Treinadores do Club de Regatas Vasco da Gama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta é a lista completa dos treinadores do Vasco da Gama.

Ordem cronológica[editar | editar código-fonte]

Década 1920[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Uruguai Ramón Platero 1922–1927 Carioca de 1923 () e Carioca de 1924 ()
Inglaterra "Harry" Welfare 1927–1937 Carioca de 1929 (), Carioca de 1934 () e Carioca de 1936 ()

Década 1930[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Floriano Peixoto 1937
Uruguai Carlos Scarone 1937
Brasil Edgar Noronha de Freitas 1938
Uruguai Ramón Platero 1938
Brasil Gentil Cardoso 1938–1939

Década 1940[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Inglaterra "Harry" Welfare 1940
Brasil Telêmaco Frazão de Lima 1941
Uruguai Ondino Viera 1942–1945 Carioca de 1945 ()
Portugal Ernesto Santos 1946
Brasil Flávio Costa 1947–1950 Carioca de 1947 (), Campeonato Sul-Americano de 1948, Carioca de 1949 () e Carioca de 1950 ()

Década 1950[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Otto Glória 1951-1952
Brasil Gentil Cardoso 1952 Carioca de 1952 (10º)
Brasil Flávio Costa 1953–1956
Brasil Martim Francisco 1956–1957 Carioca de 1956 (11º)
Brasil Gradim 1958–1959 Carioca de 1958 (12º) e Torneio Rio-São Paulo de 1958 (1°)
Brasil Yustrich 1959–1960

Década 1960[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Argentina Brasil Filpo Núñez 1960
Brasil Ely do Amparo 1960
Argentina Espanha Abel Picabéa 1960-1961
Brasil Martim Francisco 1961
Brasil Ely do Amparo 1961
Brasil Paulo Amaral 1961–1962
Brasil Jorge Vieira 1962–1963
Brasil Otto Glória 1963
Brasil Eduardo Pelegrini 1963
Brasil Duque 1964
Brasil Ely do Amparo 1964
Brasil Zezé Moreira 1965–1966 Taça Guanabara de 1965 (1°) e Torneio Rio-São Paulo de 1966 (2°)
Brasil Zizinho 1967
Brasil Gentil Cardoso 1967
Brasil Ademir Menezes 1967
Brasil Paulinho de Almeida 1968
Brasil Pinga 1969
Brasil Evaristo de Macedo 1969
Brasil Paulinho de Almeida 1969
Brasil Célio de Souza 1969

Década 1970[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Tim 1970 Carioca de 1970 (13º)
Brasil Paulo Amaral 1971
Brasil Admildo Chirol 1971
Brasil Zizinho 1972
Brasil Célio de Souza 1972
Brasil Mário Travaglini 1972–1975 Brasileiro de 1974 ()
Brasil Paulo Emílio 1976 Taça Guanabara de 1976 (2°)
Brasil Orlando Fantoni 1977–1978 Carioca de 1977 (14º) e Taça Guanabara de 1977 (3°)
Brasil Carlos Froner 1979
Brasil Otto Glória 1979

Década 1980[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Orlando Fantoni 1980
Brasil Gílson Nunes 1980
Brasil Zagallo 1980–1981
Brasil Antônio Lopes 1981–1983 Carioca de 1982 (15º)
Brasil Zanata 1983
Brasil Júlio César Leal 1983
Brasil Otto Glória 1983
Brasil Edu Coimbra 1984–1985 Taça Rio de 1984 (1°)
Brasil Antônio Lopes 1985–1986 Taça Guanabara de 1986 (4°)
Brasil Cláudio Garcia 1986
Brasil Joel Santana 1986–1987
Brasil Sebastião Lazaroni 1987–1988 Carioca de 1987 (16º), Carioca de 1988 (17º), Taça Guanabara de 1987 (5°) e Taça Rio de 1988 (2°)
Brasil Zanata 1988–1989
Brasil Orlando Lelé 1989
Brasil Sérgio Cosme 1989
Brasil Nelsinho Rosa 1989 Brasileiro de 1989 ()

