Predefinição Discussão:Info/Político/Presidente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Predefinição só para presidentes??[editar código-fonte]

Não sei se é necessário uma predefinição apenas para presidentes. Já é suficiente a {{Político}}. Além do mais, todo presidente já ocupou outro cargo político (Exemplo Itamar Franco que depois de sua estadia em Brasília virou governador de Minas Gerais). Rafael MaxSenta o dedo! 21h39min de 14 de fevereiro de 2009 (UTC)

Acho totalmente desnecessária essa predefinição pelos motivos citados acima. Symbol support vote.svg Concordo com a proposta de fusão. Davemustaine opa 21h47min de 14 de fevereiro de 2009 (UTC)
Pelo o que eu vi nos aflumentes, tem praticamente os presidnetes do Brasil e dos EUA. Mas vai ser bem difícil a fusão, tem muitos poucos ítens em comum com a prefed. {{Político}}. Rafael MaxLigue djá! 20h13min de 15 de fevereiro de 2009 (UTC)
Será que é possível colocar um bot para mudar vários ítens semelhantes, como o ítem "data de nascimento " de {{Info Presidente}} e "data_nascimento" de {{Político}}?? Rafael MaxLigue djá! 20h17min de 15 de fevereiro de 2009 (UTC)

Sou contra a fusão apenas se a predefinição "político" não cobrir todos os campos existentes nessa. Alguém sabe me dizer se é o caso? RafaAzevedo msg 10h31min de 12 de julho de 2009 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a fusão, mas antes a predefinição Político precisa "igualar" algumas coisas com a Presidente. O que acho que deveria mudar na predefinição Político:
    1. Item para os filhos (tem na Presidente não tem na Político);
    2. Fazer a parte de mandato ficar igual à da predefinição Presidente, ou seja, separar o item "mandato" em "mandato_início" e "mandato_fim", centralizar, e deixar as datas numa linha só.
Mais fácil fazer a Político incorporar coisas da Presidente do que a Presidente incorporar coisas da Político, já que a Político já é usada em 99% dos casos. Além do fato de que o tamanho da fonte da Político é bem melhor, já que não é tão grande. Exceto por essas duas coisas que mencionei, não precisa mudar muita coisa na Político antes de juntar as duas, já que ela cobre boa parte das coisas da Presidente.
Keds0 (discussão) 16h12min de 18 de dezembro de 2010 (UTC)

Padrão![editar código-fonte]

Esta predefinição parece-me boa no momento. Estou usando-a para fazer pequenas modificações/complementos em outras predefinições (Biografia, Político, Cientista, ...). Minha proposta é que todas sigam o mesmo padrão!--Kaktus Kid (discussão) 22h13min de 5 de janeiro de 2010 (UTC)

Incluí o campo premio, mas não sei como documentá-lo!--Kaktus Kid (discussão) 22h55min de 5 de janeiro de 2010 (UTC)

Padronização[editar código-fonte]

Olá editores! Gostaria de discutir aqui a padronização de algumas características desta predefinição. Recentemente, removi um trecho inútil de código que verificava o nome da imagem, e caso esta fosse Ficheiro:Replace this image male.svg, Ficheiro:Replace this image female.svg, Ficheiro:Replace this image1.svg ou Ficheiro:Replace this imageb.svg a predefinição teria um comportamento excepcional. Entretanto, atualmente nenhum artigo usa nenhuma delas. Então, gostaria de discutir os campos "prefixo-honorífico" e "sufixo-honorífico", que são usados em apenas 14 das 229 páginas que usam esta predefinição: não parece meio inútil um campo assim? Abaixo a lista dos artigos que o(s) usa(m):

--Mister Sanderson 02h08min de 26 de julho de 2011 (UTC)

Desabilitei o campo no código durante a padronização com {{Info/Político}}. Basta depois eu passar nos artigos removendo, como propus #Info/Políticoabaixo. --Mister Sanderson 02h04min de 9 de agosto de 2011 (UTC)

Campo "largura"[editar código-fonte]

Atualmente o campo 'largura' executa a mesma função do 'tamanho_imagem', e é usado em apenas 17 dos 229 artigos que incluem esta predefinição. Como a predefinição Info usa o campo largura para outro propósito, removi este desta predefinição após alterar "largura" para "tamanho_imagem" nos seguintes artigos, para evitar confusão:

Nos que possuíam o campo, mas não o tinham preenchido simplesmente o removi, por ser redundante. Como bônus, a discussão iniciada aqui foi amplamente divulgada. --Mister Sanderson 17h57min de 26 de julho de 2011 (UTC)

Campo "não_assumiu"[editar código-fonte]

Editando a predefinição, encontrei outro campo provavelmente inútil: "não_assumiu". Ele é utilizado apenas em 3 dos 229 artigos que utilizam esta predefinição, sendo eles: Júlio Prestes, Rodrigues Alves e Tancredo Neves. Pensei então que quem não assume não tem nem "mandato_início" nem "mandato_fim", logo, bastaria os dois campos não estarem preenchidos ou não estarem presentes simultaneamente para que o texto "Não assumiu" entrasse, sem necessitar de um campo específico para isto. Pensei então que provavelmente existiriam artigos em quê os dois campos não foram preenchidos simultaneamente, mas onde o presidente assumiu. Fui conferir, e os seguintes artigos estão nesta situação:

