Pagan metal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pagan metal
Origens estilísticas Metal extremo, folk metal, música folk, viking metal
Contexto cultural Início da década de 90, Europa Setentrional
Instrumentos típicos Bateria, baixo, guitarra, teclado, instrumentos folk
Popularidade Underground; várias partes da Europa
Formas regionais
Noruega, Suécia, Finlândia, Dinamarca, Países Baixos, Alemanha
Outros tópicos
Celtic metal, religiões folclóricas, neopaganismo

Pagan metal é um subgênero do heavy metal que funde o metal extremo com "tradições pré-cristãs de uma específica cultura ou região" através de conceito temático, melodias rústicas, instrumentos incomuns ou linguagens arcaicas", usualmente referindo ao folk metal ou black metal.[1][2] A banda norueguesa In the Woods... é uma das primeiras bandas comumente vistas como pagan metal.[3][4] O autor Marc Halupczok da Metal Hammer escreveu que a canção primordial "To Enter Pagan" da demo "Dark Romanticism" contribuiu para definir o gênero.[5]

Características[editar | editar código-fonte]

O pagan metal é "mais uma temática do que um gênero" e consequentemente as bandas tendem a ser "amplamente diferentes" umas das outras.[1] O baixista Jarkko Aaltonen da banda Korpiklaani nota que bandas que cantam sobre "viquingues ou outras tribos antigas de pessoas são todas rotuladas como pagãs", independentemente se elas usam instrumentos folk.[6] Heri Joensen expressou uma descrição similar do pagan metal como bandas que cantam sobre "tradições europeias pré-cristãs, sejam históricas ou mitológicas", e nota que é "extremamente diverso musicalmente porque é mais relativo às letras do que à música".[7] Alguns grupos são conhecidos por serem "alegres e espirituosos" enquanto outros são "sombrios e macabros". Os estilos vocais vão desde "cantos melódicos até bramidos inumanos" e enquanto alguns grupos cantam em seu respectivo idioma, outros cantam em inglês.[1]

Bandas de pagan metal são frequentemente associadas ao viking metal e folk metal. Nomes como Moonsorrow e Kampfar têm se identificado como próprias desses três gêneros.[8][9]

Lista de bandas[editar | editar código-fonte]

Banda País Formação Notas
Amorphis Finlândia 1990 [10]
Arkona Rússia 2002 [11]
Bathory Suécia 1983 [7][12]
Chthonic Taiwan 1995 [13]
Eluveitie Suíça 2002 [1]
Ensiferum Finlândia 1995 [1]
Finntroll Finlândia 1997 [1]
Forefather Inglaterra 1997 [14]
In the Woods... Noruega 1992 [3][4]
Kampfar Noruega 1994 [9]
Korpiklaani Finlândia 2003 [1]
Melechesh Israel 1993
Moonsorrow Finlândia 1995 [8]
Primordial Irlanda 1991 [1][5]
Satarial Rússia 1993
Skyclad Inglaterra 1990 [15]
Skyforger Letônia 1995 [16][17][18][19]
Suidakra Alemanha 1994 [20]
Temnozor Rússia 1996
Turisas Finlândia 1997 [1]
Týr Ilhas Faroé 1998 [1]
Welicoruss República Tcheca 2005 [21]
Wintersun Finlândia 2003
Wolfchant Alemanha 2003

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i j Wiederhorn 2009, p. 62.
  2. Cummins, Johnson (abril de 2009). «Myth Demeanour: Finlândia's Korpiklaani lead the pagan metal pack». Montreal Mirror. 24 (44). Consultado em 11 de maio de 2009. 
  3. a b Wachter, Christian (2008). «Progressive Heiden». Pagan Fire (2). p. 51. Eine der ersten Gruppen, die übereinstimmend als Pagan Metal-Band bezeichnet wurde, waren bekanntlich In The Woods... 
  4. a b Halupczok, Marc (março de 2010). «Waldschrate & Met-Trinker». Metal Hammer. p. 30. 1992 gegründet, wurden In The Woods... als eine der ersten Bands überhaupt als reine Pagan-Band bezeichnet oder dem Black Metal zugerechnet. 
  5. a b Halupczok, Marc (março de 2010). «Waldschrate & Met-Trinker». Metal Hammer. p. 31. Mit 'To Enter Pagan' vom Demo DARK ROMANTICISM definierten sie ein ganzes Genre mit. 
  6. Jarkko Aaltonen of Korpiklaani, quoted in Wiederhorn 2009, p. 63
  7. a b Heri Joensen of Týr, quoted in Wiederhorn 2009, p. 64
  8. a b Bowar, Chad. «Moonsorrow - Viides Luku: Hävitetty». About.com. Consultado em 11 de maio de 2009. 
  9. a b Bowar, Chad. «Kampfar - Kvass Review». About.com. Consultado em 11 de maio de 2009. 
  10. Mathias Nygård of Turisas, quoted in Wiederhorn 2009, p. 64.
  11. Bowar, Chad. «Arkona - Ot Serdca K Nebu». About.com. Consultado em 13 de maio de 2009. 
  12. Alan A. Nemtheanga of the band Primordial, quoted in Wiederhorn 2009, p. 64
  13. AUTOPSY_66. «閃靈». Metal Archives. Consultado em 14 de junho de 2014. 
  14. Bowar, Chad. «Forefather - Steadfast». About.com. Consultado em 13 de maio de 2009. 
  15. Christe, Ian (junho de 2008). «Sabbath: British Thrash Heroes Relive Their Glory Days». Revolver: 44 
  16. Kai Wendel: SKYFORGER. Kauja Pie Saules. In: Rock Hard, no. 139.
  17. Andreas Stappert: SKYFORGER. Latvian Riflemen. In: Rock Hard, no. 162.
  18. Volkmar Weber: SKYFORGER. Thunderforge. In: Rock Hard, no. 197.
  19. Volkmar Weber: SKYFORGER. Kurbads. In: Rock Hard, no. 276.
  20. Bowar, Chad. «Suidakra - 'Crogacht'». About.com. Consultado em 13 de maio de 2009. 
  21. http://www.metalstorm.net/forum/topic.php?topic_id=41184  Em falta ou vazio |título= (ajuda)