Gustavo II Adolfo da Suécia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde novembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Gustavo II Adolfo
Rei da Suécia
Reinado 30 de outubro de 1611
a 6 de novembro de 1632
Coroação 16 de outubro de 1617
Predecessor Carlos IX
Sucessora Cristina
Esposa Maria Leonor de Brandemburgo
Descendência
Cristina da Suécia
Casa Vasa
Pai Carlos IX da Suécia
Mãe Cristina de Holstein-Gottorp
Nascimento 9 de dezembro de 1594
Castelo das Três Coroas, Estocolmo, Suécia
Morte 6 de novembro de 1632 (37 anos)
Lützen, Saxônia, Sacro Império Romano-Germânico
Enterro 22 de junho de 1634
Riddarholmskyrkan, Estocolmo, Suécia
Religião Luteranismo
Brasão

Gustavo II Adolfo (Estocolmo, 9 de dezembro de 1594 – Lützen, 6 de novembro de 1632) foi o Rei da Suécia de 1611 até sua morte, creditado como fundador do Império Sueco como uma grande potência internacional. Ele liderou a Suécia para a supremacia militar durante a Guerra dos Trinta Anos, ajudando a determinar o equilíbrio do poder político e religioso na Europa.

Gustavo é frequentemente considerado como um dos maiores comandantes militares de todos os tempos. Sua vitória mais notável foi na Batalha de Breitenfeld. Ele tinha uma máquina militar incrível com boas armas, excelente treinamento e efetivo apoio de artilharia que eram auxiliados por um governo eficiente que conseguia dar-lhe os fundos necessários, porém foi morto na Batalha de Lützen.

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Gustavo II Adolfo da Suécia
Precedido por
Carlos IX
Rei da Suécia
16111632
Sucedido por
Cristina
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.