Gustavo I da Suécia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde agosto de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Gustavo I
Rei da Suécia
Reinado 6 de julho de 1523
a 29 de setembro de 1560
Coroação 6 de julho de 1523
Predecessor Cristiano II
Sucessor Érico XIV
Esposas Catarina de Saxe-Lauemburgo
Margarida Leijonhufvud
Catarina Stenbock
Descendência
Érico XIV da Suécia
João III da Suécia
Catarina da Suécia
Cecília da Suécia
Magno, Duque de Östergötland
Ana Maria da Suécia
Sofia da Suécia
Isabel da Suécia
Carlos IX da Suécia
Nome completo
Gustavo Eriksson
Casa Vasa
Pai Érico Vasa
Mãe Cecília Månsdotter
Nascimento 12 de maio de 1496
Rydbo ou Lindholmen, Suécia
Morte 29 de setembro de 1560 (64 anos)
Estocolmo, Suécia
Enterro 21 de dezembro de 1560
Catedral de Uppsala, Uppsala, Suécia
Religião Luteranismo
(anteriormente Catolicismo)

Gustavo I (Rydbo ou Lindholmen, 12 de maio de 1496Estocolmo, 29 de setembro de 1560), nascido Gustavo Eriksson e mais tarde conhecido como Gustavo Vasa, foi o Rei da Suécia de 1523 até sua morte. Anteriormente foi o Protetor do Reino de 1521 até sua ascensão, durante a Guerra Sueca de Libertação contra o rei Cristiano II da Dinamarca. Originalmente de uma posição baixa da sociedade, Gustavo subiu para liderar o movimento rebelde após o Banho de Sangue de Estocolmo, em que seu pai foi morto. Sua eleição a rei em junho e sua triunfante entrada em Estocolmo onze dias depois significou o fim da monarquia eletiva da Suécia medieval e também o fim da União de Kalmar. Gustavo estabeleceu uma monarquia hereditária sob a Casa de Vasa.

Fontes[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Cristiano II
Rei da Suécia
1521 — 1560
Sucedido por
Érico XIV
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.