Guitar Hero: World Tour

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Guitar Hero World Tour)
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Games.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde dezembro de 2009.

Guitar Hero World Tour
Produtora Neversoft (Xbox 360/PS3)
Vicarious Visions (Wii)
Budcat Creations (PS2)
Aspyr (PC)
Activision (Wii)
Editora(s) Aksys Games
Plataforma(s) PlayStation 2, PlayStation 3, Xbox 360, Wii, PC
Série Guitar Hero
Data(s) de lançamento
Gênero(s) Musical
Modos de jogo Single-player
Multiplayer
Classificação Inadequado para menores de 13 anos i ESRB (América do Norte)
Orientação dos pais recomendada i OFLCA (Austrália)
Média Blu-ray (PS3)
DVD (PS2/Xbox 360)
Wii Optical Disc (Wii)
Último
Último
Guitar Hero Metallica
Próximo
Próximo

Guitar Hero World Tour é a quarta versão da série Guitar Hero, Foi desenvolvido pela Neversoft e publicado pela RedOctane e Activision, Foi lançado no dia 27 de outubro de 2008. O jogo esta disponível para PC e os consoles: Xbox 360, PlayStation 2, PlayStation 3 e Wii.

Segundo o informante Game o jogo irá permitir aos usuários criar novas músicas, incluindo bateria, vocal, guitarra e baixo, embora o modo estúdio será sem vocais, devido a limitações de armazenamento e de direitos autorais. Confirma-se que os jogadores serão capazes de enviar e compartilhar suas canções.

O Jogo[editar | editar código-fonte]

Guitar Hero é uma série que fez sucesso. O jogo tenta simular de forma real os acordes da guitarra. No Guitar Hero World Tour,isso foi expandido,podendo-se usar a bateria e o microfone. Agora é preciso o Microfone,a Guitarra Controle,e o Kit De Bateria do Jogo para se jogar com cada um dos seus instrumentos.

Foi confirmado que o jogo "não poderá" ser jogado com o DualShock 2, que só poderá ser usado para navegar nos menus. Porém, foi detectado um bug na programação do jogo, no qual é possível jogar com o DualShock 2.[carece de fontes?] No momento que o jogo pedir o dispositivo, remover o controle pressionando o botão R2 e colocando-o novamente a seguir, faria o jogador ultrapassar esta brecha, aproveitando-se do bug.[carece de fontes?]

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Bateria do Guitar Hero World Tour.

Guitar Hero World Tour terá como base os atuais de jogabilidade do anterior Guitar Hero. O Star Power, recurso que tem surgido ao longo de todo o Guitar Hero série está voltando. O tradicional único jogador, Carrer Mode, tem sido redefinidos. Em vez de jogar através de uma setlist, os jogadores vão encontrar durante o modo carreira, que oferecem uma escolha de músicas para jogar, sendo, no entanto, não têm de completar todas as músicas na lista de proceder. Os níveis de dificuldade incluiu uma nova dificuldade denominado "Iniciante", bem como o regular modos dificuldade (Easy, Medium, Hard e Expert), este Modo Carreira irá permitir aos jogadores para uma queda menor de dificuldade, sem reiniciar suas carreiras, se eles têm dificuldade com uma canção. O jogador também será capaz de mudar para um instrumento diferente durante a mesma carreira sem ter que reiniciar. Há cinco modos total instrumento de carreira dentro do jogo: guitarra,baixo, bateria, voz, e online / offline banda completa.

Outra coisa é que no nível expert há uma nova nota. Antes, as notas eram Verde, Vermelho, Amarelo, Azul e Laranja. Agora terá o Rosa, que só tem em algumas músicas. Ele é um traço que fica embaixo das cores como o pedal da bateria, e estara disponível para Baixo e Guitarra

Personalização[editar | editar código-fonte]

Os usuários poderão utilizar o modo "Create-a-Rocker", baseado no similar modo "Create-a-Skater" de Tony Hawk's e do caráter avançado sistema de criação a partir do "Tiger Woods PGA Tour Series". Os jogadores serão capazes de afectar a pose de seu personagem, vestuário, tatuagens, maquiagem e idade. Personagens das versões anteriores de Guitar Hero também estarão disponíveis como modelos de partida para a criação de um rocker. Como resultado da presente ação judicial com Guitarras Gibson, o jogador também será capaz de personalizar as suas próprias guitarras para o jogo com um grau elevado. Baterias e microfones também serão personalizáveis.

Personalizar Canções[editar | editar código-fonte]

Guitar Hero World Tour irá permitir aos jogadores criar as suas próprias canções e compartilhá-los com os outros através do Xbox Live, PlayStation Network, e Nintendo Wi-Fi Connection Internet Capacities. O Vocal não é suportado por essa modalidade devido aos direitos autorais. Originalmente, o jogo irá incluir um modo "Jam Over" , o que permitirá aos jogadores criar novas pistas sobre as músicas do disco já existente, mas a Activision tinha declarado que esta modalidade tinha sido retirado do jogo.

