Wagner Ferreira dos Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wagner
Wagner
Wagner no Fluminense
Informações pessoais
Nome completo Wagner Ferreira dos Santos
Data de nasc. 29 de janeiro de 1985 (32 anos)
Local de nasc. Sete Lagoas (MG), Brasil
Altura 1,75 m[1]
Canhoto [2]
Informações profissionais
Período em atividade 2002–presente (15 anos)
Clube atual Vasco da Gama
Posição Meia
Clubes de juventude
1998–2001 América Mineiro
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2002–2004
2004–2009
2007
2009–2010
2011
2012–2015
2015–2016
2017–
América Mineiro
Cruzeiro
Al-Ittihad (emp.)
Lokomotiv Moscou
Gaziantepspor
Fluminense
Tianjin Teda
Vasco da Gama
0124 000(16)
0217 000(36)
0025 0000(9)
0022 0000(3)
0035 0000(3)
0175 000(24)
0020 0000(2)
0025 0000(3)
Seleção nacional
2005
2006
Brasil Sub-20
Brasil
0002 0000(0)
0000 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 11 de outubro de 2017.

Wagner Ferreira dos Santos (Sete Lagoas, 29 de janeiro de 1985) é um futebolista brasileiro. Atualmente joga pelo Vasco da Gama.

Carreira[editar | editar código-fonte]

América Mineiro[editar | editar código-fonte]

Wagner foi revelado pelo América Mineiro. Wagner foi umas das grandes revelações do clube na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2003, ainda com 17 anos, juntamente com Fred

Pelo Coelho atuou em 124 jogos marcando 16 gols.

Seu destaque precoce lhe rendeu sondagens de grandes clubes do Brasil. Acabou sendo vendido ao Cruzeiro em 2004, ainda com 19 anos.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Pelo clube mineiro, obteve grande destaque e acabou se tornando ídolo da torcida marcando gols importantes, suas atuações lhe renderam convocações de Dunga para a seleção brasileira.

O meia foi vendido pelo Cruzeiro ao Al-Ittihad em 2007, por cerca de R$ 15 milhões. Os sauditas, entretanto, só pagaram aproximadamente R$ 2,7 milhões, inclusive em atraso. A inadimplência resultou na volta de Wagner ao clube mineiro.

Ao todo pela Raposa, Wagner atuou em 217 partidas, marcando 36 gols.

Lokomotiv Moscou[editar | editar código-fonte]

Após a Copa Libertadores da América de 2009, em que o Cruzeiro terminou com o vice-campeonato, Wagner foi vendido ao Lokomotiv Moscou da Rússia por um valor de 6 milhões de euros (cerca de R$17 milhões).[3]

Devido a uma séria lesão, atuou pouco pelo clube russo, apenas 22 partidas, marcando 3 gols.

Gaziantepspor[editar | editar código-fonte]

No final de 2010, clubes brasileiros sonhavam em contratar Wagner, porém o jogador foi vendido para o Gaziantepspor da Turquia.[4]

Pelo clube turco, atuou em 35 jogos, marcando 3 gols

Fluminense[editar | editar código-fonte]

2012[editar | editar código-fonte]

A principio reserva devido a grande concorrência na posição, Wagner conseguiu uma vaga no time do Fluminense após as várias contusões de Deco.[5] No dia 7 de fevereiro, em partida válida pela Libertadores, Wagner cometeu uma falta aos 44 minutos do segundo tempo e acabou sendo expulso porque trocou socos com Nicolás Aguirre do Arsenal de Sarandi.[6]

Em 27 de maio, Wagner marcou seu primeiro gol pelo Fluminense, contra o Figueirense, com uma atuação elogiada por Abel. O jogo terminou com o placar de 2 a 2, compondo a segunda rodada do Campeonato Brasileiro.[7]

Em 30 de setembro, Wagner entrou nos últimos minutos do Fla-Flu e sofreu uma falta, causando a expulsão de Ramon do Flamengo. A partida terminou com a vitória da equipe tricolor pelo placar de 1 a 0, com um gol de Fred aos 17 minutos do primeiro tempo.[8]

No dia 25 de outubro, Wagner sofreu grave lesão logo no começo do jogo contra o Coritiba no Engenhão vencido pelo Fluminense por 2 a 1. A lesão o deixou de fora do restante da temporada que terminou com o título brasileiro da equipe tricolor.[9]

2013[editar | editar código-fonte]

Marcou dois gols contra o Nova Iguaçu em 20 de janeiro, no primeiro jogo do Fluminense no ano.[10] Fez mais um gol contra o Quissamã em 2 de fevereiro, na vitória do Fluminense por 3 a 0.[11]

Marcou um gol em 27 de fevereiro, contra o Huachipato do Chile pela Copa Libertadores, virando o placar para a equipe carioca que venceu por 2 a 1 na casa do adversário.[12]

Com boas atuações diante do Volta Redonda e do Resende, em partidas válidas pelo Campeonato Carioca, recebeu elogios do técnico Abel Braga, e uma semana depois marcou um gol na derrota por 2 a 1 contra o Emelec no dia 2 de maio, em partida válida pela Libertadores.[13]

2014[editar | editar código-fonte]

Após amargar o banco por um bom tempo sob o comando do técnico Renato Gaúcho, em 2014 com a chegada de Cristóvão Borges, recebeu mais atenção do novo treinador e se firmou no elenco com boas atuações no Campeonato Brasileiro diante do Santos e Atlético PR.