Os da terceira lista precisam migrar para a Predefinição:Info/Político, já que não são presidentes e portanto não deveriam usar esta predefinição. Os da segunda foram malpreenchidos, bastando uma correção. Os da primeira não são presidentes de países e foram malpreenchidos, então suponho que não deveriam usar esta predefinição também. Que pensam? Ah, sendo a situação destes todos resolvida, implementarei a alteração que propus, removendo o campo "não assumiu". --Mister Sanderson 21h09min de 26 de julho de 2011 (UTC)

A terceira e segunda colunas foram corrigidas. Falta discutir a primeira. --Mister Sanderson 15h18min de 27 de julho de 2011 (UTC)
Enfim, nos da primeira coluna eu apenas apaguei os campos de presidência, já que as informações de governo estão em "título2". --Mister Sanderson 01h46min de 30 de julho de 2011 (UTC)
A predefinição insiste em aparecer o "mandato" de modo externo, veja o caso de Adolf Hitler e na própria predefinição em si. --Nahorlopesjr (discussão) 02h51min de 1 de agosto de 2011 (UTC)
Isto é porquê Hitler nunca assumiu uma presidência, começou logo como Führer. Assim, ele deveria usar a Predefinição:Info/Político, ao invés desta aqui. --Mister Sanderson 13h19min de 1 de agosto de 2011 (UTC)
Percebo que faltou ressaltar que não detectei neste levantamento os artigos que não possuíam os campos, apenas os que os tinham não-preenchidos. Os que não possuem os campos não deveriam estar usando a Info/Político/Presidente, simplesmente. Afinal, não há porquê usar uma predefinição de presidentes para alguém que não o é. --Mister Sanderson 02h04min de 9 de agosto de 2011 (UTC)

Info[editar código-fonte]

Olá editores! Sabe-se bem que esta predefinição necessita ser padronizada com a {{Info}}. Padronizei-a na página de testes e gostaria de saber se alguém se opõe à minha edição, ou se tem alguma sugestão. --Mister Sanderson 00h10min de 27 de julho de 2011 (UTC)

Enfim, a versão apresentada acima ainda não estava pronta, mas esta aqui está. --Mister Sanderson 16h02min de 27 de julho de 2011 (UTC)
Como ninguém disse nada, corrigi a numeração dos campos para que o de vicepresidente aparecesse, e apliquei na predefinição. --Mister Sanderson 16h55min de 28 de julho de 2011 (UTC)

Info/Político[editar código-fonte]

Olá editores! Agora que esta predefinição foi padronizada com a Info, gostaria de tratar a relação dela com a Predefinição:Info/Político. Vejam o tópico que abri por lá. --Mister Sanderson 23h19min de 31 de julho de 2011 (UTC)

Pretendo transformar a Info/Presidente em Info/Político/Presidente. Para isto, fiz algumas compatibilizações recentes e uma pré-visualização dela. Gostaria que outros editores opinassem sobre. --Mister Sanderson 01h14min de 5 de agosto de 2011 (UTC)

Comentários:

  • No meu entender: Tudo o que seja simplificar, tonando as predefinições/Infoboxes mais leves, é de louvar o esforço de quem o tenta e faz! Desde que se mantenha a coerencia entre as mesmas.
  • - Penso que a fusão desta predefinição na Info/Político seria um passo importante a considerar.
  • - Ao nível formal da predefinição os campos parecem-me equilibrados, só faltando a possibilidade de acrescentar cor de fundo para as várias funções que um eventual político e/ou presidente tenham desempenhado; e um claro esclarecimento na página da predef, de que se deve utilizar a ordem temporal decrescente, do(s) cargo(s) mais recentes para os mais antigos.

--JPF1977 (discussão) 16h15min de 5 de agosto de 2011 (UTC)

Acrescentei na documentação a informação sobre a decrescência. --Mister Sanderson 16h21min de 5 de agosto de 2011 (UTC)

Acabo de tornar a Info/Presidente em Info/Político/Presidente, tanto no nome quanto no código. Peço aos editores que me informem de eventuais erros ocorridos neste processo, para que eu possa corrigi-los. Daqui a alguns dias passarei nos afluentes do nome antigo da predefinição alterando para o novo. Aproveitarei a oportunidade para finalizar as alterações já citadas acima, e proporei algumas novas, para que campos desta predefinição passem a ter o mesmo nome utilizado na Info/Político. Penso que seria interessante também apagar nos artigos os campos que não estão preenchidos, já que "pesam" a página sem necessidade, e sempre é possível reacrescentá-los recorrendo à documentação. --Mister Sanderson 01h23min de 8 de agosto de 2011 (UTC)

