WWE Intercontinental Championship

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
WWE Intercontinental Championship
WWE Intercontinental Championship.jpg
Atual versão do título.
Detalhes
Atual campeão The Miz
Conquista 15 de novembro de 2016
Promoção WWE
Programa SmackDown
Criação 1º de setembro de 1979
Outros nomes
  • WWF Intercontinental Heavyweight Championship[1]
  • WWF Intercontinental Championship

O WWE Intercontinental Championship é um título de luta livre profissional disputado na WWE. Junto com o WWE United States Championship, é um dos campeonatos secundários da empresa. Embora geralmente disputado por lutadores de segundo escalão e na metade dos shows da WWE, o título foi defendido nos eventos principais do WrestleMania VI, SummerSlam de 1992, nos In Your Houses 3 e 8 e no Backlash 2001. O Intercontinental Championship tem sido chamado de "trampolim" para o WWE World Heavyweight Championship.[3][4][5]

Os campeões intercontinentais da WWE são determinados com a realização de combates de luta profissional, em que os vencedores de cada combate são predeterminados por um roteiro.[6] Até o presente mês de dezembro de 2016, um total de 78 lutadores, distribuídos em 159 reinados distintos, já conquistaram o Intercontinental Championship. O primeiro campeão foi Pat Patterson e o atual é The Miz.

História[editar | editar código-fonte]

Pat Patterson se tornou o primeiro campeão, em 15 de setembro de 1979, quando derrotou Ted DiBiase para ganhar o WWF North American Heavyweight Championship e o unificando em um torneio fictício para unificá-lo ao South American Heavyweight Championship , no Rio de Janeiro.[7] O título, então, passou a ser conhecido como WWF Intercontinental Championship.

Em 17 de outubro de 1999, Chyna se tornou a primeira mulher a ganhar o Intercontinental Championship, após derrotar Jeff Jarrett no No Mercy.[8][9] Após a World Wrestling Federation comprar a World Championship Wrestling em março de 2001,[10] o título foi unificado ao WCW United States Championship no Survivor Series de 2001, desativando o United States Championship. O Campeão dos Estados Unidos, Edge, derrotou o Campeão Intercontinental Test para unificar os títulos.[11]

Em 2002, o título foi novamente unificado, dessa vez ao European Championship em uma ladder match em 22 de julho de 2002, e ao Hardcore Championship em 26 de agosto. O Campeão Intercontinental, Rob Van Dam, derrotou o Campeão Europeu, Jeff Hardy e o Campeão Hardcore, Tommy Dreamer.[12][13] Como resultado, Rob Van Dam foi nomeado o último detentor de ambos European e Hardcore Championship.[14][15] No No Mercy de 2002, o título foi unificado ao World Heavyweight Championship. O Campeão Mundial dos Pesos-Pesados Triple H derrotou o Campeão Intercontinental Kane, desativando o Intercontinental Championship.[16] Em maio de 2003, Stone Cold Steve Austin o reativou no Raw. Logo depois, o WCW United States Championship foi reativado como WWE United States Championship no SmackDown. Durante o Draft de 2009, em 13 de abril de 2009, o Campeão Intercontinental Rey Mysterio foi transferido para o SmackDown, levando o título consigo.[17] Em 2 de outubro de 2011, Cody Rhodes, então campeão, introduziu uma versão modificada da versão clássica do cinturão, com uma alça branca e com o logotipo da WWE, durante o pay-per-view Hell in a Cell.[18]

Reinados[editar | editar código-fonte]

O campeão inaugural foi Pat Patterson, que unificou o North American Championship ao "South American Heavyweight Championship" em um torneio fictício no Rio de Janeiro, Brasil em setembro de 1979. Chris Jericho detém o recorde de maior número de reinados, com nove. The Honky Tonk Man é o recordista de dias com o título, com 454, enquanto Triple H possui o mais curto reinado, por ter unificado o título ao World Heavyweight Championship imediatamente após ganhá-lo. Chyna é a única mulher da história a ter ganho o título. O atual campeão é The Miz, que derrotou Dolph Ziggler no SmackDown em 15 de outubro de 2016.

Referências

  1. WWE WrestleMania I (DVD). WWE. 1985-03-31. 
  2. Dean Douglas' Reign
  3. "WWE: Assessing the prestige of the Intercontinental Championship" on AllWrestling. http://allwrestling.com/newswireitem/8090/wwe-assessing-prestige-intercontinental-championship/ (accessed 7th of April 2015).
  4. "Intercontinental Title Or United States Title: Which Is Currently Getting The Better Rub?" on Wrestle Zone. http://www.wrestlezone.com/news/557011-intercontinental-title-or-united-states-title-which-is-currently-getting-the-better-rub (accessed 7th of April 2015).
  5. "Ranking the Top 10 Greatest WWE Intercontinental Championship Ladder Matches" on Bleacher Report. http://bleacherreport.com/articles/2411995-ranking-the-top-10-greatest-wwe-intercontinental-championship-ladder-matches (accessed 7th of April 2015).
  6. Grabianowski, Ed. «How Pro Wrestling Works». HowStuffWorks, Inc. (em inglês). Discovery Communications. Consultado em 15 de outubro de 2012. 
  7. «Pat Patterson's first reign». 
  8. Lilsboy (2005). «The truth about Chyna». The Sun. Consultado em 2007-04-12. 
  9. Laurer, Joanie. If They Only Knew, 299.
  10. «WWE Entertainment, Inc. Acquires WCW from Turner Broadcasting». WWE Corporate. 2001-03-23. Consultado em 2007-12-07. 
  11. «Survivor Series 2001 results». WWE. Consultado em 2007-12-07. 
  12. «WWE Raw - June 22, 2002 results». Online World of Wrestling. Consultado em 2007-12-07. 
  13. «WWE Raw - August 26, 2002 results». Online World of Wrestling. Consultado em 2007-12-07. 
  14. «WWE European Championship history». WWE. Consultado em 2007-12-07. 
  15. «WWE Hardcore Championship history». WWE.com. Consultado em 2007-12-07. 
  16. «No Mercy 2002 results». WWE. Consultado em 2007-12-07. 
  17. Plummer, Dale (2009-04-14). «RAW: Drafting a fresh start for the WWE». Slam! Sports. Canadian Online Explorer. Consultado em 2009-04-15. 
  18. Buridck, Michael (2011-10-02). «WWE "Intercontinental Champion Cody Rhodes def. John Morrison"». Consultado em 2011-10-04. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]