Clássico da Amizade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Clássico da Amizade
Botafogo versus Vasco
Torcidas de Botafogo e Vasco.
Botafogo 88 vitória(s), 423 gol(s)
Vasco da Gama 141 vitória(s), 492 gol(s)
Empates 96
Total de jogos 325
Total de gols 915
editar

Botafogo vs. Vasco, também chamado de Clássico da Amizade, visto que as torcidas das duas equipes não costumam provocar incidentes em clássicos, é um clássico de futebol da cidade do Rio de Janeiro, que envolvem o Botafogo de Futebol e Regatas o Club de Regatas Vasco da Gama.

Introdução[editar | editar código-fonte]

História[editar | editar código-fonte]

Foi a partir do convite feito pelo Botafogo a um combinado português para visitar o Rio de Janeiro em 1913, a fim de enfrentar um combinado carioca (duas vitórias do combinado carioca, por 3 a 1 e 1 a 0, e um empate por 0 a 0), tendo esse fato causado grande repercussão, que o Vasco da Gama resolveu aderir ao futebol.[2][3]

O primeiro confronto entre Vasco e Botafogo ocorreu em 22 de abril de 1923, no Campo da Rua General Severiano, válido pelo Campeonato Carioca daquele ano. A partida terminou 3 a 1 para o Vasco, com gols de Mingote, Paschoal e Cecy, com Nilo descontando para o Botafogo.[4]

A primeira vitória botafoguense sobre o Vasco ocorreu no décimo oitavo confronto entre os dois clubes, em 21 de outubro de 1928, por 3 a 1, em partida disputada no Estádio de Laranjeiras e válida pelo Campeonato Carioca.[5]

Com a inauguração do Estádio de São Januário a situação se inverteu, pois o Vasco só ganharia a primeira partida jogando em seu estádio na décima partida entre os dois clubes, em 14 de maio de 1936, com o primeiro confronto tendo ocorrido em 24 de julho de 1927 e terminado empatado em 1 a 1.[5]

No primeiro clássico disputado no Estádio do Maracanã, em 1950, vitória do Botafogo por 1 a 0 perante 28.323 pagantes, com a primeira vitória vascaína tendo ocorrido no Returno, por 2 a 0, na arrancada final que daria o título carioca ao Vasco, perante 80.233 torcedores, 72.762 deles, pagantes.[6]

Na final da Taça Guanabara de 1965, vitória contundente do Vasco por 2 a 0, perante mais de 115.000 pagantes.[7] Outra vitória vascaína por 2 a 0 aconteceu na Taça Guanabara, desta vez em 1977, quando foi registrado o maior público pagante deste clássico: 131.741.[8]

Se a final do Campeonato Carioca de 1968 ficou notabilizada pela grande atuação coletiva do time do Botafogo,[9] a vitória do Vasco por 2 a 1 em 9 de maio de 1976 ficou notabilizada pelo gol de placa de Roberto Dinamite, aquele que o atacante cruzmaltino considera o mais bonito de sua carreira.[10]

Apesar da amizade entre as torcidas, pelo menos duas finais de Campeonato Carioca entre Botafogo e Vasco foram muito tumultuadas: a de 1948, na qual os vascaínos acusaram os botafoguenses de pintar o vestiário vascaíno com cal virgem, deixar os sanitários sujos e cheios, cortar a água e jogar pó de mico em seus jogadores, além da final de 1990, quando o dirigente vascaíno Eurico Miranda criou uma interpretação particular do regulamento, na qual em caso de derrota do Vasco no tempo normal haveria a necessidade de prorrogação, impedindo o Botafogo de comemorar no Estádio do Maracanã, com o título só sendo confirmado posteriormente.[11]

Já na final do Carioca de 1997 Edmundo irritou os botafoguenses ao rebolar na vitória vascaína por 1 a 0 no primeiro jogo da final. Em resposta, Dimba, autor do gol da vitória e do título botafoguense também comemorou rebolando no segundo jogo.[12][13]