Olá editores! Abaixo coloco uma tabela que indica os campos relevantes que apresentam nomes diferentes entre a predefinição-maior e a sub-predefinição. Claro que é possível implementar no código a aceitação de ambas as vertentes, mas isto é anti-prático: criaria diversos nomes para uma coisa só, atrapalharia a alteração de status de um governante, aumentaria as chances de erros em alterações do código, deixando a predefinição complexa sem necessidade... Daí proponho renomear os campos para a variante da predefinição-maior, ou o mais próximo disso possível, quando eu passar nos artigos que transcluem a predefinição, da forma como já descrevi acima.
Campos com nomes diferentes
Info/Político Info/Político/Presidente
nome_comp nome de nascimento
imagem-tamanho tamanho_imagem
vice-presidente# vicepresidente#
vice-presidente# vicepresidente_título#
antes# antecessor#
depois# sucessor#
antes# antecessor_título#
depois# sucessor_título#
nascimento_data data de nascimento
nascimento_local cidade natal
morte_data data de falecimento
morte_local local de falecimento
Que pensam? --Mister Sanderson 02h23min de 9 de agosto de 2011 (UTC)
Fiz as compatibilizações no código da predefinição. Posteriormente passarei nos artigos alterando. --Mister Sanderson 02h07min de 13 de agosto de 2011 (UTC)
Renomeei alguns campos para ficarem padronizados com os que pretendo padronizar. --Mister Sanderson 16h44min de 14 de agosto de 2011 (UTC)
Havia faltado alguns. --Mister Sanderson 17h22min de 14 de agosto de 2011 (UTC)
Yes check.svg Feito, e removi as variantes antigas do código. --Mister Sanderson 19h20min de 14 de agosto de 2011 (UTC)

Estou discutindo em Predefinição Discussão:Info/Político#Compatibilizações algumas questões da transição daquela predefinição para esta. --Mister Sanderson 03h22min de 18 de agosto de 2011 (UTC)

Vice[editar código-fonte]

Percebo que a cada mudança esta predefinição, na minha opinião, está piorando. Agora nem o termo "vice-presidente" aparece mais.--Nahorlopesjr (discussão) 21h16min de 27 de agosto de 2011 (UTC)

Isto era apenas um erro na predefinição Info/Político, que já foi corrigido. --Mister Sanderson 21h39min de 27 de agosto de 2011 (UTC)

Mudanças[editar código-fonte]

A questão do conjuge deveria ser mudada, para padronizar a questão da primeira-dama ou primeiro-cavalheiro. Outra mudança pontual é na padronização do serviço militar. Na Predefinição:Info/Político há mais campos, como a lealdade (ex: o país de origem) e outros.o comentário precedente deveria ter sido assinado por Nahorlopesjr (discussão • contrib) 09h58min de 3 de setembro de 2011

É fácil acrescentar estes campos sobre a carreira aqui, uma vez que o código desta predefinição usa a Info/Político. Não o fiz para não acrescentar campos que não fossem necessários. Eles são? Acrescentei o campo primeiro-cavalheiro. --Mister Sanderson 16h23min de 3 de setembro de 2011 (UTC)

Nem todo título de primeiro-ministro é igual o de chanceler. Deve ser incluído esse campo.o comentário precedente deveria ter sido assinado por Nahorlopesjr (discussão • contrib) 10h58min de 3 de setembro de 2011

O que primeiros-ministros e chanceleres tem a ver com essa predefinição? Ela é apenas para presidentes. --Mister Sanderson 16h23min de 3 de setembro de 2011 (UTC)
Eles são os chefes de governo, apesar da predefinição ser de chefe de estado, ela caracteriza o andamento do Estado como um todo. Veja as predefinições de outras línguas, por exemplo. Desculpe não ter assinado as frases anteriores, bobeira minha.--Nahorlopesjr (discussão) 22h05min de 3 de setembro de 2011 (UTC)
Tá, mas esta predefinição é apenas para presidentes. --Mister Sanderson 22h19min de 3 de setembro de 2011 (UTC)
Acho que você não entendeu. É para presidentes, mas por que então tem o campo para colocar o quem é o vice? Vice, primeiro-ministro, chanceler, fazem parte do governo do presidente, são os imediatos logo após ele. Só pedi que acrescentasse o chanceler, pois vice-presidente e primeiro-ministro já existe.--Nahorlopesjr (discussão) 01h47min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Ah, em alguns casos chanceler é mesmo abaixo do presidente na hierarquia. Mas não penso que ele seja tão próximo para haver necessidade de ser listado na infocaixa. --Mister Sanderson 02h08min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Sem problemas então, continuarei a colocar os nomes dos chanceleres como primeiros-ministros (no caso das infocaixas em presidentes da Áustria e da Alemanha)--Nahorlopesjr (discussão) 03h38min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Deveria não colocar, ao invés de fazer gambiarras. Você já explicou que chanceleres são imediatamente após o presidente na hierarquia do poder, mas o artigo Chanceler me faz pensar que eles não são alternativos a vice-presidentes e primeiros-ministros, e por isto não são relevantes o bastante para constarem na infocaixa dos presidentes. São alternativos? --Mister Sanderson 03h58min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Não estou fazendo "gambiarras", mas sim mostrando o óbvio. O primeiro-ministro é o chefe de governo em um país de sistema parlamentarista. O chanceler é o nome que se dá ao chefe de governo em alguns países (como por exemplo na Áustria e Alemanha). Infobox de outras línguas, como inglês, são bem mais específicas aos cargos que estão abaixo do chefe de Estado, enriquecendo as informações.--Nahorlopesjr (discussão) 04h11min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Então países com presidente que não tem primeiro-ministro nem vice-presidente tem chanceler? --Mister Sanderson 15h22min de 4 de setembro de 2011 (UTC)
Estou falando de sistemas parlamentaristas. Essa lógica não se observa em todas as nações. O chefe de Estado geralmente é o presidente em uma República (seja ela parlamentarista ou presidencialista). Para o chefe de governo, no caso do parlamentarismo (seja monarquia ou República), há várias formas para o chefe de governo: primeiro-ministro (vários países), chanceler (Áustria e Alemanha), presidente do governo (Espanha e Rússia) ou o próprio título chefe de governo (em Andorra). Esses seriam os títulos corretos, que muitas vezes se confundem com o de primeiro-ministro. Dentro da Ciência Política, para quem estuda como eu, existem as diferenças sutis para os cargos.
Argh, não precisava toda esta discussão, os campos para primeiro-ministro já existiam nesta predefinição. Só agora que vi. --Mister Sanderson 17h51min de 7 de setembro de 2011 (UTC)

