35ª reunião de cúpula do G8

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Líderes do G8 posando no primeiro dia do evento.

A 35ª reunião de cúpula do G8 realizou-se entre 8 e 10 de julho de 2009, na academia da Guardia di Finanza localizada na cidade de Áquila, Itália. O local da reunião foi alterado de La Maddalena como parte de uma tentativa do governo italiano de redistribuir fundos para Áquila que foi quase devastada pelo terremoto de abril de 2009.[1]

Participantes[editar | editar código-fonte]

Além dos líderes do G8, participam dessa reunião chefes de Estado e outras autoridades, porém esses participam apenas de algumas atividades.

Permanentes[editar | editar código-fonte]

Convidados[editar | editar código-fonte]

G8+5[editar | editar código-fonte]

a. ^ O presidente chinês Hu Jintao reduziu sua participação para acompanhar os sérios distúrbio étnicos ocorridos em Ürümqi.[2] O conselheiro de estado, Dai Bingguo, liderou a delegação chinesa.

Outros líderes[editar | editar código-fonte]

Líderes de organizações internacionais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. LifeInItaly.com (23 de abril de 2009). G8: Italy wants to move Summit to L'Aquila (em inglês). Página visitada em 11 de julho de 2009.
  2. BBC; Quentin Sommerville (8 de julho de 2009). Troops flood into China riot city (em inglês). Página visitada em 11 de julho de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre 35ª reunião de cúpula do G8