Professor Dr. Metz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Professor Dr. Metz

Professor Dr. Metz é uma personagem fictícia do filme 007 Os Diamantes São Eternos, de 1971, sétimo da franquia cinematográfica do espião inglês James Bond.

Características[editar | editar código-fonte]

Um cientista e idealista especializado em refração a laser de diamantes, ele se associa a Ernst Stavro Blofeld e à SPECTRE acreditando que o objetivo do chefe é promover o desarmamento e a paz mundial através de um novo satélite de diamantes a laser.[1]

No filme[editar | editar código-fonte]

Metz é visto no laboratório secreto de Blofeld que constrói o satélite, quando Bond entra no recinto disfarçado de técnico para checar os níveis de radiação no local, e, impaciente, expulsa o curioso agente das instalações. Por todo o filme ele está sempre ao lado de Blofeld tratando do desenvolvimento e dos testes do satélite. De temperamento irritadiço, quando ele descobre, após o lançamento do satélite, que as intenções de Blofeld eram bem diferentes das que pareciam, ele tenta demover o vilão de usar a arma laser instalada para destruir Washington D.C. mas é ameaçado de morte por Blofeld. Sem poder para impedir o chefe, ele assiste a tudo impotente. No final do filme, Metz está entre os homens de Blofeld atacados pela esquadrilha de helicópteros de Willard Whyte e da Marinha, e com a explosão da plataforma de petróleo que era o centro de controle secreto de lançamento de Blofeld, seu destino é desconhecido.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Professor Dr Metz (Joseph Furst)». jamesbondmultimedia.com. Consultado em 22 de fevereiro de 2016 
  2. «Diamonds Are Forever (1971)». filmsite.org. Consultado em 22 de fevereiro de 2016