Recentemente foram acrescentados vários campos na predefinição. Desfiz a maior parte porquê eles não funcionariam da forma como haviam sido adicionados. --Mister Sanderson 17h51min de 7 de setembro de 2011 (UTC)

Mais parâmetro e divisão nítida[editar código-fonte]

Em sendo esta uma predefinição de políticos, para mim faltam parâmetros como a graduação (para a formação universitária) e, assim como se pode ver na equivalente francófona, uma mais nítida separação entre os itens, com um fundo colorido nos subtítulos.

Alguém se habilita a introduzir tais separações? Grato, André Koehne (discussão) 03h51min de 12 de fevereiro de 2012 (UTC)

No caso, a separação mais nítida entre os itens seria colorir a infocaixa de uma forma diferente para cada tipo de presidente? --Mister Sanderson 15h52min de 12 de fevereiro de 2012 (UTC)

"Mandato eletivo" versus "período de governo"[editar código-fonte]

O texto seguinte foi movido de: Discussão:Luiz Inácio Lula da Silva#"Mandato eletivo" versus "período de governo"Sampayu 21h27min de 30 de outubro de 2014 (UTC)

Meus argumentos que justificam o porquê de eu insistir que no painel informativo dos presidentes e ex-presidentes, painel esse criado com a predefinição {{Info/Político/Presidente}}, é necessário informar, separadamente, cada um dos dois mandatos que cada político exerce/exerceu:

  • O que é mandato eletivo:
O exercício das prerrogativas e o cumprimento das obrigações de determinados cargos por um período legalmente determinado.
 
  • Qual é esse período legalmente determinado:
O mandato do Presidente da República é de quatro anos e terá início em primeiro de janeiro do ano seguinte ao da sua eleição.
 
Art. 82 da Constituição Federal (instituído pela Emenda Constitucional nº 16).

<!------ Presidência ------->
|preposição =
|país =
|ordem_presidente =
|mandato_início =
|mandato_fim =
|vice-presidente =
|primeiro-ministro =
|antes =
|depois =
<!--- No caso de um 2° mandato --->
|ordem_presidente2 =
|mandato_início2 =
|mandato_fim2 =
|vice-presidente2 =
|primeiro-ministro2 =
|antes2 =
|depois2 =

Portanto, a predefinição foi construída de modo que cada mandato seja informado em um campo à parte.

  • Período de governo é o intervalo de tempo no qual o político ficou governando:

  • Isso pode se referir ao período em que o político exerceu o 1º mandato: neste caso, fala-se em período de governo do 1º mandato. Exemplo: Fernando Collor presidiu o Brasil por apenas 1 mandato de 2 anos e meio, por isto o período de governo dele, na Presidência da República, coincide com o período em que ele exerceu seu 1º e único mandato presidencial. Em outras palavras: 1º mandato = período (total) de governo presidencial = 15/03/1990 a 02/10/1992.

  • Pode se referir somente ao período em que o político exerceu o 2º mandato: neste caso, fala-se em período de governo do 2º mandato. Exemplo: Fernando Henrique Cardoso exerceu 2 mandatos sucessivos (consecutivos). O período de governo do 1º mandato dele foi de 01/01/1995 a 01/01/1999. O período de governo do 2º mandato dele foi de 01/01/1999 a 01/01/2003.

  • Pode se referir ao período em que o político exerceu o 1º mandato, foi reeleito e por isto exerceu, sucessivamente (consecutivamente), um 2º mandato: neste caso, fala-se em período de governo dos dois mandatos. Exemplo: como o próprio Fernando Henrique Cardoso exerceu 2 mandatos sucessivos, pode-se dizer que o período de governo dele na presidência foi de 01/01/1995 a 01/01/2003. E com o Lula é a mesma coisa.

Essa é a distinção entre mandato eletivo e período de governo!

Agora pergunto: por que é que alguns editores estão insistindo em registrar 1 período de governo de 2 mandatos consecutivos dentro de um campo que é destinado ao registro de somente 1 mandato?

Levem em consideração que a Wikipédia é uma enciclopédia, por isto ela não pode apresentar informações conceitualmente erradas. É importante reforçar: a estética não pode ser mais importante que a correção da informação. Claro que a estética pode ser melhorada, mas a estética não é mais importante do que a informação estar correta.

