Sylvio Pedroza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sílvio Pedrosa)
Sylvio Pedroza
38.º Governador do Rio Grande do Norte
Período 12 de julho de 1951
até 31 de janeiro de 1956
Vice-governador Nenhum
Antecessor(a) Dix-Sept Rosado
Sucessor(a) Dinarte Mariz
13. Vice-governador do Rio Grande do Norte
Período 31 de janeiro de 1951
até 12 de julho de 1951
Governador Dix-Sept Rosado
Antecessor(a) Tomaz Salustino
Sucessor(a) José Augusto Varela
18.º Prefeito de Natal
Período 8 de abril de 1946
até 8 de abril de 1951
Antecessor(a) José Augusto Varela
Sucessor(a) Claudionor Andrade
Dados pessoais
Nome completo Sylvio Pizza Pedroza
Nascimento 12 de março de 1918
Natal, Rio Grande do Norte
Morte 19 de agosto de 1998 (80 anos)
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileiro
Cônjuge Clô D'azevedo (c. 1939; div. 1962)
Nelma Pedrosa (m. 1998)

Sylvio Pizza Pedroza (Natal, 12 de março de 1918Rio de Janeiro, 19 de agosto de 1998) foi um político brasileiro.[1] Serviu como o 18.º Prefeito de Natal entre 1946 e 1951, 13.º Vice-governador do Rio Grande do Norte entre janeiro e julho de 1951 e o 38.º Governador do Rio Grande do Norte entre 16 de julho de 1951 e 31 de janeiro de 1956.[1]

Seu trabalho como prefeito da capital do estado se caracterizou pelo investimento na orla marítima, pela construção da Avenida do Contorno, a oficialização do bairro do Alecrim, e pela integração do bairro das Rocas ao resto da cidade. Assumiu o governo estadual após o acidente aéreo do Rio do Sal, em Sergipe, no qual seu antecessor, Jerônimo Dix-Sept Rosado Maia faleceu.[1]

Referências e notas

  1. a b c «PEDROSA, SILVIO PIZA». CPDOC - Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil. Consultado em 28 de março de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) político(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.