nas semifinais da competição. Os outros dois semifinalistas serão as equipes melhores colocadas na classificação geral fora as campeãs dos turnos e desconsiderando os pontos obtidos nas semifinais e finais dos turnos. Caso um time vença tanto a Taça Guanabara quanto a Taça Rio, os três mais bem classificados completam a disputa por vagas na grande decisão.[2]

Nas semifinais dos turnos, os times com melhores campanhas nos grupos têm a vantagem do empate. Na semifinal do campeonato, quem avança com igualdade no placar são as equipes com o melhor somatório de pontos em toda a competição[3]. Em nenhuma final haverá a vantagem do empate. A semifinal geral será realizada em jogo único, enquanto a final terá ida e volta. Os quatro primeiros colocados se classificam à Copa do Brasil de 2019.[2][4]

Participantes[editar | editar código-fonte]

Localização das equipes do Carioca 2017.
Grupos: Red pog.svg A / Green pog.svg B / Orange pog.svg C
Equipe Cidade Em 2017 Estádio Capacidade[5] Títulos
America Rio de Janeiro 2º (Série B1) Giulite Coutinho 13 544 7 (último em 1960)
Bangu Rio de Janeiro 10º Moça Bonita 9 024 2 (último em 1966)
Boavista Saquarema Eucy Resende 2 058 0 (não possui)
Bonsucesso Rio de Janeiro 14º Leônidas da Silva 2 360 0 (não possui)
Botafogo Rio de Janeiro Nilton Santos 45 000 20 (último em 2013)
Cabofriense Cabo Frio 13 Correão 2 611 0 (não possui)
Goytacaz Campos dos Goytacazes Campos dos Goytacazes 1º (Série B1) Ary de Oliveira 5 600 0 (não possui)
Flamengo Rio de Janeiro Luso Brasileiro 20 255 34 (último em 2017)
Fluminense Rio de Janeiro Maracanã 78 838 31 (último em 2012)
Macaé Macaé 12º Moacyrzão 15 000 0 (não possui)
Madureira Rio de Janeiro Conselheiro Galvão 2 136 0 (não possui)
Nova Iguaçu Nova Iguaçu Laranjão 1 810 0 (não possui)
Portuguesa-RJ Rio de Janeiro Luso Brasileiro 20 255 0 (não possui)
Resende Resende 11º Trabalhador 4 600 0 (não possui)
Vasco da Gama Rio de Janeiro São Januário 24 584 24 (último em 2016)
Volta Redonda Volta Redonda Raulino de Oliveira 20 255 0 (não possui)

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Resultados da primeira fase
Grupo A
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Cabofriense 10 5 3 1 1 8 3 +5 Classificados para a fase principal
2 Macaé 10 5 3 1 1 8 5 +3
3 Goytacaz 10 5 3 1 1 9 7 +2 Disputam o quadrangular do rebaixamento
4 Bonsucesso 6 5 2 0 3 6 8 –2
5 America 4 5 1 1 3 8 10 –2
6 Resende 3 5 1 0 4 6 12 –6

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Fase principal[editar | editar código-fonte]

Taça Guanabara[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Taça Guanabara de 2018
Grupo B
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Flamengo 13 5 4 1 0 5 0 +5 Classificados para a semifinal da Taça GB
2 Bangu 8 5 2 2 1 6 3 +3
3 Vasco da Gama 7 5 2 1 2 8 7 +1
4 Nova Iguaçu 5 5 1 2 2 5 6 –1
5 Cabofriense 4 5 1 1 3 5 8 –3
6 Volta Redonda 4 5 1 1 3 6 11 –5
Grupo C
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Boavista 9 5 3 0 2 5 3 +2 Classificados para a semifinal da Taça GB
2 Botafogo 9 5 2 3 0 5 3 +2
3 Fluminense 8 5 2 2 1 4 4 0
4 Portuguesa-RJ 6 5 1 3 1 4 4 0
5 Macaé 4 5 1 1 3 5 7 –2
6 Madureira 3 5 0 3 2 3 5 –2

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Fase final[editar | editar código-fonte]

Em itálico, as equipes que jogarão pelo empate por ter melhor campanha e em negrito os times vencedores das partidas. Na final não haverá vantagem de empate para nenhuma equipe.