Eu espero que todos os que desfizeram minhas edições venham até aqui, leiam os meus argumentos, reflitam, e que se mesmo depois de tudo isso ainda continuarem preferindo a forma atual, apresentem propostas para solucionarmos esse problema, porque os artigos não podem ficar como atualmente estão, afirmando que o período de "mandato" desses presidentes e ex-presidentes foi igual a 1 período de governo de 2 mandatos sucessivos. Isso está errado.Sampayu 20h42min de 28 de outubro de 2014 (UTC)

@Sampayu: Parabenizo você pela pesquisa (quem dera todos usuários fossem coerentes como você), mas acho que não precisava de uma explicação tão aprofundada para um caso tão simples. :) O uso das predefinições não é algo mandatório (até onde sei não há discussão que estabeleceu consenso sobre seu uso, inclusive, essa predefinição específica para Presidente é alvo de críticas). Nesse caso deve-se dar primazia pela estética do artigo. Considerando que são dois mandatos consecutivos, creio que basta indicar que se tratam de dois mandatos e listar a informação uma única vez (se o nome "mandato" está conceitualmente errado, que seja trocado por "período de exercício" ou algo equivalente). Listar duas vezes a mesma informação realmente fica redundante. Se notar, na en.wiki e na es.wiki também está dessa forma. --Diego Queiroz (discussão) 21h09min de 28 de outubro de 2014 (UTC)

Por Mandato eletivo[editar código-fonte]

Symbol support vote.svg Concordo - Como na Lista dos papas (onde houve algumas eleições não consecutivas) e nos respectivos artigos. Para não ficarem "dois pesos e duas medidas". Quando há ocupações consecutivas do cargo, está se utilizando o mesmo nº, ao passo que quando são não consecutivas, usa-se o nº da sequência. Deixar a instrução na Predefinição.PauloMSimoes (discussão) 22h59min de 28 de outubro de 2014 (UTC)

Por Período de governo[editar código-fonte]

Uma opção pode ser modificar o código-fonte da predef. {{Info/Político}}, substituindo Mandato por Período de governo, que é bem mais genérico e por isto contempla todos os casos (1 mandato, ou então 2 ou mais mandatos consecutivos). Mas para eu fazer isso eu terei que propor isso lá em WP:EP. Gostaria que os outros editores comentassem essa ideia. Convidei todos editores que desfizeram minhas edições nos artigos Dilma Rousseff, Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Henrique Cardoso (foram 4 editores), mais 2 editores que não desfizeram a divisão que eu havia feito em 2 mandatos (editores Paulo Simões e Diego Queiroz) mas que participaram na edição de ao menos um daqueles 3 artigos, e no entanto até agora somente o Paulo Simões e o Diego Queiroz se manifestaram, por isto vou aguardar mais um tempo para que algum daqueles 4 editores se manifeste. Se nenhum deles se manifestar, aí levarei a proposta à Esplanada.

Uma variação da opção acima é modificar o código-fonte da predef. {{Info/Político}}, só que substituindo Mandato por Mandato(s).

Se se optar por usar o texto Período de governo no rótulo do campo, bastará registrar no campo o período completo. Exemplo (para 2 mandatos de 4 anos, cada):

Período de governo 1 de janeiro de 1995 a 1 de janeiro de 2003
Por outro lado, se se optar por usar o texto Mandato(s) no rótulo do campo, será necessário informar os mandatos separadamente (para não recair no mesmo erro conceitual, claro), apesar de que todos os mandatos ficarão no mesmo campo. Exemplo (para 3 mandatos de 4 anos, cada):

Mandato(s) 1 de janeiro de 1995 a 1 de janeiro de 1999
                    1 de janeiro de 1999 a 1 de janeiro de 2003
                    1 de janeiro de 2003 a 1 de janeiro de 2007
Sampayu 03h57min de 29 de outubro de 2014 (UTC)
Acho que não precisa da Esplanada para isso. Basta colocar a sugestão na página de discussão de {{Info/Político}} e esperar que os interessados se manifestem. No mais, creio que {{Info/Político/Presidente}} deveria ser fundida com {{Info/Político}}. --Diego Queiroz (discussão) 12h47min de 29 de outubro de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo com a alternativa de substituir "mandato" por "período de governo". Por ter definição mais ampla, essa expressão sana a confusão. Como lhe disse anteriormente e como exemplifiquei fartamente, Sampayu, a {{Info/Político/Presidente}} é pouquíssimo utilizada tal qual está. Concordo, porém, com o editor acima sobre a fusão com {{Info/Político}}. Isso, inclusive, já foi feito com outras predefinições específicas, como é possível ler na página de discussão dessa predefinição. Nakinn 17h34min de 29 de outubro de 2014 (UTC)
@Diego Queiroz: Symbol support vote.svg Concordo. Também acho que foi desnecessário criar {{Info/Político/Presidente}}.

