Último período glacial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tipos de vegetação no auge da última glaciação

O Último período glacial, também referido como Idade do Gelo, Glaciação Wisconsin, Glaciação Würms, Würmiano ou Laurenciano[1] , é a designação dada ao último episódio de glaciação da Terra registado durante a presente idade geológica. Teve lugar durante a última parte do Pleistoceno, de aproximadamente 110 000 a 10 000 antes do presente[2] e é a mais conhecida das glaciações antropológicas.

Foi definida por A. Penck e E. Brückner (1901-1909), como glaciações alpinas (RISS, Mindel, Günz, Donau). Sua definição é baseada em observações geológicas consequentes da redução significativa das temperaturas médias durante um longo período (gelo de água fluvial, morenas) nos Alpes. Considera-se que ela começou há 100 mil anos e terminou há 12 mil.

Esta glaciação foi a última acontecida na Terra, e com ela se considera terminado o período Pleistoceno e as denominadas "glaciações antropológicas" por cientistas, devido ao fato de terem sido usadas para a travessia do homem para a América do Norte. As outras glaciações antropológicas anteriores a Würm foram a Glaciação Donau, há dois milhões de anos, a Glaciação Günz, há cerca de 700 mil anos, a Glaciação Mindel, há cerca de 400 mil anos e a Glaciação Riss, há 150 mil anos. Se supõe, segundo as teorias enunciadas, que todas elas foram usadas pelo homem para chegar a América, em maior ou menor grau. Os cientistas as consideram "glaciações recentes".

Notas

  1. O episódio glaciar tem múltiplos nomes, em geral ligados às regiões geográficas onde foi estudado: glaciação Wisconsin ou Wisconsiniano (como é conhecida na América, glaciação Weichsel (na Escandinávia), devensiana (nas Ilhas Britânicas), midlandiana (na Irlanda) e Würm (nos Alpes).
  2. Glaciation of Wisconsin, Lee Clayton, John W. Attig, David M. Mickelson, Mark D. Johnson, and Kent M. Syverson, University of Wisconsin, Dept. of Geology

Referências

  • Bowen, D.Q., 1978, Quaternary geology: a stratigraphic framework for multidisciplinary work. Pergamon Press, Oxford, United Kingdom. 221 pp. ISBN 978-0080204093
  • Ehlers, J., and P.L. Gibbard, 2004a, Quaternary Glaciations: Extent and Chronology 2: Part II North America. Elsevier, Amsterdam. ISBN 0-444-51462-7
  • Ehlers, J., and P L. Gibbard, 2004b, Quaternary Glaciations: Extent and Chronology 3: Part III: South America, Asia, Africa, Australia, Antarctica. ISBN 0-444-51593-3
  • Gillespie, A.R., S.C. Porter, and B.F. Atwater, 2004, The Quaternary Period in the United States. Developments in Quaternary Science no. 1. Elsevier, Amsterdam. ISBN 978-0-444-51471-4
  • Harris, A.G., E. Tuttle, S.D. Tuttle, 1997, Geology of National Parks: Fifth Edition. Kendall/Hunt Publishing, Iowa. ISBN 0-7872-5353-7
  • Matthias Kuhle, 1988: The Pleistocene Glaciation of Tibet and the Onset of Ice Ages- An Autocycle Hypothesis. In: GeoJournal 17 (4), Tibet and High-Asia I. 581–596.
  • Mangerud, J., J. Ehlers, and P. Gibbard, 2004, Quaternary Glaciations : Extent and Chronology 1: Part I Europe. Elsevier, Amsterdam. ISBN 0-444-51462-7
  • Sibrava, V., Bowen, D.Q, and Richmond, G.M., 1986, Quaternary Glaciations in the Northern Hemisphere, Quaternary Science Reviews. vol. 5, pp. 1–514.
  • Pielou, E.C., 1991. After the Ice Age : The Return of Life to Glaciated North America. University Of Chicago Press, Chicago, Illinois. ISBN 0-226-66812-6 (paperback 1992)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Último período glacial


Ícone de esboço Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.