O jogo realizado em São Januário em 8 de maio de 2005, válido pelo Campeonato Brasileiro e vencido pelo Bota por 1 a 0, que foi anulado pelo STJD, está computado. O STJD considerou suspeitas e anulou todas as partidas arbitradas por Edílson Pereira de Carvalho (SP) neste campeonato, pois este teria se vendido a uma máfia de apostadores.[14]

Ao vencer a primeira partida por 1 a 0 e a segunda por 2 a 1, o Vasco sagrou-se campeão carioca de 2015, a primeira vez em uma final estadual contra o Botafogo, tendo tido como destaque nas finais o atacante Rafael Silva.[15]

Em 2016 os dois clubes chegaram pela segunda vez consecutiva a final, com vitória do Vasco no primeiro jogo por 1 a 0, com o clube cruzmaltino levando vantagem do empate para a partida decisiva,[16] quando empatou por 1 a 1, sagrando-se campeão.[17]

No Campeonato Carioca de 2018, o Botafogo perdia o título até os 49' do Segundo Tempo, quando Joel Carli fez o gol da vitória por 1 a 0, levando a decisão para a disputa de pênaltis, pois o Vasco havia vencido a primeira partida, quando Gatito Fernández pegou dois pênaltis dando o título para o Botafogo.[18]

Estádios[editar | editar código-fonte]

O principal estádio é o Maracanã, onde se realizaram 205 jogos, com 91 vitórias do Vasco, 56 do Bota e 58 empates.[19][20]

O segundo mais utilizado é São Januário, com 46 confrontos, sendo 19 vitórias do Vasco, 12 do Botafogo e 15 empates.

No Estádio de General Severiano foram 29 partidas, com 13 vitórias do Vasco, 5 do Botafogo e 11 empates.

O Estádio de Laranjeiras recebeu 19 partidas, com 9 vitórias do Vasco, 4 do Botafogo e 6 empates.

O Estádio Olímpico Nilton Santos, palco do Século XXI, recebeu 18 partidas, com 7 vitórias do Bota, 7 do Vasco e 4 empates.

Cidades[editar | editar código-fonte]

O clássico entre Botafogo e Vasco já foi realizado em 7 cidades: Rio de Janeiro, Mesquita, Niterói, Volta Redonda, Aracaju (SE) , Brasília (DF) e Ipatinga (MG).[21]

Goleadas[editar | editar código-fonte]

No confronto ocorrido no dia 11 de junho de 1958, em General Severiano, válido pelo Torneio João Teixeira de Carvalho, ocorreu a maior goleada do Botafogo sobre o Vasco: 5 a 0.[14]

Em 29 de abril de 2001, no Maracanã, o Vasco fez 7 a 0, com três gols de Juninho Paulista, dois de Romário, um de Pedrinho e um de Euller, em partida válida pelo Campeonato Carioca, em sua maior goleada sobre o Botafogo.

No Campeonato Carioca de 2009, em 11 de abril, o Botafogo venceu o Vasco por 4 a 0; já na partida seguinte o Vasco venceu o Botafogo por 6 a 0 no Estádio do Engenhão, no dia 24 de janeiro de 2010.[22]

A partida com mais gols ocorreu em 27 de março de 1946, na vitória vascaína por 8 a 4.[23]

Maiores artilheiros[editar | editar código-fonte]

Maior Artilheiro do Botafogo: Quarentinha, 17 gols.[14]

Maior Artilheiro do Vasco: Roberto Dinamite, 25 gols.

Maiores séries invictas[editar | editar código-fonte]

Botafogo: 9 jogos; 1 vitória e 8 empates de 12/03/1989 até 15/02/1990.[24]

Vasco: 19 jogos; 9 vitórias e 10 empates de 25/07/1976 até 13/09/1981.

