Clássico Pai e Filho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Pai-Filho É um dos maiores clássico do futebol amazonense, e tem este título devido ao Fast Clube ter sido fundado por dissidentes do Nacional e assim batizado como Pai x Filho.[1] [2] Teve seu auge nos anos 70 e 80, e voltou a ter maior valor na segunda metade dos anos 2000. O Nacional é o clube de melhor e maior estrutura própria de Manaus, além de ser o maior campeão no futebol, o Fast aparece como a terceira força histórica do estado, e tem a terceira maior estrutura própria de Manaus.

A história do confronto[editar | editar código-fonte]

O confronto nasceu no momento em que o próprio Fast Clube veio a ser um clube, em que a divisão de ideais fez com que ocorresse uma dissidência de agremiação, pois os fundadores do Fast eram membros do Nacional que, inconformados com a maneira que o clube vinha sendo dirigido, resolveram criar este novo clube. Com a entrada do Fast no Campeonato Amazonense de Futebol em 1932 os clubes se enfrentaram pela primeira vez, e desde então o confronto recebe este nome pelo motivo do Fast ter sido fundado por ex-membros do próprio Nacional.

Nacional Fast Clube[editar | editar código-fonte]

O Nacional Fast Clube, ou simplesmente Fast durante muito tempo foi tachado como "a terceira força do futebol amazonense, sempre foi um grande rival para Rio Negro e Nacional, principalmente para este ultimo pelos motivos já ditos anteriormente, desde o princípio rivalizam, é o clube que mais venceu o Nacional depois do Rio Negro.

Nacional Futebol Clube[editar | editar código-fonte]

O Nacional Futebol Clube sempre foi um grande rival a ser batido no futebol Amazonense, e como o Fast ao lado do Rio Negro eram os clubes que mais dificultavam as coisas, estes ganharam uma atenção maior por parte do clube azul e também da mídia amazonense, que sempre deu grande destaque ao confronto.

O Nacional possui a hegemonia do estado, ganhador de muitos títulos estaduais, o Fast tem em sua força a história e tradição de revelar bons jogadores, promover eventos de grande porte e sempre as boas apresentações em competições nacionais.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O Primeiro Pai-Filho profissional:

O primeiro confronto entre os dois na era profissional foi no ano de 1966, com vitória do Tricolor por 1-0.

  • A maior goleada:

A maior goleada de que se tem informação no confronto ocorreu no dia 14 de Junho de 1942, com vitória do Nacional por 10-0

  • Campeão e Vice:

Na era do Profissionalismo do futebol do Amazonas as equipes fizeram as finais de 1964, 1965, 1968, 1969, 1970, 1972, 1976, 1977, 1991, 2007 e 2012 em algumas não houve final, era o sistema de pontos corridos, outras, eram disputadas tringulares geralmente entre o Fast, Nacional e o Rio Negro.

  • Taça Amazonas:

As duas equipes também protagonizaram os principais duelos desta competição que foi sucesso de Público e renda nos anos 60 e 70. Fizeram 04 (quatro) Finais, dois títulos para cada lado.

Comparativo estrutural[editar | editar código-fonte]

O debate sobre estrutura do ponto de vista técnico não permite duvidas, porém, visto de um olhar leigo, permite alguns erros.

Sede social
  • Nacional: A sede social do Nacional conta com salão de festas, academia, 2 piscinas(1 olímpica), sala de troféus climatizada, além de um campo pra escolinha. Conta com uma grande área no bairro de Adrianópolis
  • Fast Clube: A sede do Fast conta com um salão de festas e uma piscina. Sua área estrutural própria é relativamente menor que a do Nacional, está localizada na Avenida Alvaro Maia.
Centro de Treinamentos.
  • Nacional: Possui CT próprio com alojamentos, o único de Manaus.
  • Fast Clube: Possui CT proveniente de uma parceria de 10 anos, sendo que seu campo de treinos é da Ulbra, resultante de uma parceria conslidada e de sucesso batzando seu CT como CT Fast/ULBRA.

Dados históricos[editar | editar código-fonte]

Assim como no Rio-Nal, o clássico Pai-Filho pode ter sido disputado por centenas a mais de vezes do que se tem em histórico. Estão computados aqui somente as partidas nos estaduais.

Último jogo considerado: Nacional 5-1 Fast, no dia 28 de março de 2019, no Estádio Carlos Zamith pelo Campeonato Amazonense da 1ª Divisão.

Estatísticas
Número de jogos 136
Vitórias do Nacional 76
Vitórias do Fast clube 30
Empates 31
Número de gols 344
Gols feitos pelo Nacional 225
Gols feitos pelo Fast Clube 119
Ícone de esboço Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. «Clássico "Pai e Filho" é o destaque da 2ª rodada do returno do Amazonense Junior». Globoesporte. Consultado em 26 de julho de 2019 
  2. «Conheça os times e estádios de Manaus». Verminosos por Futebol. 26 de fevereiro de 2015. Consultado em 26 de julho de 2019