2015[editar | editar código-fonte]

No ano de 2015, Wagner oscilou entre bons e maus momentos.

Ao todo pela equipe tricolor, Wagner atuou em 175 jogos, marcando 24 gols.

Tianjin Teda[editar | editar código-fonte]

Em Julho de 2015 foi vendido ao Tianjin Teda após proposta "irrecusável", segundo o jogador.[14]

No clube chinês, sofreu seguidas lesões, atuando em apenas 20 jogos em um ano e meio, e marcando 2 gols.

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2017 rescindiu com o Tianjin Teda e no dia 17 do mesmo mês foi anunciado como reforço do Vasco da Gama.[15].

Marcou seu primeiro gol pelo Vasco no dia 1 de Março de 2017, em partida válida pela Copa do Brasil, contra o Vila Nova, no Serra Dourada. O gol de cabeça aos 39 minutos do 2º tempo, deu a vitória e a classificação ao Vasco.

No dia 2 de Julho de 2017, marcou novamente de cabeça nos minutos finais de uma partida, dessa vez aos 46 minutos do 2º tempo, contra o Coritiba na Vila Capanema, em partida válida pelo Brasileirão. O gol de Wagner garantiu o empate para o Vasco.

Marcou seu terceiro gol pelo Vasco contra o Avaí, na Ressacada, em partida válida pelo Brasileirão. Foi um belíssimo tento em um chute forte no ângulo de fora da área, que abriu o placar na partida, que terminou com vitória vascaína por 2x1.

Jogos pelo Vasco[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador pelo Vasco.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Recebeu convocações do treinador Dunga no ano de 2006, quando atuava pela equipe do Cruzeiro, porém não entrou em campo.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 14 de outubro de 2017.

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Campeonatos
Estaduais[c]
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Fluminense 2012 29 1 3 0 14 0 46 1
2013 33 4 10 2 16 3 59 9
2014 30 7 4 1 1 0 14 5 49 13
2015 8 0 0 0 0 0 13 1 21 1
Total 100 12 4 1 14 2 57 9 175 24
Tianjin Teda 2015 9 1 9 1
2016 11 1 11 1
Total 20 2 20 2
Vasco da Gama 2017 15 2 1 1 9 0 25 3
Total 15 2 1 1 9 0 25 3
Total na carreira 135 16 5 2 14 2 66 9 220 29
  • a. ^ Jogos da Copa do Brasil
  • b. ^ Jogos de Torneios Internacionais
  • c. ^ Jogos do Campeonato Estadual


Títulos[editar | editar código-fonte]

Cruzeiro
Fluminense
Vasco da Gama

Outro títulos[editar | editar código-fonte]

Fluminense

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «PLACAR - Motor pelo meio». Consultado em 9 de dezembro de 2012 
  2. http://www.ogol.com.br/player.php?id=30744
  3. «Transferência Wagner». Consultado em 7 de Agosto de 2009 
  4. Globo Esporte (28 de dezembro de 2010). «Volta ao Brasil adiada: ex-cruzeirense Wagner é vendido ao futebol turco». Consultado em 28 de dezembro de 2010 
  5. «Placar - Notícias, blogs e análises sobre futebol e o mundo do esporte». Consultado em 6 de dezembro de 2012 
  6. «Fluminense 1 x 0 Arsenal de Sarandí - GLOBOESPORTE». Consultado em 7 de fevereiro de 2012 
  7. «Desfalcado, Flu apenas empata com Figueirense no Engenhão». Consultado em 27 de maio de 2012 
  8. «Flamengo 0 x 1 Fluminense - CAMPEONATO BRASILEIRO 2012». Consultado em 2 de outubro de 2012 
  9. «Wagner sofre pancada contra o Coritiba». Consultado em 11 de outubro de 2012 
  10. «Time de Guerreiros está confirmado para a estreia no Estadual». Consultado em 20 de janeiro de 2013 
  11. «Quissamã x Fluminense - TEMPO REAL». Consultado em 2 de fevereiro de 2013 
  12. «Atuações: entre o céu e o inferno, Nem leva a melhor nota. Deco vai mal». Consultado em 26 de fevereiro de 2013 
  13. «Com gol contra e pênalti polêmico, Flu perde para Emelec no Equador». Consultado em 2 de maio de 2013 
  14. «Wagner aceita proposta do Tianjin Teda, da China, e não joga mais com a camisa do Fluminense». Extra Online 
  15. http://globoesporte.globo.com/futebol/times/vasco/noticia/2017/01/vasco-anuncia-contratacao-de-wagner.html  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Wagner Ferreira dos Santos