@Nakinn: acho que você ainda não se deu conta de que eu não desfiz aquelas edições por causa do aspecto estético (como se eu fizesse questão de dividir os mandatos em 2 campos por achar isso esteticamente melhor): eu fiz o que fiz por (e somente por) causa de o conteúdo estar conceitualmente errado. Veja bem: para mim a estética é indiferente, contanto que o conteúdo da informação esteja correto, por isto para mim tanto faz dividir o painel em 2 mandatos e usar o rótulo Mandato (como eu havia feito e todo mundo desfez) ou usar o rótulo Período de governo e daí registrar um único período correspondente à união de todos os mandatos sucessivos (como proposto acima). O importante é que nesses dois casos que acabei de mencionar a informação estará correta, percebe? E eu só usei a primeira opção (ao invés da segunda) porque a segunda não está disponível na predefinição. Em suma, pouco me importa como vocês farão: se vai ser em negrito, em itálico, em colunas, em células de tabela, em 2 painéis... Contanto que a informação esteja correta, para mim é indiferente a forma visual de apresentação.

Mas, já que vocês se preocupam com estética, vocês precisam decidir qual formato preferem. Para mim o formato é indiferente: o que me incomoda é a informação ficar errada (como atualmente está, nos artigos Dilma Rousseff, Fernando Henrique Cardoso etc.) por causa da maneira como foram formatados. É só isso. Simples assim.Tongue.png

Para mim é moleza ir lá em {{Info/Político}} e mudar Mandato para alguma outra coisa (como por exemplo Período de governo, que eu Symbol support vote.svg Concordo com o Diego que seja o mais abrangente e genérico, além de não ser necessário segmentar em mandatos, como será o caso se se optar por usar Mandato(s)). Só não me mexi ainda naquela predef. porque preciso colher opiniões dos demais editores: inclusive dos editores Marcelo Armando, Wellington Bettega e Marcos Elias de Oliveira Júnior, que foram os outros 3 que desfizeram minhas edições e por isto eu os convidei para vir aqui se expressar. Mas por enquanto eles ainda não se manifestaram, então estou aguardando...

Bom, pelo menos percebo que a opinião coletiva já está começando a convergir para um ponto comum: a substituição de Mandato por Período de governo. Já é um bom sinal.:D Também acho que a substituição de Mandato por Período de governo ficará perfeita: eliminará a necessidade de se ter que dividir verticalmente o painel em 2 ou mais mandatos, e não ficará conceitualmente errado caso o período total dos mandatos seja expresso como um único intervalo temporal (como tem sido feito).muito bom !
Outra vantagem do uso de Período de governo é que se futuramente a coletividade quiser fazer algo assim:
Período de governo    1º mandato: 1 de janeiro de 1995 a 1 de janeiro de 1999
                                      2º mandato: 1 de janeiro de 1999 a 1 de janeiro de 2003
                                      3º mandato: 1 de janeiro de 2003 a 1 de janeiro de 2007
...também não estará conceitualmente errado. Eis aí mais uma vantagem do uso de Período de governo no lugar de Mandato.Wink.pngSampayu 19h24min de 29 de outubro de 2014 (UTC)

Bom, até o momento ninguém se manifestou. Se até amanhã (16/11/2014) ninguém se manifestar, vou entender que houve concordância (ou pelo menos não houve oposição) quanto à substituição de Mandato por Período de governo. A mudança será executada no código-fonte da predefinição {{Info/Político}} e surtirá efeito em todas as predefinições que sejam subpáginas daquela predefinição (como é o caso desta {{Info/Político/Presidente}}.OkSampayu 16h09min de 15 de novembro de 2014 (UTC)

Yes check.svg Feito (vide [1]).Sampayu 22h27min de 16 de novembro de 2014 (UTC)

Nova proposta[editar código-fonte]

@Sampayu, Diego Queiroz e Nakinn: cheguei atrasado... mas Symbol declined.svg discordo totalmente. Concordo que seja alterado para artigos de presidentes e primeiros-ministros. Mas não para deputados, senadores e vereadores. O correto nestes casos é "mandato" e não "período de governo", já que eles não governaram nada. Portanto, o campo "período de governo" só deve ser colocado para pessoas que ocupam cargos no executivo. Érico Wouters (msg) 21h37min de 5 de janeiro de 2015 (UTC)