Campeonato Brasileiro[editar | editar código-fonte]

Pelo Campeonato Brasileiro Unificado, foram 47 jogos, com 20 vitórias do Vasco, 11 do Botafogo e 16 empates. O Vasco fez 61 gols e o Botafogo fez 54.[25]

Decisões[editar | editar código-fonte]

  • Campeonato Carioca de 1948: Botafogo campeão.
  • Taça Guanabara de 1965: Vasco campeão.
  • Campeonato Carioca de 1968: Botafogo campeão.
  • Torneio Erasmo Martins Pedro de 1973: Vasco campeão.
  • Campeonato Carioca de 1990: Botafogo campeão.
  • Taça Adolpho Bloch de 1990: Vasco campeão.
  • Taça Guanabara de 1997: Botafogo campeão.
  • Campeonato Carioca de 1997: Botafogo campeão.
  • Taça Guanabara de 2010: Botafogo campeão.
  • Taça Rio de 2012: Botafogo campeão.
  • Taça Guanabara de 2013: Botafogo campeão.[26]
  • Campeonato Carioca de 2015: Vasco campeão.
  • Campeonato Carioca de 2016: Vasco campeão.
  • Taça Rio de 2017: Vasco campeão.
  • Campeonato Carioca de 2018: Botafogo campeão.
Torneios Início
  • Torneio Início de 1932: Vasco campeão.
  • Torneio Início de 1945: Vasco campeão.
  • Torneio Início de 1977: Botafogo campeão.

Jogos importantes[editar | editar código-fonte]

  • Torneio Municipal de 1951:

O Botafogo foi campeão contra o Vasco na última rodada, mas o Vasco já estava fora da disputa havia várias rodadas.

  • Campeonato Carioca de 1958:

O Vasco conquistou o Carioca após a realização do Super-Supercampeonato, tendo feito dois jogos extras contra o Botafogo e contra o Flamengo, adversário contra o qual conquistou o título.

  • Torneio Rio-São Paulo de 1966 (semifinais):

Todos os clubes disputantes das semifinais foram declarados campeões pela CBD por falta de datas para a realização de um quadrangular extra, tendo sido a partida Botafogo 3 a 0 Vasco, em 27 de março de 1966 a última dos dois clubes.

  • Campeonato Carioca de 1970:

O Vasco foi campeão carioca contra o Botafogo, que já estava afastado da disputa do título, na penúltima rodada.

  • Campeonato Carioca de 1975:

Os dois clubes e o Fluminense, que acabaria campeão, compuseram a fase decisiva deste campeonato.

  • Campeonato Carioca de 1976:

Os dois clubes, o America e o Fluminense, que acabaria campeão, compuseram a fase decisiva deste campeonato.

  • Copa Rio-Brasília de 1996:

Essa competição amistosa disputada no Distrito Federal consistiu de um triangular envolvendo Vasco, Botafogo e o clube local Sobradinho. O jogo entre Vasco e Botafogo não foi uma decisão porque mesmo que o Vasco vencesse o Botafogo, teria ainda que jogar contra o Sobradinho.[26][27]

Outros grandes momentos[editar | editar código-fonte]

Além das oportunidades acima nas quais se confrontaram diretamente pelos títulos de campeões, os clubes foram campeões com o outro vice, nas seguintes ocasiões:[28]

Botafogo campeão, Vasco vice
  • Campeonato Carioca de 1930
  • Campeonato Carioca de 1935
  • Campeonato Carioca de 1961
Vasco campeão, Botafogo vice
  • Campeonato Carioca de 1945
  • Campeonato Carioca de 1947
  • Torneio Relâmpago de 1944[29]
  • Torneio Municipal de 1947[30]

Demais jogos eliminatórios[editar | editar código-fonte]

  • Taça Rio de 2007: Botafogo elimina o Vasco nas semifinais.
  • Taça Rio de 2009: Botafogo elimina o Vasco nas semifinais.
  • Taça Rio de 2018: Botafogo elimina o Vasco nas semifinais.