Década 1990[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Alcir Portella 1990 Taça Guanabara de 1990 (6°)
Brasil Zagallo 1990
Brasil Antônio Lopes 1991
Brasil Nelsinho Rosa 1992
Brasil Joel Santana 1992–1993 Carioca de 1992 (18º), Carioca de 1993 (19º), Taça Guanabara de 1992 (7°) e Taça Rio de 1992 (3°) e 1993 (4°)
Brasil Alcir Portella 1993
Brasil Jair Pereira 1994 Carioca de 1994 (20º) e Taça Guanabara de 1994 (8°)
Brasil Sebastião Lazaroni 1994
Brasil Nelsinho Rosa 1995
Brasil Abel Braga 1995
Brasil Jair Pereira 1995
Brasil Zanata 1995–1996
Brasil Alcir Portella 1996
Brasil Carlos Alberto Silva 1996
Brasil Alcir Portella 1996
Brasil Antônio Lopes 1996–2000 Brasileiro de 1997 (), Carioca de 1998 (21º), Taça Guanabara de 1998 (9°), Taça Rio de 1998 (5°) e 1999 (6°), Libertadores de 1998, Torneio Rio-São Paulo de 1999 (3°)

Década 2000[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Abel Braga 2000 Taça Guanabara de 2000 (10°)
Brasil Alcir Portella (Interino) 2000
Brasil Tita (Interino) 2000
Brasil Oswaldo de Oliveira 2000
Brasil Joel Santana 2000–2001 Copa Mercosul 2000, Brasileiro de 2000 ()1 e Taça Rio de 2001 (7°)
Brasil Alcir Portella 2001
Brasil Hélio dos Anjos 2001
Brasil Paulo César Gusmão 2001
Brasil Evaristo de Macedo 2002
Brasil Antônio Lopes 2002–2003 Carioca de 2003 (22º), Taça Guanabara de 2003 (11°) e Taça Rio de 2003 (8°)
Brasil Mauro Galvão 2003
Brasil Geninho 2004 Taça Rio de 2004 (9°)
Brasil Joel Santana 2004–2005
Brasil Dário Lourenço 2005
Brasil Renato Gaúcho 2005–2007
Brasil Celso Roth 2007
Brasil Romário 2 2007
Brasil Valdir Espinosa 2007
Brasil Romário 2007–2008
Brasil Alfredo Sampaio 2008
Brasil Antônio Lopes 2008
Brasil Tita 2008
Brasil Renato Gaúcho 2008
Brasil Dorival Júnior 2009 Série B de 2009

Década 2010[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Vágner Mancini 2010
Brasil Gaúcho 2010
Brasil Celso Roth 2010
Brasil Paulo César Gusmão 2010–2011
Brasil Ricardo Gomes 2011 Copa do Brasil de 2011
Brasil Cristóvão Borges 2011–2012
Brasil Marcelo Oliveira 2012
Brasil Gaúcho 2012–2013
Brasil Paulo Autuori 2013
Brasil Dorival Júnior 2013
Brasil Adílson Batista 2013–2014
Brasil Joel Santana 2014
Brasil Doriva 2015 Carioca de 2015 (23º)
Brasil Celso Roth 2015
Brasil Jorginho 2015–2016 Carioca de 2016 (24º) e Taça Guanabara de 2016 (12º)
Brasil Cristóvão Borges 2017
Brasil Milton Mendes 2017 Taça Rio de 2017 (10º)
Brasil Zé Ricardo 2017–2018
Brasil Jorginho 2018
Brasil Alberto Valentim 2018–2019 Taça Guanabara de 2019 (13°)
Brasil Vanderlei Luxemburgo 2019

Década 2020[editar | editar código-fonte]

Treinador Período Principais títulos
Brasil Abel Braga 2020
Brasil Ramon Menezes 2020
Portugal Ricardo Sá Pinto 2020–

Notas[editar | editar código-fonte]

Nota 1: Oswaldo de Oliveira foi o treinador até o segundo jogo da final da Copa Mercosul e da primeira partida da semifinal do Campeonato Brasileiro, porém foi substituído por Joel Santana nos últimos jogos de ambas as competições.
Nota 2: Romário comandou a equipe interinamente por apenas dois jogos por desentendimento com a diretoria, em relação a venda do jogador Alan Kardec. Como não é formado em Educação Física, não pode assinar a súmula da partida, o que foi feito pelo preparador-físico Mauro Britto.

Ver também[editar | editar código-fonte]