@Érico Júnior Wouters: Acho que ninguém mais mexeu nisso. Mas nesse caso, a solução seria apenas substituir "Período de governo" por "Período", não? --Diego Queiroz (discussão) 22h16min de 5 de janeiro de 2015 (UTC)
@Diego Queiroz: Eu preferiria usar "mandato", mas não sou totalmente contrário ao usar "período". Érico Wouters (msg) 22h45min de 5 de janeiro de 2015 (UTC)
@Érico Wouters: se concorda com o uso de "Período de governo" em artigos de presidentes e primeiros-ministros, então na realidade você não "discorda totalmente": apenas parcialmente.Hihi Mas vamos por partes:Tongue.png
  • Estamos na página de discussão da subpredefinição {{Info/Político/Presidente}}. Como Presidente é um cargo político do Poder Executivo, o uso da palavra "governo" é adequado. Já no caso da subpredefinição {{Info/Político}} a situação se complica, em termos semânticos e filosóficos, pois embora cargos políticos do Poder Executivo sejam cargos de "governo"[ref. 1] — como é, por exemplo, o caso dos cargos de Prefeito e de Governador —, os cargos políticos do Poder Legislativo — como é, por exemplo, o caso dos cargos de Vereador, Deputado e Senador —, não seriam estritamente cargos de "governo".[ref. 1] Observe, porém, que o governo representativo[ref. 2] é aquele exercido por políticos membros dos Poderes da nação, o que inclui o Poder Legislativo.[ref. 3] Essa denominação é usada porque aqueles que legislam estão, de certo modo, "governando"[ref. 4] o território político pelo qual são responsáveis: aos políticos do Poder Executivo cabe majoritariamente executar a "governança" que os políticos do Poder Legislativo previamente definiram por intermédio da legislação instituidora da ordem jurídica.
  • Além disso, como explicado "lá em cima", um "mandato eletivo" refere-se a exclusivamente um período definido. O problema é que, pelo menos nesta subpredefinição {{Info/Político/Presidente}}, há vários casos de uso do parâmetro mandato para se referir a dois mandatos sucessivos, o que é conceitualmente errado. Em Dilma Rousseff, por exemplo, está assim:
|mandato = 1 de janeiro de 2011<br>à ''atualidade''
  • Observe que de 2011 para cá temos dois mandatos (o segundo iniciou-se em 1 de janeiro de 2015), portanto esse uso do código está conceitualmente errado. Como uma enciclopédia tem caráter didático, ela tem de ensinar o que é certo.

Em suma: embora literalmente a palavra "governo" seja restritiva (limitada a cargos do Poder Executivo), filosoficamente (e também no caso dos governos representativos, que são aqueles do Poder Legislativo, inclusive – não apenas – os dos deputados) a palavra "governo" também contempla cargos políticos tais como Vereador, Senador, Deputado etc.
Apesar disso, não vejo maiores problemas em se usar uma outra forma que denote a existência de dois ou mais mandatos sucessivos, e foi inclusive por isso que "lá em cima" eu também sugeri usar simplesmente Mandato(s). A diferença é que ao invés de se mencionar todos os mandatos, podemos manter o usus corrente, ou seja, grafa-se Mandato(s) porém informa-se somente 1 período que abranja toda a sequência (sucessiva e ininterrupta) de mandatos, como tem sido feito. Que tal?
Nota: no caso do artigo Dilma Rousseff, por exemplo, o código |mandato = 1 de janeiro de 2011<br>à ''atualidade'' resultaria nisto:
Mandato(s)     1 de janeiro de 2011
                          à atualidade
Referências e Notas
  1. a b No sentido de que "governante" é aquele que conduz a gestão de uma sociedade.
  2. Típico em nações e outros territórios políticos optantes pela democracia representativa.
  3. «governo». Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. Consultado em 5 de janeiro de 2015 
  4. No sentido de "estabelecer as regras que definem o modo de funcionar e os rumos (econômicos, morais, ideológicos, bélicos, diplomáticos etc.) que uma sociedade deve seguir".
Sampayu 01h27min de 6 de janeiro de 2015 (UTC)
@Sampayu: hehe, só discordo totalmente em casos do legislativo, etc... acho que não me expressei bem Alegre. Mas Symbol support vote.svg Concordo com a tua proposta em usar a palavra "mandato" em todos os casos. Érico Wouters (msg) 01h31min de 6 de janeiro de 2015 (UTC)
@Érico Wouters: você quiser dizer "mandato(s)" (aquele "(s)" é o "pequeno grande detalhe")???? Se foi isso que você quis dizer, que ótimo, chegamos a um consenso!Movicon2-goodbravo.gif Vou dar um tempo para que outros editores tenham a oportunidade de se manifestar, caso queiram, e daí, caso ninguém se manifeste, posso proceder à mudança no código da predefinição {{Info/Político}} (que é a que realmente precisa ser editada). Isso, claro, assumindo que ninguém se oporá à proposta de grafar Mandato(s), e ainda que onde você grafou "mandato" a intenção tenha mesmo sido a de grafar "mandato(s)".OkSampayu 02h30min de 6 de janeiro de 2015 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com o uso de "mandato" em lugar de "governo", uma vez que a {{Info/Político}} é utilizada não apenas para chefes do Executivo e membros do Legislativo (aos quais já é discutível se o termo "governo" se aplica num sentido estrito), mas também, por exemplo, para ministros e secretários de Estado, que realmente não se pode dizer nem num sentido lato que governam, pois apenas administram. Sphynx-SN (discussão) 01h21min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)