Maiores públicos[editar | editar código-fonte]

  • Aonde não consta informações sobre públicos pagante e presente, a referência é apenas aos pagantes.[31]
  1. Botafogo 0–2 Vasco, 149.005, 28 de abril de 1968, C.Carioca, Maracanã [124.435p.]. (*)
  2. Botafogo 4–0 Vasco, 141.689, 9 de junho de 1968, C.Carioca, Maracanã [120.178p.]. (*)
  3. Botafogo 0–2 Vasco, 131.741, 29 de maio de 1977, C.Carioca, Maracanã.
  4. Botafogo 1–0 Vasco, 115.523, 3 de janeiro de 1959, C.Carioca, Maracanã [106.386p.].
  5. Botafogo 0–2 Vasco, 115.064, 5 de setembro de 1965, T.Guanabara, Maracanã.
  6. Botafogo 1–0 Vasco, 107.529, 29 de agosto de 1959, C.Carioca, Maracanã [95.478p.].
  7. Botafogo 1–1 Vasco, 106.515, 31 de maio de 1970, T.Guanabara, Maracanã. (**)
  8. Botafogo 1–2 Vasco, 101.893, 23 de julho de 1972, C.Carioca, Maracanã. (*)
  9. Botafogo 0–2 Vasco, 100.000, 27 de agosto de 1960, C.Carioca, Maracanã [98.279p.].
  10. Botafogo 1–3 Vasco, 90.248, 19 de setembro de 1954, C.Carioca, Maracanã [78.376p.].
  11. Botafogo 1–2 Vasco, 89.222, 10 de janeiro de 1959, C.Carioca, Maracanã [80.833p.].
  12. Botafogo 1–2 Vasco, 88.895, 25 de novembro de 1984, C.Carioca, Maracanã.
  13. Botafogo 1–0 Vasco, 88.404, 30 de março de 1997, C.Carioca, Maracanã [81.893p.].
  14. Botafogo 2–3 Vasco, 87.701, 28 de setembro de 1958, C.Carioca, Maracanã [73.573p.].
  15. Botafogo 1–2 Vasco, 87.378, 12 de abril de 1992, C.Brasileiro, Maracanã.
  16. Botafogo 0–2 Vasco, 87.295, 7 de dezembro de 1958, C.Carioca, Maracanã [78.923p.].
  17. Botafogo 0–2 Vasco, 82.468, 4 de junho de 1969, C.Carioca, Maracanã. (*)
  18. Botafogo 2–0 Vasco, 81.902, 21 de fevereiro de 2010, C.Carioca, Maracanã [66.957p.].
  19. Botafogo 1–0 Vasco, 81.745, 4 de maio de 1969, C.Carioca, Maracanã.
  20. Botafogo 0–2 Vasco, 80.233, 14 de janeiro de 1951, C.Carioca, Maracanã [72.762p.].
  21. Botafogo 1–1 Vasco, 79.437, 4 de novembro de 1962, C.Carioca, Maracanã [69.461p.].
  22. Botafogo 4–1 Vasco, 77.337, 7 de novembro de 1982, C.Carioca, Maracanã.

(*) Rodadas duplas (**) Rodada tripla

Por décadas
  • 1951 - 1960: 8.
  • 1961 - 1970: 7.
  • 1971 - 1980: 2.
  • 1981 - 1990: 2.
  • 1991 - 2000: 2.
  • 2001 - 2010: 1.
Maior público no século XXI
Maior público na Arena Maracanã (pós 2013)

Maior público no Estádio do Engenhão

Maior público no Estádio de São Januário

Maior público no Estádio de General Severiano

Títulos[editar | editar código-fonte]

Sobre os títulos dos 4 grandes do futebol carioca, ver Os quatro grandes do Rio de Janeiro.

