Lenovo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lenovo Group Limited
Lenovo Logo.svg
Fundação Pequim (1984)
Sede Pequim,  China
Raleigh, NC,  Estados Unidos
Pessoas-chave Yang Yuanqing
(Presidente e CEO)
Empregados 27,000 (2012)
Produtos Desktop , servidor , tablet , netbook , periféricos , impressoras , televisores , scanners , armazenamento
Página oficial www.lenovo.com

Lenovo Group Limited, anteriormente conhecida como Legend Group Ltd e New Technology Developer Incorporated, é uma multinacional chinesa de tecnologia, situada em Pequim, China, e Morrisville, EUA.[1] A empresa foi fundada em Pequim em 1984 por Liu Chuanzhi, junto de dez engenheiros, sob o nome New Technology Developer Inc. (predecessora da Legend Group), mas a empresa controladora só passou a existir em 1988, em Hong Kong.[2]

Em 2005, a Lenovo comprou a Divisão de PCs da IBM.[3] Sua sede está situada em Raleigh, Carolina do Norte, nos Estados Unidos, sede do extinto grupo ThinkPad da IBM. Possui em seu portfólio de produtos os conhecidos desktops e laptops da linha Think - voltado para o uso corporativo, e a linha Idea - com recursos de entretenimento (áudio e vídeo) voltados para o consumidor de varejo.[carece de fontes?]

Em outubro de 2011, a Lenovo anunciou uma aliança com a produtora terceirizada de notebooks e PCs, Compal Eletronics. O empreendimento de mais de 300 milhões de dólares provocou o aumento disparado das ações da Lenovo em 11,2% na bolsa de Hong Kong.[4]

No Brasil, comprou a empresa de eletroeletrônicos CCE, em setembro de 2012.[5] Em janeiro de 2014, a Lenovo adquiriu a Motorola Mobility da Google por US$ 2,91 bilhões.[6] [7] [8] [9] [10] A transação está sujeita a aprovação de órgãos reguladores nos EUA e China.[6] [7] [8] Quando a transação for finalizada, a Google terá uma participação de 6% na Lenovo por US$ 750 milhões.[11]

"Lenovo" é a junção das palavras "Legend" (lenda, em inglês) e "novo". O nome chinês (chinês simplificado: 联想; chinês tradicional: 聯想; pinyin: liánxiǎng) pode significar "associação" ou "criatividade".[12]

Referências

  1. Nossa empresa (em português). www.lenovo.com. Página visitada em 30 de janeiro de 2014.
  2. História (em português). www.lenovo.com. Página visitada em 30 de janeiro de 2014.
  3. (FORBES)
  4. (REUTERS)
  5. Vinicius Aguiari (5 de janeiro de 2013). Lenovo conclui compra da CCE no Brasil (em português). exame.abril.com.br. Página visitada em 30 de janeiro de 2014.
  6. a b Lenovo to acquire Motorola Mobility (em inglês). googleblog.blogspot.com (29 de janeiro de 2014). Página visitada em 1 de fevereiro de 2014.
  7. a b Lenovo to Acquire Motorola Mobility from Google (em inglês). investor.google.com (29 de janeiro de 2014). Página visitada em 1 de fevereiro de 2014.
  8. a b Motorola to Join Lenovo to Create a Truly Global Smartphone Company (em inglês). motorola-blog.blogspot.com (29 de janeiro de 2014). Página visitada em 1 de fevereiro de 2014.
  9. Jacob Kastrenakes (29 de janeiro de 2014). Google sells Motorola to Lenovo for $2.91 billion (em inglês). The Verge. Página visitada em 29 de janeiro de 2014.
  10. Wikerson Landim (29 de janeiro de 2014). Confirmado: Lenovo compra Motorola da Google por US$ 2,91 bilhões (em português). TecMundo. Página visitada em 30 de janeiro de 2014.
  11. Google to own 6% stake in Chinese PC maker Lenovo (em inglês). bbc.co.uk (7 de fevereiro de 2014). Página visitada em 7 de fevereiro de 2014.
  12. Todd Crowell (2008). Ever heard of Lenovo, Haier, CNOOC? You will (em inglês). Christian Science Monitor. Página visitada em 30 de janeiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]