@Sphynx-SN: concorda com o uso de mandato ou de mandato(s)? A diferença é sutil mas é significativa. O que está sendo proposto é o uso de mandato(s), já que o parâmetro mandato está eventualmente sendo usado para representar um período que contempla mais de 1 mandato.Sampayu 03h18min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)
O correto não seria usar apenas "período"? Exemplo: "1995-2003" não responde quantos mandatos foram, mas sim o período. Érico Wouters (msg) 03h30min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)
Você levantou um ponto interessante. "Período" pode de repente parecer um pouco menos óbvio para quem lê a infocaixa do que "período de governo" ou "mandato(s)", mas em contrapartida é uma palavra mais abrangente, por isto reduz a praticamente zero (senão a zero) a possibilidade de em algum contexto essa palavra não ser pertinente. O Guido Mantega, por exemplo, foi ministro de Estado, que não é um cargo eletivo (ele não foi eleito para ser ministro), por isto no caso dele não se pode falar em "mandato" (que é uma abreviação para "mandato eletivo"). Ainda, como o cargo de ministro de Estado faz parte do Poder Executivo, faz sentido grafar "período de governo". Mas seja período de governo, seja 1 mandato eletivo ou sejam dois (ou mais) mandatos eletivos sucessivos, todos eles são intervalos de tempo, evidentemente, por isto grafar "Período" é mesmo o mais abrangente, mais genérico.
Analisando por esse lado, realmente me parece que grafar "Período" é o modo mais "seguro" de evitar algum contexto no qual o nome daquele campo fique semanticamente errado, já que essas predefinições {{Info/Político}} e {{Info/Político/Presidente}} são usadas em uma quantidade consideravelmente grande de artigos, o que inclui políticos que "governam" (como é o caso de Prefeitos, Governadores e Presidente da República), políticos do Poder Legislativo (que não "governam", literalmente falando), políticos que não são eleitos (como é o caso dos ministros de Estado) etc. Em outras palavras: essas predefinições realmente estão sendo usadas para uma gama muito variada de cargos políticos eletivos e não eletivos, governamentais (executivos) e não governamentais (não executivos) etc.
Em suma: Symbol support vote.svg Concordo que Período seja uma grafia ainda melhor que "Mandato(s)".Sampayu 04h35min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)
É mesmo mais interessante usar apenas "período", ou então "período no cargo", parece que assim contempla todos os cargos da predefinição. Mas, se ao final se optar por "mandato", eu sou a favor da forma "mandato(s)". Sphynx-SN (discussão) 16h16min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)

──────────── Yes check.svg Feito. Vide aqui.Sampayu 23h50min de 9 de janeiro de 2015 (UTC)

Primeiro-ministro[editar código-fonte]

Editando o artigo Enrico De Nicola, percebi que o título primeiro-ministro do mesmo insistia em ficar (sendo que ele era presidente). Só depois de fazer uma alteração minuciosa, retirei o nome Alcide De Gasperi de primeiro-ministro na predefinição do artigo, e então ele voltou com o título de Presidente da Itália. Isso não acontecia antes, pois o campo primeiro-ministro era para preencher com os primeiros-ministros daquele mandato. Favor verificarem o que está acontecendo. Todos os artigos que possuem essa predefinição e tem o campo de primeiro-ministro preenchido com os nomes dos primeiros-ministros do mandato do presidente a que refere o artigo, encontram-se com esse problema.--Nahorlopesjr (discussão) 19h50min de 4 de fevereiro de 2015 (UTC)

@Nahorlopesjr: a documentação desta predefinição está errada. O certo neste caso é usar o parâmetro primeiro-ministro1.Sampayu 01h57min de 5 de fevereiro de 2015 (UTC)
@Sampayu: com o parâmetro primeiro-ministro1 não aparecem os primeiros-ministros do mandato presidencial. Veja o artigo que relatei ou um outro caso, Paul von Hindenburg, que teve vários primeiros-ministros durante seu mandato como presidente da Alemanha.--Nahorlopesjr (discussão) 18h52min de 6 de fevereiro de 2015 (UTC)

2º mandato[editar código-fonte]

Do jeito que está, quando um presidente ocupou o cargo por dois mandatos não consecutivos, aparece a anotação "(2º mandato)" depois do título e antes da bandeira (exemplo: Grover Cleveland). É realmente necessário esse "(2º mandato)"? Acredito que é muito óbvio que ele ocupou o cargo em duas ocasiões diferentes e que ele é contado duas vezes na listagem de presidentes. Não vejo necessidade dessa anotação que, pra mim, apenas atrapalha e deixa poluída a caixa. Proponho removê-la e deixar sem nada, como era antes. Cléééston (discussão) 15h11min de 6 de março de 2015 (UTC)

"2º mandato" aparece no lugar errado[editar código-fonte]

No meu entender, há um erro nesta predefinição: estou editando Michelle Bachelet e no seu primeiro período aparece "(2.º mandato)".
PauloMSimoes (discussão) 01h25min de 10 de agosto de 2015 (UTC)

Remoção de predefinição de bandeira[editar código-fonte]

O texto que aqui estava foi movido para: Wikipédia:Café_dos_programadores#Remoção de predefinição de bandeira

Erro na predefinição[editar código-fonte]

Por que ao usar a predefinição no artigo do presidente Rodrigues Alves o fim do mandato como presidente de província, apesar de estar no código-fonte de modo correto (27.04.1888), aparece como sendo o fim do mandato como governador de SP (13.02.1902)? É erro no código da predefinição? comentário não assinado de Marsjo.santos (discussão • contrib) (data/hora não informada)

@Marsjo.santos: Efetivamente existia um erro. Corrigido. JMagalhães (discussão) 13h48min de 17 de maio de 2018 (UTC)

Erro na Predefinição[editar código-fonte]

Quando se adiciona um nome no campo "|primeiro-ministro = ..." o título de Presidente passa a Primeiro-ministro (vide Infobox em [2],teste) erro, não é? Dioluisf (discussão) 15h55min de 19 de novembro de 2019 (UTC)