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Vitória do Botafogo Empate Vitória do Vasco Jogo decidiu título

Anos 2010[editar | editar código-fonte]

Data Torneio Estádio Casa Visitante Placar Gols (casa) Gols (visitante)
24 de janeiro de 2010 Carioca Engenhão Botafogo Vasco 0–6 Dodô Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3', Gol marcado aos 31 minutos de jogo 31', Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33', Léo Gago Gol marcado aos 55 minutos de jogo 55', Philippe Coutinho Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59', Gol marcado aos 79 minutos de jogo 79'
21 de fevereiro de 2010 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 0–2 Fábio Ferreira Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69', Loco Abreu Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85' (pen)
30 de maio de 2010 Série A Engenhão Botafogo Vasco 1–1 Herrera Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35' Ernani Gol marcado aos 26 minutos de jogo 26'
22 de setembro de 2010 Série A Engenhão Vasco Botafogo 2–2 Ramon Gol marcado aos 13 minutos de jogo 13', Éder Luís Gol marcado aos 36 minutos de jogo 36' Herrera Gol marcado aos 55 minutos de jogo 55', Loco Abreu Gol marcado aos 90+1 minutos de jogo 90+1'
20 de março de 2011 Carioca Engenhão Vasco Botafogo 2–0 Diego Souza Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59', Éder Luís Gol marcado aos 70 minutos de jogo 70'
7 de agosto de 2011 Série A Engenhão Botafogo Vasco 4–0 Antônio Carlos Gol marcado aos 9 minutos de jogo 9', Loco Abreu Gol marcado aos 27 minutos de jogo 27', Gol marcado aos 39 minutos de jogo 39', Herrera Gol marcado aos 90+1 minutos de jogo 90+1'
13 de novembro de 2011 Série A Engenhão Vasco Botafogo 2–0 Fellipe Bastos Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15', Dedé Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
18 de março de 2012 Carioca Engenhão Botafogo Vasco 3–1 Fellype Gabriel Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33', Gol marcado aos 37 minutos de jogo 37', Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71' Fellipe Bastos Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47'
29 de abril de 2012 Carioca Engenhão Botafogo Vasco 3–1 Loco Abreu Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3', Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45', Maicosuel Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54' Carlos Alberto Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
25 de julho de 2012 Série A Engenhão Vasco Botafogo 1–0 Alecsandro Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
18 de outubro de 2012 Série A Engenhão Botafogo Vasco 3–2 Elkeson Gol marcado aos 29 minutos de jogo 29', Bruno Mendes Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74', Gol marcado aos 90+2 minutos de jogo 90+2' Carlos Alberto Gol marcado aos 24 minutos de jogo 24', Gol marcado aos 37 minutos de jogo 37'
10 de março de 2013 Carioca Engenhão Vasco Botafogo 0–1 Lucas Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
3 de abril de 2013 Carioca Raulino de Oliveira Vasco Botafogo 0–3 Rafael Marques Gol marcado aos 53 minutos de jogo 53', Lodeiro Gol marcado aos 58 minutos de jogo 58', Fellype Gabriel Gol marcado aos 76 minutos de jogo 76'
4 de agosto de 2013 Série A Maracanã Vasco Botafogo 2–3 André Gol marcado aos 45+2 minutos de jogo 45+2', Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47' Rafael Marques Gol marcado aos 23 minutos de jogo 23', Gol marcado aos 48 minutos de jogo 48', Seedorf Gol marcado aos 30 minutos de jogo 30'