Download[editar | editar código-fonte]

Além de customizar canções, os jogadores do Xbox 360, PlayStation 3 e Wii poderão fazer download de novas canções licenciadas para o jogo. Este é o primeiro jogo da série a apoiar a função Guitar Hero Download sobre o Wii.Os usuários do Wii serão capazes de armazenar músicas baixadas nas memórias internas do Wii ou em um cartão SD em um "Rock Arquivo", e em seguida, será capaz de criar listas de presente.

Novidades[editar | editar código-fonte]

  • A criação de músicas próprias estará disponível.
  • Será possível tocar bateria e cantar.
  • Edição dos personagens que ficam ao fundo durante o jogo: a banda (cantor, guitarrista, etc.)
  • Criação de uma guitarra própria, escolhendo os captadores, alavancas, cordas, braço etc.
  • Presença de personagens reais no jogo, entre eles Ozzy Osbourne, Jimi Hendrix, Sting, Travis Barker, Billy Corgan, Hayley Williams, além de "Guitar Battles" com Ted Nugent e Zakk Wylde.

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

A versão para PC vazou na internet antes de seu lançamento.

Lista de Músicas[editar | editar código-fonte]

A lista é composta por 84 músicas de bandas e estilos totalmente distintos dentro do Rock, além de duas "Guitar Battles" contra os guitarristas Ted Nugent e Zakk Wylde.

O set-list completo foi revelado em 12 de setembro de 2008.[1]

Música Artista
"About a Girl" (versão Unplugged) Nirvana
"Aggro" The Enemy
"American Woman" The Guess Who
"Anti-Social" Trust
"Are You Gonna Go My Way" Lenny Kravitz
"Assassin" Muse
"Band on the Run" Wings
"Beat It" Michael Jackson
"Beautiful Disaster" 311
"B.Y.O.B." System of a Down
"Crazy Train" Ozzy Osbourne
"Dammit" Blink-182
"Demolition Man" (versão Live) The Police
"Do It Again" Steely Dan
"Escuela de Calor" Radio Futura
"Everlong" Foo Fighters
"Eye of the Tiger" Survivor
"Feel the Pain" Dinosaur Jr.
"Float On" Modest Mouse
"Freak on a Leash" Korn
"Go Your Own Way" Fleetwood Mac
"Good God" Anouk
"Hail to the Freaks" Beatsteaks
"Heartbreaker" Pat Benatar
"Hey Man, Nice Shot" Filter
"Hollywood Nights" Bob Seger
"Hot for Teacher" Van Halen
"Hotel California" The Eagles
"Kick Out the Jams" Wayne Kramer
"L'Via L'Viaquez" Mars Volta
"La Bamba" Los Lobos
"Lazy Eye" Silversun Pickups
"Livin' on a Prayer" Bon Jovi
"Love Me Two Times" The Doors
"Love Removal Machine" The Cult
"Love Spreads" The Stone Roses
"Misery Business" Paramore
"Mountain Song" Jane's Addiction
"Mr. Crowley" Ozzy Osbourne
"Never Too Late" The Answer
"No Sleep Till Brooklyn" Beastie Boys
"Nuvole e Lenzuola" Negramaro
"Obstacle 1" Interpol
"On The Road Again" Willie Nelson
"One Armed Scissor" At the Drive-In
"One Way or Another" Blondie
"Our Truth" Lacuna Coil
"Overkill" Motörhead
"Parabola" Tool
"Pretty Vacant" Sex Pistols
"Prisoner of Society" The Living End
"Pull Me Under" Dream Theater
"Purple Haze" (versão Live) Jimi Hendrix
"Ramblin' Man" The Allman Brothers Band
"Re-Education (Through Labor)" Rise Against
"Rebel Yell" Billy Idol
"Rooftops (A Liberation Broadcast)" Lostprophets
"Santeria" Sublime
"Satch Boogie" Joe Satriani
"Schism" Tool
"Scream Aim Fire" Bullet for My Valentine
"Shiver" Coldplay
"Some Might Say" Oasis
"Soul Doubt" NOFX
"Spiderwebs" No Doubt
"Stillborn" Black Label Society
"Stranglehold" Ted Nugent
"Sweet Home Alabama" (Live) Lynyrd Skynyrd
"The Joker" Steve Miller Band
"The Kill" 30 Seconds to Mars
"The Middle" Jimmy Eat World
"The One I Love" R.E.M.
"The Wind Cries Mary" Jimi Hendrix
"Today" The Smashing Pumpkins
"Too Much, Too Young, Too Fast" Airbourne
"Toy Boy" Stuck in the Sound
"Trapped Under Ice" Metallica
"Up Around the Bend" Creedence Clearwater Revival
"Vicarious" Tool
"Vinternoll 2" Kent
"Weapon of Choice" Black Rebel Motorcycle Club
"What I've Done" Linkin Park
"You're Gonna Say Yeah" HushPuppies

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]