John Hansen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
John Hansen
Informações pessoais
Nome completo John Angelo Valdemar Østergaard Hansen
Data de nasc. 27 de Julho de 1924 (90 anos)
Local de nasc. Copenhague, Dinamarca Dinamarca
Falecido em 12 de Janeiro de 1990 (65 anos)
Local da morte Copenhague, Dinamarca Dinamarca
Altura 1,87 m
Informações profissionais
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
19431948
19481954
19541955
19551960
Dinamarca Frem
Itália Juventus
Itália Lazio
Dinamarca Frem
00071 000(84)
00187 00(124)
00027 000(15)
00043 000(29)
Seleção nacional
1948 Flag of Denmark.svg Dinamarca 00008 000(10)
Times que treinou
1956
1969
Dinamarca Frem
Flag of Denmark.svg Dinamarca

John Angelo Valdemar Østergaard Hansen, mais conhecido como John Hansen, (Copenhague, 27 de Julho de 1924Copenhague, 12 de Janeiro de 1990) foi um futebolista dinamarquês.

Pela Seleção Dinamarquesa, Hansen disputou apenas oito partidas, mas marcando dez gols. Destaca-se a partida contra a Itália nas Olimpíadas de 1948, na qual marcou quatro dos cinco gols, em vitória que custou o emprego do técnico italiano, o lendário Vittorio Pozzo. Foi esse jogo que fez Hansen ser conhecido pelos italianos; após as Olimpíadas, o dinamarquês foi primeiramente sondado pelos dirigentes do Torino, mas acabaria acertando com a rival Juventus. Sua decisão acabaria, de certa forma, salvando-lhe a vida: o Toro, que tinha o melhor time da Itália na época, perderia todo o seu grande elenco em um acidente aéreo, um ano depois.

Durante sua passagem pela Itália, principalmente, pela Juventus (jogaria também pela Lazio), Hansen teve grande rivalidade com outro nórdico, o sueco Gunnar Nordahl, disputando ano a ano a artilharia do campeonato italiano. Apesar de seu talento para marcar, Hansen conseguiu levar a melhor apenas em uma ocasião sobre Nordahl: em 1952, quando terminou com cinco tentos a mais.

Curiosamente, também haviam disputado a artilharia dos Jogos de 1948, onde acabaram empatados com sete gols cada, com um sabor melhor para Nordahl: Suécia e Dinamarca se enfrentaram nas semifinais, com vitória dos suecos, que conquistariam o ouro - os dinamarqueses receberiam o bronze, após baterem o Reino Unido (tendo Hansen marcado duas vezes na vitória por 5 a 3 na partida pelo terceiro lugar), no que foi o maior prêmio do futebol do país até o título da Eurocopa 1992.

Hansen também foi treinador em duas oportunidades. A primeira, em 1956, quando treinou o Frem (clube que o revelou para o futebol e também onde encerrara a carreira), e a segunda em 1969, pela seleção da Dinamarca. Ambas as passagens foram muito curtas, durando menos de um ano, e não tendo nenhum destaque.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Frem
Juventus
Dinamarca

Individuais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de DinamarcaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas dinamarqueses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.