20 de outubro de 2013 Série A Maracanã Botafogo Vasco 2–2 Dankler Gol marcado aos 5 minutos de jogo 5', Lodeiro Gol marcado aos 6 minutos de jogo 6' Jomar Gol marcado aos 53 minutos de jogo 53', Pedro Ken Gol marcado aos 67 minutos de jogo 67'
2 de fevereiro de 2014 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 1–0 Thalles Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74'
29 de março de 2015 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 1–1 Gilberto Gol marcado aos 43 minutos de jogo 43' Roger Carvalho Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52'
26 de abril de 2015 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 1–0 Rafael Silva Gol marcado aos 90+1 minutos de jogo 90+1'
3 de maio de 2015 Carioca Maracanã Botafogo Vasco 1–2 Diego Jardel Gol marcado aos 74 minutos de jogo 74' Rafael Silva Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45', Gilberto Gol marcado aos 90+2 minutos de jogo 90+2'
28 de fevereiro de 2016 Carioca São Januário Vasco Botafogo 1–1 Riascos Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60' Emerson Gol marcado aos 87 minutos de jogo 87'
27 de março de 2016 Carioca São Januário Vasco Botafogo 1–0 Thalles Gol marcado aos 25 minutos de jogo 25'
1 de maio de 2016 Carioca Maracanã Botafogo Vasco 0–1 Jorge Henrique Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60'
8 de maio de 2016 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 1–1 Rafael Vaz Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56' Leandrinho Gol marcado aos 49 minutos de jogo 49'
19 de março de 2017 Carioca Nilton Santos Vasco Botafogo 0–0
16 de abril de 2017 Carioca Nilton Santos Vasco Botafogo 2–0 Douglas Gol marcado aos 86 minutos de jogo 86', Luís Fabiano Gol marcado aos 90+2 minutos de jogo 90+2'
21 de junho de 2017 Série A Nilton Santos Botafogo Vasco 3–1 Roger Gol marcado aos 4 minutos de jogo 4', Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60', Victor Luis Gol marcado aos 45+4 minutos de jogo 45+4' Caio Monteiro Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
14 de outubro de 2017 Série A Maracanã Vasco Botafogo 1–0 Nenê Gol marcado aos 69 minutos de jogo 69'
18 de março de 2018 Carioca Nilton Santos Botafogo Vasco 2–3 Rodrigo Lindoso Gol marcado aos 50 minutos de jogo 50' (pen), Brenner Gol marcado aos 68 minutos de jogo 68' Riascos Gol marcado aos 37 minutos de jogo 37', Andrés Ríos Gol marcado aos 45+1 minutos de jogo 45+1', Paulinho Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
21 de março de 2018 Carioca Nilton Santos Vasco Botafogo 2–3 Erazo Gol marcado aos 19 minutos de jogo 19', Riascos Gol marcado aos 30 minutos de jogo 30' Brenner Gol marcado aos 12 minutos de jogo 12', Luiz Fernando Gol marcado aos 33 minutos de jogo 33', Igor Rabello Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
1 de abril de 2018 Carioca Nilton Santos Botafogo Vasco 2–3 Renatinho Gol marcado aos 3 minutos de jogo 3', Brenner Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44' Yago Pikachu Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28', Gol marcado aos 30 minutos de jogo 30', Andrés Ríos Gol marcado aos 90+3 minutos de jogo 90+3'
8 de abril de 2018 Carioca Maracanã Vasco Botafogo 0–1 Carli Gol marcado aos 90+5 minutos de jogo 90+5'