Semifinais Final
 Boavista 2  
 Bangu 2  
 
     Boavista 0
   Flamengo 2
 Flamengo 3
 Botafogo 1  

Premiação[editar | editar código-fonte]

Taça Guanabara de 2018
Rio de Janeiro
FLAMENGO
Campeão
(21º título)

Taça Rio[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Taça Rio de 2018
Grupo B
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Bangu 0 0 0 0 0 0 0 0 Classificados para a semifinal da Taça Rio
2 Flamengo 0 0 0 0 0 0 0 0
3 Nova Iguaçu 0 0 0 0 0 0 0 0
4 Vasco da Gama 0 0 0 0 0 0 0 0
5 Volta Redonda 0 0 0 0 0 0 0 0
6 Cabofriense 0 0 0 0 0 0 0 0
Grupo C
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Boavista 0 0 0 0 0 0 0 0 Classificados para a semifinal da Taça Rio
2 Botafogo 0 0 0 0 0 0 0 0
3 Fluminense 0 0 0 0 0 0 0 0
4 Madureira 0 0 0 0 0 0 0 0
5 Portuguesa-RJ 0 0 0 0 0 0 0 0
6 Macaé 0 0 0 0 0 0 0 0

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Fase final[editar | editar código-fonte]

Em itálico, as equipes que jogarão pelo empate por ter melhor campanha e em negrito os times vencedores das partidas. Na final não haverá vantagem de empate para nenhuma equipe.

Semifinais Final
   
   
 
       
      
 
   

Premiação[editar | editar código-fonte]

Taça Rio de 2018
Rio de Janeiro
Campeão

Fase final[editar | editar código-fonte]

Em itálico, as equipes que jogarão pelo empate por ter melhor campanha e em negrito os times vencedores das partidas. Na final não haverá a vantagem de empate para nenhuma equipe.

  Semifinais Final
                 
 1° Geral  
 4° Geral  
   
   
 2° Geral
 3° Geral

Semifinais[editar | editar código-fonte]

1° Geral 4° Geral


2° Geral 3° Geral

Final[editar | editar código-fonte]

Ida
Vencedor 1 Vencedor 2

Volta
Vencedor 2 Vencedor 1

Premiação[editar | editar código-fonte]

Campeonato Carioca de 2018
Rio de Janeiro
A definir
Campeão
(?º título)

Quadrangular do rebaixamento[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Resultados do Grupo X
Grupo X
Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Resende 8 5 2 2 1 7 6 +1
2 America 6 5 2 0 3 10 9 +1
3 Goytacaz 6 5 1 3 1 8 9 –1 Rebaixados para a Série B de 2018
4 Bonsucesso 6 5 1 3 1 7 8 –1

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Classificação geral[editar | editar código-fonte]

Pos
Equipe
PG J V E D GP GS SG Classificação
1 Flamengo 13 5 4 1 0 5 0 +5 Classificados para a final do Campeonato
2 Boavista 9 5 3 0 2 5 3 +2
3 Botafogo 9 5 2 3 0 5 3 +2
4 Bangu 8 5 2 2 1 6 3 +3
5 Fluminense 8 5 2 2 1 4 4 0
6 Vasco da Gama 7 5 2 1 2 8 7 +1
7 Portuguesa-RJ 6 5 1 3 1 4 4 0
8 Nova Iguaçu 5 5 1 2 2 5 6 –1
9 Macaé 4 5 1 1 3 5 7 –2
10 Cabofriense 4 5 1 1 3 5 8 –3
11 Volta Redonda 4 5 1 1 3 6 11 –5
12 Madureira 3 5 0 3 2 3 5 –2

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Current event template.svg Atualizada dia 17 de fevereiro de 2018 às 19h05.