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Clássicos do Futebol Brasileiro, por José Renato Sátiro Santiago Jr. e Marcelo Unt (2014).

Referências

  1. sportv.globo.com/ Estádio de Volta Redonda é aprovado por comentaristas após clássico entre Botafogo e Vasco
  2. JORNAL DOS SPORTS - O Vasco da Gama, poderoso clube náutico, adere ao football - Jornal dos Sports de 13 de dezembro de 1952, páginas 5 e 8 (edição eletrônica 07149), página disponível em 21 de março de 2018.
  3. MATTA, Fernando - RSSSF Brasil, página editada em 24 de agosto de 2017 e disponível em 21 de março de 2018.
  4. Revista Placar - Os grandes clássicos, de maio de 2005, página 40.
  5. a b Revista Placar - Os grandes clássicos, página 40, de maio de 2005
  6. RSSSF Brasil - Públicos do Vasco no Campeonato Carioca de 1950, página editada em 14 de junho de 2013 e disponível em 14 de abril de 2015
  7. PRAIS, Mauro - Site Sempre Vasco - O Dia Em Que Mané Virou João, página disponível em 27 de abril de 2015
  8. GRANDES JOGOS – BOTAFOGO X VASCO – 1977 – MAIS MEMÓRIA, página editada em 24 de abril de 2012 e disponível em 27 de abril de 2015
  9. MONTEIRO, Marcelo - Globo Esporte.com - Botafogo x Vasco, um clássico de números extremos, página editada em 27 de abril de 2012 e disponível em 16 de abril de 2015
  10. MONTEIRO, Marcelo - Globo Esporte.com - Botafogo x Vasco, um clássico de números extremos, página editada em 9 de maio de 2011 e disponível em 16 de abril de 2015
  11. José Renato S. Santiago Junior e Marcelo Cavichio Unti, livro Os clássicos do futebol brasileiro (1ª edição, 2014)
  12. Botafogo x Vasco: clássico das escritas começa a decidir estadual, JORNAL DO BRASIL, página editada em 26 de abril de 2015 e disponível em 27 de abril de 2015
  13. DE ESCUDEIRO, Leonardo - Site Trivela - Última decisão entre Botafogo e Vasco foi a perfeita expressão do futebol brasileiro nos anos 1990, página editada em 20 de abril de 2015 e disponível em 27 de abril de 2015
  14. a b c Ficha do Jogo - Botafogo versus Vasco
  15. SporTV.com - Herói vascaíno, atacante Rafael Silva está na enquete de "pintura" das finais, página editada e disponível em 4 de maio de 2015
  16. GENTILE, Bernardo e BRAZ, Bruno - UOL ESPORTE - página editada em 1 de maio de 2016 e disponível em 3 de maio de 2016
  17. GLOBOESPORTE, Equipe do site - Vasco-Botafogo, página editada e disponível em 8 de maio de 2016
  18. GLOBOESPORTE, Equipe do site - Botafogo é campeão carioca de 2018, página editada e disponível em 8 de abril de 2018
  19. [1]Placar - FlaFlu fazem, no domingo, o 1315° clássico carioca do Maracanã, página editada em 2 de abril de 2015 e disponível em 12 de abril de 2015
  20. Revista PLACAR - Grandes Clássicos, de maio de 2015, fonte do número de partidas em cada estádio
  21. ALMEIDA, José Ricardo Caldas e (14 de dezembro de 2006). «All Matches of Botafogo de Futebol e Regatas (RJ)» (em inglês). RSSSF Brasil. Consultado em 12 de junho de 2014. 
  22. Site Terceiro Tempo - Vasco aplicou a sua segunda maior goleada sobre o Botafogo
  23. RODRIGUES, Rodolfo (26 de janeiro de 2010). «Vasco aplicou a sua segunda maior goleada sobre o Botafogo». Futebol em Números. Consultado em 18 de janeiro de 2015. 
  24. Revista Placar - Os grandes clássicos, editada em maio de 2005
  25. Site Futpédia Vasco x Botafogo, matéria disponível em 23 de outubro de 2014
  26. a b Site Supervasco Histórico de Botafogo versus Vasco
  27. RSSSF Brasil Rio de Janeiro State - List of Champions
  28. Site RSSSF Brasil - RJ Podium, página editada em 1º de maio de 2011 e disponível em 12 de abril de 2015
  29. RSSSF Brasil Torneio Relâmpago de 1944, página editada em 12 de novembro de 2004 e disponível em 25 de abril de 2015
  30. RSSSF Brasil Torneio Municipal do Rio de Janeiro de 1947, página editada em 22 de abril de 2003 e disponível em 19 de abril de 2015
  31. RSSSF Brasil Maiores públicos do clássico Botafogo-Vasco, página editada em 5 de dezembro de 2013 e disponível em 16 de abril de 2015
  32. RSSSF Brasil - Jogos entre Botafogo e Vasco que decidiram títulos a favor do alvinegro, página editada em 3 de março de 2013 e disponível em 27 de abril de 2016
  33. EBC AO VIVO - Vasco vence o Botafogo por 2 a 1 e é campeão carioca, página editada em 3 de maio de 2015 e disponível em 12 de dezembro de 2015
  34. RSSSF Brasil - Jogos entre Botafogo e Vasco que decidiram títulos a favor do alvinegro, página editada em 3 de março de 2013 e disponível em 27 de abril de 2016
  35. Públicos do Vasco no Campeonato Carioca de 1947, página editada em 10 de junho de 2013 e disponível em 27 de abril de 2016
  36. RSSSF Brasil - Jogos entre Botafogo e Vasco que decidiram títulos a favor do alvinegro, página editada em 3 de março de 2013 e disponível em 27 de abril de 2016