Gols[6] Jogador Time
5 Brasil Jackson Bonsucesso
Brasil Pipico Macaé
4 Brasil Anderson Lessa Bangu
Brasil Assis America
Brasil João Carlos Cabofriense
Brasil Luquinha Goytacaz

Hat-tricks[editar | editar código-fonte]

Jogador Clube Adversário Placar Data Ref.
Brasil Abner Cabofriense Resende 3–0 20 de dezembro [7]
Brasil Dija Baiano Volta Redonda Cabofriense 3–2 29 de janeiro [8]

Mudança de técnicos[editar | editar código-fonte]

Clube Antecessor Motivo Data Última partida Etapa Rod. Pos. Sucessor Ref.
Resende Brasil Carlos Leiria Demitido 21 de dezembro Cabofriense 3–0 Resende 1ª fase Brasil Marcelo Cabo [9][10]
America Brasil Lucho Nizzo Demitido 6 de janeiro America 1–2 Goytacaz 1ª fase Brasil Duílio [11]
Madureira Brasil PC Gusmão Resignado 29 de janeiro Madureira 1–2 Fluminense Taça GB (Gr. C) Brasil Djair [12][13]
Botafogo Brasil Felipe Conceição Demitido 10 de fevereiro Flamengo 3–1 Botafogo Taça GB Semifinal Brasil Alberto Valentim [14][15]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

Referências

  1. a b «Arbitral define e Carioca vai começar às vésperas do Natal». Censanet.com. 4 de setembro de 2017. Consultado em 9 de outubro de 2017 
  2. a b c d «Arbitral define fórmula e tabela do Carioca 2017». FERJ. 1 de novembro de 2016. Consultado em 3 de novembro de 2016 
  3. «Arbitral define fórmula e tabela do Carioca 2017». FERJ. 1 de novembro de 2016. Consultado em 23 de março de 2017 
  4. «Carioca define preliminar, e campeões de turnos não se garantirão na final». Globoesporte.com. 1 de novembro de 2016. Consultado em 2 de novembro de 2016 
  5. «Cadastro Nacional de Estádios de Futebol (CNEF) 2016» (PDF). Confederação Brasileira de Futebol (CBF). 18 de janeiro de 2016. Consultado em 16 de abril de 2016 
  6. «Centro Estatístico da FERJ - Artilharia». FERJ. Consultado em 17 de fevereiro de 2018 
  7. «Abner faz três e Cabofriense atropela o Resende na abertura da seletiva do Cariocão». GloboEsporte.com. 20 de dezembro de 2017. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  8. «Dija Baiano marca três vezes e garante vitória do Volta Redonda em cima da Cabofriense». GloboEsporte.com. 29 de janeiro de 2018. Consultado em 30 de janeiro de 2018 
  9. «Resende demite Carlos Leiria após estreia ruim no Campeonato Carioca». GloboEsporte.com. 21 de dezembro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  10. «Marcelo Cabo assume o Resende para a sequência na seletiva do Carioca». GloboEsporte.com. 22 de dezembro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  11. «Após terceira derrota na Seletiva, Lucho Nizzo deixa o America; Duílio Assume». GloboEsporte.com. 6 de janeiro de 2018. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  12. «Após derrota para o Flu, técnico PC Gusmão deixa o comando do Madureira». GloboEsporte.com. 29 de janeiro de 2018. Consultado em 30 de janeiro de 2018 
  13. «Djair é o novo técnico do Madureira». FERJ. 2 de fevereiro de 2018. Consultado em 3 de fevereiro de 2018 
  14. «Técnico Felipe Conceição é demitido do Botafogo». Extra. 10 de fevereiro de 2018. Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  15. «Após decisão interna, Botafogo age rápido e anuncia Alberto Valentim». UOL Esporte. 13 de fevereiro de 2018. Consultado em 14 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]